Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17166
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorPamplona, Renata Silva-
dc.date.accessioned2019-02-27T13:44:54Z-
dc.date.available2019-02-27T13:44:54Z-
dc.date.issued2006-07-
dc.identifier.citationPAMPLONA, Renata Silva. A concepção pedagógica em Rousseau. Itinerarius Reflectionis, Jataí, v. 1, n. 2, jan./jul. 2006. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/rir/article/view/20322/19135>.pt_BR
dc.identifier.issne- 1807-9342-
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17166-
dc.description.abstractThrough this article we intend to discuss the pedagogical conception proposed by the French philosopher Jean Jacques Rousseau, a precursor in thinking a child as an individual, creative and autonomous.By arguing that students play an important and central role in the educacional process, no longer passive, it becomes essential to review his conception, especially when his theory claims to be necessary a diferentiated educational posture that gives privilege to the student’s reflexive knowledge. We also intend to go along the particular manner that Rousseau deals with the person’s formation, considering it as innate to human condition, which means that his ideas are entailed to the defense of freedom, naturalness and negativity, to propose a model of education that truly forms a person prepared to real life, in order to accommodate his primary necessities and, by consequence, their social needs. Rousseau’s way manner of versing about these themes allows the seek of a new form of comprehension or a new glance in postures often stereotyped and radicated in pedagogical pactices that might not attend the primary goal of the person’s formation. Thus, the proposal of this article is to go along Rousseau’s thought, seeking to reflect about it and absorb his contributions to a critical pedagogical practice as well as to a theoretical concept.pt_BR
dc.description.sponsorshipUFGpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherJosé Sílvio Oliveirapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectJean-Jacques Rousseaupt_BR
dc.subjectConcepção pedagógicapt_BR
dc.subjectPedagogical conceptionspt_BR
dc.titleA concepção pedagógica em Rousseaupt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.description.resumoEste artigo busca refletir sobre a concepção pedagógica do filósofo Jean-Jacques Rousseau, que por ser um dos pioneiros em pensar a criança como ser singular, criativo e autônomo, e por pensar o aluno como centro no processo educacional, e não mais como um ser passivo, torna-se indispensável rever sua concepção, sobretudo quando se dispõe pensar uma postura educacional diferenciada e que privilegie o saber reflexivo do aluno. Busca-se discorrer sobre a particular maneira como Rousseau pensa a formação do homem, considerando-a como parte intrínseca da condição humana, sendo assim, suas idéias estarão vinculadas à defesa da liberdade, naturalidade e negatividade, para propor uma educação que possa verdadeiramente formar um homem para a vida, para atender as suas necessidades primeiras de ser homem, e conseqüentemente as sociais. A maneira rousseauniana de versar sobre essa temática permite a busca de uma nova compreensão, ou um novo olhar sobre posturas muitas vezes estereotipadas, arraigadas em práticas pedagógicas que podem não mais atender ao objetivo primeiro que é a formação humana. Para tanto a proposta desse trabalho é percorrer o pensamento rousseauniano, buscando refleti-lo e absorver suas contribuições para a prática pedagógica, e concepção teórica.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFGpt_BR
dc.identifier.doi10.5216/rir.v1i2.183-
dc.publisher.departmentRegional Jataí (RJ)pt_BR
Aparece nas coleções:RJ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Renata Silva Pamplona - 2006.pdf225,92 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.