Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17258
Tipo do documento: Artigo
Título: Escola de tempo integral: uma reflexão sobre suas contribuições e seus desafios, considerando a diversidade e a inclusão
Título(s) alternativo(s): Full time school: a reflection about their contributions and its challenges, considering the diversity and the inclusion
Autor: Alves, Joana D'arc Moreira
Resumo: No Brasil, o Projeto Escola Pública Integrada está sendo implantado gradativamente, com duas características principais: ampliação do tempo de permanência do educando na escola e a busca pela educação integral. Pensando em termos de uma política pública de educação, a concepção de educação integral, conforme proposta nos documentos governamentais existentes, trás consigo oportunidades complementares de formação, prometendo inovações e enriquecimento curricular, através de uma perspectiva crítico emancipadora, que possibilita aos seus sujeitos refletir e agir rumo a melhorias significativas da qualidade de vida. Pretende-se analisar neste trabalho a concepção de educação integral do mencionado Projeto Escola Pública Integrada. De acordo com esta finalidade, decidiu-se buscar, na bibliografia educacional, questões relacionadas à educação integral conforme a perspectiva pragmatista, por ser esta a primeira proposta de educação integral e, até o momento, a mais presente e influente na prática educacional brasileira. Essa concepção teórica pragmatista, de cunho liberal, que propõe a adaptação das pessoas ao sistema social em vigor, concebe a educação integral como possibilidade de formação humana, enfatizando o desenvolvimento completo, considerando as capacidades físicas, intelectuais, emocionais, sociais, obtidos neste caso, através da ampliação do tempo de permanência do aluno na escola. Os especialistas concordam que implantar a educação integral no país exige mudanças estruturais, tanto na dimensão física quanto na área administrativa e pedagógica e, consequentemente, transformação das posturas dos envolvidos neste processo educativo.É oportuno pensar nas bases histórico-metodológicas dessa forma de educação emergente, dando suporte para que novas produções teórico - práticas possam ser efetuadas, contribuindo para essa área de estudos.É neste sentido que essa reflexão sobre a escola e a educação integral não se caracteriza como uma fomentação em prol do modismo, termo tão criticado no meio educacional. Com base na pesquisa documental e bibliográfica objetivou-se refletir sobre os pontos congruentes e incongruentes que perpassam essas três instâncias: Escola de tempo integral, diversidade e formação humana e sistema vigente.
Abstract: In Brazil, the integrated Public School Project is being implemented gradually, with two main characteristics: increase of the student’s length stay at school and the pursuit for comprehensive education. Thinking in terms of public education policy, the concept of comprehensive, as proposed in the existing government documents, brings with it additional training opportunities, promising innovations and curriculum enrichment through a critical emancipated perspective, which allows its subjects to reflect and act straight to significant improvement of life quality. So, we intend to analyze, in this paper, the conception of comprehensive education of the mentioned Integrated Public School Project. According to this purpose, it was decided to seek, in the educational literature, issues related to integral education according to the pragmatic perspective, as this is the first proposal for full time education, and, until now, the most present and influential in educational practice n Brazil. This pragmatist theoretical conception of liberal slant, which proposes the adaptation of persons to the existing social system, conceives integral education as a possibility of human formation, emphasizing the complete development, considering the physical, intellectual, emotional, and social capacities, obtained in this case, by extending the time spent by the students at school. Experts agree that building an integral education in the country requires structural changes, both in physical size and in the administrative and pedagogical area and, consequently, the transformation of attitudes of those involved in this educational process. It is worth thinking about the historical and methodological foundations of this emerging form of education, providing support for new theoretical production - practices can be made, contributing to this study area. And, in this sense, it is relevant to say that this reflection on the school and comprehensive education is not characterized as a fashionable in favor of fostering a term widely criticized in the educational environment. Based on archival research and literature aimed at reflecting on the points congruent and incongruent that underlie these three instances: School full-time diversity and human development and the current system.
Palavras-chave: Educação
Tempo integral
Diversidade
Inclusão
Education
Full time
Diversity
Inclusion
País: Brasil
Instituição: José Sílvio Oliveira
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Regional Jataí (RJ)
Citação: ALVES, Joana D`arc Moreira. Escola de tempo integral: uma reflexão sobre suas contribuições e seus desafios, considerando a diversidade e a inclusão. Itinerarius Reflectionis, Jataí, v. 2, n. 11, jan./jun. 2011. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/rir/article/view/20341>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.5216/rir.v2i11.1229
e- 1807-9342
Identificador do documento: 10.5216/rir.v2i11.1229
e- 1807-9342
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17258
Data de publicação: Jun-2011
Aparece nas coleções:RJ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Joana D`arc Moreira Alves - 2011.pdf270,18 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons