Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/19675
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorAraújo, Márcia Maria de Melo-
dc.creatorFonseca, Pedro Carlos Louzada-
dc.date.accessioned2021-07-13T13:21:55Z-
dc.date.available2021-07-13T13:21:55Z-
dc.date.issued2012-06-
dc.identifier.citationARAUJO, Márcia Maria de Melo; FONSECA, Pedro Carlos Louzada. A poesia trovadoresca e a imagem da mulher na cantiga de amigo. Uniletras, Ponta Grossa, v. 34, n. 1, p. 37-47, jan./jun. 2012.pt_BR
dc.identifier.issne- 1983-3431-
dc.identifier.issn0101-8698-
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/19675-
dc.description.abstractThis study aims at investigating troubadour poetry and the female image in Cantigas d’amigo dos trovadores galego-portugueses, assembled by José Joaquim Nunes. The article compares the main reading sources on the view of women in the Middle Ages, especially on aspects that point out the marginalization of women in troubadour poems. Referring to the cantiga de amigo may allow us to characterize and recover the dynamics of the female path in a literary panorama exclusively centered on androcentric prerogatives. Thus, it may also allow us to place women or the space they occupy in literature, their image and questionings through lyric poetry. The cantiga acts as a source for the analysis of that profile and contributes to the understanding of medieval thought and its traces in the contemporary world.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/*
dc.subjectCantiga de amigopt_BR
dc.subjectIdeologypt_BR
dc.subjectImage of womenpt_BR
dc.subjectCantiga de amigopt_BR
dc.subjectImagem da mulherpt_BR
dc.subjectIdeologiapt_BR
dc.titleA poesia trovadoresca e a imagem da mulher na cantiga de amigopt_BR
dc.title.alternativeTroubadour poetry and the image of women in the cantiga de amigopt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.description.resumoEste estudo objetiva investigar a poesia trovadoresca e a imagem feminina nas Cantigas d’amigo dos trovadores galego-portugueses, reunidas por José Joaquim Nunes. Para o seu desenvolvimento, propõe-se uma aproximação das principais fontes de leitura sobre a visão da mulher na Idade Média, em especial sobre aspectos que apontam para a marginalidade feminina nos poemas trovadorescos. A remissão às cantigas pode permitir caracterizar e recuperar a dinâmica do percurso feminino dentro de um panorama literário exclusivamente centrado em prerrogativas androcêntricas. Assim, situar a mulher ou o espaço ocupado por ela na literatura, sua imagem e questionamentos através do gênero lírico, em que as cantigas servem de fonte para a análise desse perfil, contribui para a compreensão do pensamento medieval e seus resquícios na contemporaneidade.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.identifier.doi10.5212/uniletras.v34i1.4620-
dc.publisher.departmentFaculdade de Letras - FL (RG)pt_BR
Aparece nas coleções:FL - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Márcia Maria de Melo Araújo - 2012.pdf91,47 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons