Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tde/497
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorMARTINS, Maria Lúcia-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7538362470228290por
dc.contributor.advisor1NAVES, Ronaldo Veloso-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2740049203016314por
dc.contributor.advisor-co1SOUZA, Eli Regina Barboza de-
dc.contributor.advisor-co1Latteshttp://lattes.cnpq.br/7641431808466123por
dc.contributor.advisor-co2NASCIMENTO, Jorge Luiz do-
dc.contributor.advisor-co2Latteshttp://lattes.cnpq.br/1613681986702987por
dc.date.accessioned2014-07-29T14:55:57Z-
dc.date.available2011-05-27-
dc.date.issued2010-05-25-
dc.identifier.citationMARTINS, Maria Lúcia. Phenologu, Production and post-harvest e fruit buriti (Mauritia flexuosa L.f) into three palm swamp of the savanna in Goias state.. 2010. 144 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2010.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tde/497-
dc.description.resumoEste trabalho objetivou caracterizar a fenologia, a produção e pós-colheita de frutos da palmeira buriti no Cerrado, bem como fatores impactantes sobre sua produção. O estudo foi desenvolvido em três veredas com três formas distintas de ocupação das bordas. Os buritizeiros foram caracterizados quanto a altura, diâmetro a altura do peito, número de inflorescência e de folhas. A folhação foi correlacionada com dados climáticos de julho de 2006 a setembro de 2009. Para caracterização da produção foram realizadas coletas de três cachos por área, sendo determinado o peso médio dos frutos dos cachos e estes dados extrapolados para cada área. Em três cachos de cada vereda verificou-se: comprimento do cacho, massa do cacho, massa dos frutos, número de ráquilas, e número de frutos, comprimento de ráquila, número total de lóculos, número de lóculos com frutos, número lóculos sem frutos, e a razão número de lóculos com frutos/número total de lóculos. Foi realizada a caracterização de cinqüenta frutos de cada um dos três cachos coletados em cada vereda. Na caracterização dos frutos foram avaliados: massa do fruto, diâmetro longitudinal, diâmetro transversal, relação diâmetro transversal/diâmetro longitudinal, massa da polpa, massa da casca, massa da semente, e massa do endocarpo. Na polpa destes frutos verificou-se: pH, acidez titulável total acidez titulável em ácido cítrico, umidade e minerais. Em um segundo momento foram realizadas coletas, em cinco meses, de 250 frutos por área, por coleta, nos quais além das análises no fruto e polpa citadas, foram realizadas análises de fibra bruta, proteína, extrato etéreo e perfil de ácidos graxos na polpa dos frutos da primeira e da última coleta. Finalmente, se avaliou diferentes tratamentos de amadurecimento artificial dos frutos de buriti. Para verificar em qual tratamento se obtém amadurecimento mais uniforme contou-se o número de frutos maduros, duros e podres. Na polpa destes frutos verificou-se: pH, acidez titulável total e em ácido cítrico, umidade, minerais e amido. Os resultados obtidos no presente estudo permitem concluir: Em relação à fenologia, o número médio de folhas dos frutos de buritizeiros não difere entre veredas ou sexo das plantas, no entanto, apresentam diferença em relação à temperatura máxima. As veredas apresentam rendimento médio calculado de polpa de 651,54 kg ha-1. Os frutos de buriti apresentam teores nutricionais apropriados para o consumo in natura e para industrialização. Os frutos de buriti apresentam massa média de 54,19 g, dos quais 17,79% é polpa, 34,69% semente, 20,88% casca e 26,64% endocarpo. Os elementos minerais analisados durante as cinco épocas apresentaram valores diferenciados. As polpas dos frutos de buriti apresentaram elevado teor de fibra bruta, teores reduzidos de extrato etéreo, sendo o ácido graxo predominante, o palmítico. O armazenamento por sete dias seguido da imersão dos frutos em água à 55°C por trinta minutos é o tratamento que apresenta maior rendimento no processo de amadurecimento (95,5%).por
dc.description.abstractThis study aimed to characterize the phenology, production and post-harvest fruit of the buriti palm tree in the Savannah as well as factors impacting on production. The study was conducted in three palm swamp with three distinct forms of occupation of the borders. The buriti palm tree were characterized as height, diameter at breast height, number of inflorescences and leaves. The number of leaves was correlated with climatic data from July 2006 to September 2009. To characterize the production were collected from three clusters per area, and determined the average weight of fruit bunches and these extrapolated data for each area. In three clusters of each palm swamp included: length of the bunch, bunch weight, fruit weight, number of rachilles, and fruit number, length rachilles, total number of loci, number of loci with fruit, no fruit locule number , and the reason the number of loci with fruits / total number of loci. Characterization were carried out fifty fruits of each of the three clusters collected in each area. The characterization of fruits were evaluated: fruit weight, diameter longitudinal, transverse diameter, transverse diameter ratio / longitudinal diameter, the pulp mass, mass of bark, seed mass, and mass of endocarp. The pulp included: pH, total titratable acidity as citric acid, moisture and minerals. In a second phase were collected in five months, 250 fruits per area, per collection, where in addition to the analysis in the fruit pulp and cited, were analyzed for crude fiber, protein, lipid and fatty acid profile in the pulp the fruits of the first and last collection. Finally, was evaluate different treatments of artificial ripening of buriti. To check on what treatment get more uniform ripening counted the number of mature fruits, hard and dirty. The pulp was found: pH, total acidity and citric acid, moisture, minerals and starch. The results of this study support the conclusion: In relation to phenology, the average number of leaves of buriti palm tree do not differ between plants and sex, however, have differ for maximum temperature. The palm swamp have average income calculated in pulp yield 651.54 kg ha-1. Fruits buriti have high nutritional content and is suitable for fresh consumption and processing purposes. Fruits buriti present average mass of 54.19 g of which 17.79% is pulp, seed 34.69%, 20.88% bark and 26.64% endocarp. The mineral elements examined during the five seasons had different values. The pulps of buriti show high content of fiber, reduced levels of lipids, being the predominant fatty acid, palmitic. The storage for seven days followed by immersion of fruits in water at 55 °C for thirty minutes is the treatment that has a higher yield in the process of maturation (95.5%).eng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2014-07-29T14:55:57Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Dissertacao-maria-lucia.pdf: 864012 bytes, checksum: 69a65257111b8843f5f18371050d9a70 (MD5) Previous issue date: 2010-05-25eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.thumbnail.urlhttp://repositorio.bc.ufg.br/TEDE/retrieve/3047/Dissertacao-maria-lucia.pdf.jpg*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Goiáspor
dc.publisher.departmentCiências Agráriaspor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFGpor
dc.publisher.programDoutorado em Agronomiapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectArecaceaepor
dc.subjectpalmeirapor
dc.subjectamadurecimento artificialpor
dc.subjectcaracterização de frutos.por
dc.subjectArecaceaeeng
dc.subjectpalm treeeng
dc.subjectartificial ripeningeng
dc.subjectfruit characteristics.eng
dc.subject1. Arecaceae 2. Palmeira 3. Buriti-amadurecimento artificial 4. Caracterização de frutospor
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::FITOTECNIA::PRODUCAO DE MUDASpor
dc.titleFenologia, Produção e Pós-colheita de frutos de buriti (Mauritia flexuosa L.f) em três veredas do cerrado no estado de Goiás.por
dc.title.alternativePhenologu, Production and post-harvest e fruit buriti (Mauritia flexuosa L.f) into three palm swamp of the savanna in Goias state.eng
dc.typeDissertaçãopor
Aparece nas coleções:Mestrado em Agronomia (EA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao-maria-lucia.pdf843,76 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.