Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/10235
Tipo do documento: Tese
Título: Arte e práticas educativas na educação infantil: rupturas e continuidades
Título(s) alternativo(s): Art and educational practices in child education: ruptures and continuity
Autor: Arantes, Milna Martins
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/2218060979646860
Primeiro orientador: Barbosa, Ivone Garcia
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/8032275045906128
Primeiro membro da banca: Barbosa, Ivone Garcia
Segundo membro da banca: Silva, Kátia Augusta Curado Pinheiro Cordeiro da
Terceiro membro da banca: Bastos, Raquel Benta Messias
Quarto membro da banca: Soares, Marcos Antônio
Quinto membro da banca: Teixeira, Ricardo Antônio Gonçalves
Resumo: A presente pesquisa de doutorado investigou dois aspectos que se encontram inter-relacionados de forma indissociável à qualidade das práticas educativas que contemplam o conhecimento e a vivência artística e a formação dos(as) professores(as), destacando o papel da formação continuada, em especial, do curso de formação continuada Educação Infantil, Infância e Arte desenvolvido pelo NEPIEC/FE/UFG. Ressaltamos que esta tese vincula-se à Linha de Pesquisa: Formação, Profissionalização Docente e Trabalho Educativo, do Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Goiás (FE/ UFG) e ao projeto Políticas Públicas e Educação da Infância em Goiás: histórias, concepções, projetos e práticas do Núcleo de Estudos e Pesquisas da Infância e sua Educação em Diferentes Contextos (NEPIEC/ FE/ UFG). Partimos da premissa de que a arte, a vivência estética, a imaginação e a criação constituem dimensões significativas na formação das crianças e pressupõem mediação educativa consciente balizada por referenciais teórico-práticos e metodológicos, acesso, apropriação e ressignificação do patrimônio cultural e artístico. Tendo como referência o materialismo histórico dialético, buscou-se para a análise do objeto de pesquisa, três estratégias metodológicas: revisão bibliográfica com o propósito de compreender a produção acadêmica-científica sobre a interface entre a Arte e Educação Infantil, presente nos programas de pós-graduação, dissertações e teses, defendidas entre 2010 e 2016; proposição de questionários aos professores-cursistas que atuam na Educação Infantil dos municípios de Jataí, Senador Canedo, Cristalina, Firminópolis e São Luís de Montes Belos a fim de conhecer e constituir o perfil dos professores e delinear o processo de formação continuada: concepções, bases teórico-práticas; pesquisa participante em Firminópolis e São Luís de Montes Belos, a fim de conhecer e analisar a prática educativa dos(as) professores(as) da Educação Infantil que contemplaram o conhecimento e a vivência artística, considerando seus aspectos teórico- práticos e metodológicos. A construção dos dados investigativos articulou a análise de documentos, questionários, entrevistas, roda de conversas, depoimentos, caderno no campo e produção de imagens (fotografia). Para alcançar e abranger os objetivos dessa investigação, considerando seus múltiplos determinantes, optou-se por um referencial teórico alinhado a perspectiva sócio- histórico-dialética e o diálogo com autores que historicamente têm contribuído para a área de arte em suas especificidades didático-metodológicas. Nossos esforços analíticos revelaram rupturas e continuidades, um movimento dialético e contraditório, que abarcava, ao mesmo tempo, práticas estereotipadas e padronizadas e práticas comprometidas com a imaginação, criação e expressão artística das crianças. Nesse sentido, compreendemos que a práxis artística pressupõe a necessidade de poetizar o cotidiano, o envolvimento profundo com a produção cultural e artística da humanidade, com o pensamento simbólico e a experiência criadora, assim como com processos formativos consistentes de professores que incorporem o conhecimento artístico e estético e, que articulem teoria e prática e a análise crítica e criativa acerca de sua área de atuação.
Abstract: The present doctoral research investigated two aspects that are inextricably interrelated with the quality of the educational practices that contemplates knowledge, artistic experience and the formation of teachers, highlighting the role of the continuous formation, in special the course in Early Childhood education, Childhood and Art, developed by the NEPIEC/ FE/ UFG. We emphasize that this thesis is linked to the Research Line: Training, Teacher Professionalization and Educational Work, of the Graduate Program in Education of the Faculty of Education of the Federal University of Goiás (FE / UFG) and the project Public Policies and Education of the Childhood in Goiás: stories, conceptions, projects and practices of the Center for Studies and Research of Childhood and its Education in Different Contexts (NEPIEC / FE / UFG). We start from the premise that art, aesthetic experience, imagination and creation are significant dimensions in the formation of children and presuppose conscious educational mediation based on theoretical- practical and methodological references, access, appropriation and resignification of cultural and artistic heritage. With reference to dialectical historical materialism, we sought for the analysis of the research object three methodological strategies: bibliographic review with the purpose of understanding the academic-scientific production on the interface between Art and Early Childhood Education, present in postgraduate programs-graduate, dissertations and theses, defended between 2010 and 2016; proposal of questionnaires to the teacher-cursist who work in early childhood education in the municipalities of Jataí, Senador Canedo, Cristalina, Firminópolis and São Luís de Montes Belos in order to know and constitute the profile of teachers and outline the process of continuing education: conceptions, bases theoretical-practical; participant research in Firminópolis and São Luís de Montes Belos, in order to know and to analyze the educational practice of the preschool teachers that contemplated the knowledge and the artistic experience, considering their theoretical-practical and methodological aspects. The construction of investigative data articulated the analysis of documents, questionnaires, interviews, conversations, testimonials, field insertion and images. In order to reach and comprehend the objectives of this investigation, considering its multiple determinants, we opted for a theoretical framework aligned with the socio-historical-dialectical perspective and the dialogue with authors who have historically contributed to the area of art in its didactic-methodological specificities. Our analytical efforts revealed disruptions and continuities, a dialectical and contradictory movement that embraced both stereotyped and standardized practices and practices that were committed to children's imagination, creation and artistic expression. In this sense, we understand that artistic praxis presupposes the need to poetize daily life, the deep involvement with the cultural and artistic production of humanity, with symbolic thinking and creative experience, as well as with consistent formative processes of teachers incorporating artistic knowledge and aesthetic and, which articulate theory and practice and the critical and creative analysis about their area of expertise.
La presente investigación de doctorado ha investigado dos aspectos que se encuentran interrelacionados de manera indisociable a la calidad de las prácticas educacionales que contemplan el conocimiento y la vivencia artística y la formación de los profesores, destacando el papel de la formación continuada, en particular, del curso de formación continuada Educação Infantil, Infância e Arte (Enseñanza Infantil, Infancia y Arte) desarrollado por la NEPIEC/FE/UFG. Resaltamos que esta tesis se vincula a la línea de Investigación: Formação, Profissionalização Docente e Trabalho Educativo (Formación, Profesionalización Docente y Trabajo Educativo), del Programa de Posgraduación en Educación de la Facultad de Educación de la Universidad Federal de Goiás (FE/ UFG). Partimos de la premisa de que el arte, la vivencia estética, la imaginación y la creación constituyen dimensiones significativas en la formación de los niños y presupone mediación educativa consciente balizada por referencias teórico-prácticas y metodológicas, acceso, apropiación y resignificación del patrimonio cultural y artístico. Tomando como referencia el materialismo histórico dialéctico, se buscó para el análisis del objeto de investigación tres estrategias metodológicas: revisión bibliográfica con el propósito de comprender la producción académica-científica sobre el interfaz entre el Arte y Enseñanza Infantil, presentes en los programas de postgrado, disertación y tesis doctoral, defendidas entre 2010 y 2016; proposición de cuestionarios a los profesores-cursistas que actúan en la Enseñanza Infantil de las municipalidades de Jataí, Senador Canedo, Cristalina, Firminópolis y São Luís de Montes Belos a fin de conocer y constituir el perfil de los profesores y delinear el proceso de formación continuada: concepciones, basamentos teórico-prácticos; búsqueda participante en Firminópolis y São Luís de Montes Belos, a fin de conocer y analizar la práctica educativa de los profesores de la Enseñanza Infantil que contemplaron el conocimiento y la vivencia artística, considerando sus aspectos teórico-prácticos y metodológicos. La construcción de los datos investigativos articuló el análisis de documentos, cuestionarios, entrevistas, ruedas de conversación, testimonios, cuaderno en el campo y producción de imágenes (fotografía). Para lograr y arcar los objetivos de esta investigación, considerando sus múltiples determinantes, se optó por un referencial teórico alineado a la perspectiva socio-histórico- dialéctica y el diálogo con autores que históricamente tienen contribuido para el sector del arte en sus especificidades didáctico-metodológicas. Nuestros esfuerzos analíticos revelaron rupturas y continuidades, un movimiento dialéctico y contradictorio, que abarcaba, al mismo tiempo, prácticas estereotipadas y estandarizadas y prácticas comprometidas con la imaginación, creación y expresión artística de los niños. En este sentido, comprendemos que la praxis artística presupone la necesidad de poetizar el cotidiano, la implicación profunda con la producción cultural y artística de la humanidad, con el pensamiento simbólico y la experiencia creadora, así como con procesos formativos conscientes de profesores que incorporen el conocimiento artístico y estético y, que articulen teoría y práctica y el análisis crítico y creativo alrededor de su área de actuación.
Palavras-chave: Conhecimento e vivência artística
Educação infantil
Formação continuada
Knowledge and artistic experience
Chil education
Continuing formation
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Educação - FE (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Educação (FE)
Citação: ARANTES, Milna Martins. Arte e práticas educativas na educação infantil: rupturas e continuidades. 2019. 313 f. Tese (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/10235
Data de defesa: 2-Set-2019
Aparece nas coleções:Doutorado em Educação (FE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese - Milna Martins Arantes - 2019.pdf10,44 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons