Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/11314
Tipo do documento: Dissertação
Título: Investigação dos efeitos do treinamento com ß-glucana no controle da infecção por Leishmania (Viannia) braziliensis em camundongos C57BL/6 transgênicos para interleucina 32ƴ humana
Título(s) alternativo(s): Investigation of the effects of ß-glucan training in the control of Leishmania (Viannia) braziliensis infection in transgenic C57BL / 6 mice for human interleukin 32ƴ
Autor: Figueiredo, Ana Marina Barroso de
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/4473233775795998
Primeiro orientador: Dias, Fátima Ribeiro
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/5741031258926403
Primeiro membro da banca: Dias, Fátima Ribeiro
Segundo membro da banca: Galdino Junior, Hélio
Terceiro membro da banca: Gomes, Clayson Moura
Resumo: A -glucana induz imunidade treinada em monócitos/macrófagos. Estudos sugerem que a IL-32 esteja envolvida em mecanismos importantes para o controle da infecção por L. braziliensis e camundongos transgênicos para o gene da IL-32 humana (IL-32Tg) são um modelo para avaliação das funções desta citocina. Desse modo, este estudo tem por objetivo avaliar o efeito do treinamento com -glucana no controle da infecção por Leishmania braziliensis em camundongos IL-Tg ou selvagens (WT). Os camundongos foram treinados com -glucana e infectados com L. braziliensis na pata (105 ou 106). Foram avaliados: o tamanho da lesão, a carga parasitária, as características histopatológicas, as citocinas nos macerados das patas infectadas, nas culturas de células de linfonodo e da medula óssea. Macrófagos foram derivados de precursores da medula óssea de animais WT ou IL-Tg treinados in vivo e infectados com L. braziliensis, sendo avaliada a fagocitose e a atividade leishmanicida. Nos camundongos IL-Tg infectados com 105 parasitos, quando comparados aos animais WT, o treinamento com -glucana levou a um aumento da lesão na 3a semana de infecção, associado a um aumento do processo inflamatório e a uma maior produção de interferon gama (IFN); e menor carga parasitária e processo inflamatório menos intenso, após 8 semanas de infecção. Nas culturas de células da medula óssea dos animais IL-Tg, 7 dias após a injeção de -glucana, houve um aumento da produção de IL-1 após estimulação com antígenos de Leishmania. A atividade fagocitária de macrófagos de animais IL-Tg treinados com -glucana foi mais elevada do que a dos animais WT treinados, mas a capacidade de controle da infeção foi similar. Os dados com inóculo de 105 parasitos sugerem que a IL-32 intensifica os efeitos do treinamento com -glucana, indicando estas moléculas como alvos terapêuticos para leishmaniose.
Abstract: B-glucan induces trained innate immunity in monocytes/macrophages. Studies suggest that IL-32 is involved in mecanisms important for the control of L. braziliensis and transgenic mouse for the human IL-32 gene (IL-32) is a model for evaluating the functions of this cytokine. Thus, this study aims to evaluate the effect of -glucan training on the control of Leishmania braziliensis infection in IL-32Tg or wild-type (WT) mice. The mice were trained with -glucan and infected with L. braziliensis in the paw (105 or 106 parasites). We evaluated: lesion size, parasite load, histopathological characteristics, cytokines in macerated of the infected paws, lymph node and bone marrow cell cultures. Macrophages were derived from bone marrow precursors from WT or IL-32Tg animals after training in vivo and infected with L. braziliensis to evaluate phagocytosis and leishmanicidal activity. In IL-32Tg mice infected with 105 parasites, when compared to WT animals, -glucan training led to an increase in lesion size on week 3 of infection, associated with an increased inflammatory process and increased production of interferon gamma (IFN); and less parasitic load and less intense inflammatory process after 8 weeks of infection. In bone marrow cell cultures of IL-32Tg animals, 7 days after -glucan injection, there was an increase in IL-1production after stimulation with Leishmania antigens. The phagocytic activity of macrophages from IL-32Tg animals trained with -glucan was higher than that of trained WT animals, but the ability to control infection was similar. Data with inoculum of 105 parasites suggest that IL-32 enhances the effects of
Palavras-chave: Imunidade treinada
Interleucina-32
Leishmania
Trained immunity
Interleukin-32
Área(s) do CNPq: CIENCIAS BIOLOGICAS::IMUNOLOGIA::IMUNOLOGIA CELULAR
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Biologia da Relação Parasito-Hospedeiro (IPTSP)
Citação: FIGUEIREDO, A M. B. Investigação dos efeitos do treinamento com ß-glucana no controle da infecção por Leishmania (Viannia) braziliensis em camundongos C57BL/6 transgênicos para interleucina 32ƴ humana. 2019. 81 f. Dissertação (Mestrado em Biologia da Relação Parasito-Hospedeiro) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2019.
Tipo de acesso: Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/11314
Data de defesa: 8-Mar-2019
Aparece nas coleções:Mestrado em Biologia da Relação Parasito-Hospedeiro (IPTSP)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Ana Marina Barroso de Figueiredo - 2019.pdf3,51 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons