Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6447
Tipo do documento: Tese
Título: Formação em saúde em Goiás
Título(s) alternativo(s): Health education in Goiás
Autor: Amorim, L. T.
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/8920743937960375
Primeiro orientador: Souza, M. R.
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/1155042579123151
Primeiro membro da banca: Gonçalves, Eliane
Segundo membro da banca: Nunes, Tânia Celeste Matos
Terceiro membro da banca: Paiva, Denise Ferreira
Quarto membro da banca: Rabelo, Francisco Chagas E.
Quinto membro da banca: Pereira, Edsaura Maria
Resumo: No Brasil, o Sistema Único de Saúde (SUS), constituído a partir do contexto de redemocratização da sociedade e do movimento de reforma sanitária, ficou responsável por ordenar a formação profissional na área da saúde. A educação permanente em saúde (EPS) refere-se à: formação, atenção, gestão e formulação de políticas em saúde, visando transformar as práticas dos profissionais e aproximá-los do SUS com base nos problemas enfrentados no cotidiano dos serviços de saúde. Objetivou-se conhecer e analisar a formação em saúde em Goiás, no nível da pós-graduação lato senso, a partir da implementação da PNEPS no Brasil, deste estudo participaram três instituições de ensino superior e a Escola de Saúde Pública. Para tanto foi realizada uma ampla pesquisa bibliográfica e documental, no período de 2004 a 2013, sobre o assunto. Também foram coletadas informações de fonte primária por meio de entrevistas semi-estruturadas, aplicadas a informantes-chave que estavam ou estiveram envolvidos com a gestão em saúde e com as respectivas instituições de ensino. Os resultados apontaram que as ações desenvolvidas pela política são ainda incipientes, mas que acenam com possibilidades de mudança, portanto, as instituições ainda estão em processo de implementação dessas ações, buscando consolidar uma formação fundamentada nas propostas da EPS e, desse modo, transformar o processo formativo e consequentemente o atendimento à saúde. Conclui-se, que a educação permanente em saúde é por essência, bastante vigorosa, e que ao se entrelaçar com os princípios fundantes do SUS, pode se tornar mais um importante instrumento para a conquista efetiva da democracia brasileira.
Abstract: In Brazil, the Unified Public Health System (hereby SUS), established from the context of the redemocratization of society and sanitation reform movement, was responsible for ordering the vocational training in health sphere. The continuing health education (hereby EPS) refers to: training, care, management and formulation of health policies, aimed at transforming professionals' practices and bring them to SUS based on the problems faced in everyday life of health services. The objective was to understand and analyze the health training in Goiás, at the level of lato sensu post-graduation, from the implementation of PNEPS in Brazil, this study involved three institutions of higher education and a school of public health. Therefore, an extensive bibliographic and documentary research was conducted in the period 2004-2013 on the subject. Information gathered from primary sources was also collected through semistructured interviews, applied to key informants who were or had been involved with health management and educational institutions. Results showed that the actions developed by the policy are still incipient, but waving to possibilities of change, so, institutions are still in the process of implementing these actions, seeking to consolidate a formation based on the EPS suggestions, and thereby, transform training process and consequently health care. In conclusion, the continuing health education is in essence, very vigorous, and to intertwine with SUS main principles, can become an important tool for effective achievement of Brazilian democracy.
Palavras-chave: Saúde pública
Formação
Política
Democracia
Participação
Public health
Formation
Politics
Democracy
Participation
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Ciências Sociais - FCS (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Sociologia (FCS)
Citação: AMORIM, L. T. Formação em saúde em Goiás. 2014. 130 f. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6447
Data de defesa: 29-Ago-2014
Aparece nas coleções:Doutorado em Sociologia (FCS)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese - Linamar Teixeira de Amorim - 2014.pdf3,66 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons