Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/7293
Tipo do documento: Dissertação
Título: Catira: performance e tradição na dança caipira
Título(s) alternativo(s): Catira: performance and tradition in caipira dance
Autor: Marra, Juliana Ribeiro
Primeiro orientador: Tamaso, Izabela Maria
Primeiro membro da banca: Tamaso, Izabela Maria
Segundo membro da banca: Silva, Patrícia Osório
Terceiro membro da banca: Correa Junior, Sebastião Rios
Resumo: Essa pesquisa tem como objetivo propor uma ampliação da compreensão sobre a catira, dança tradicional da cultura popular brasileira. A dança se territorializa na região de cultura caipira e tem sua estrutura fundamentada no palmeado e sapateado dos dançadores no ritmo da moda de viola e do recortado. A viola é, pois, o instrumento essencial à dança. Assim, catira é dança, mas também música e poesia que se identificam com o mundo rural do centro-sul do Brasil. Embora a prática seja considerada contemporânea à colonização do país – e os grupos de catira sejam muitos –, são poucos os registros e estudos que versam sobre ela. Neste sentido, inicialmente se apresentou a dança, sua forma e elementos e buscou analisa-la tendo em vista sua inserção nos estudos acerca da cultura popular e do folclore no Brasil. Em seguida, delineia-se a abordagem teórica e metodológica da pesquisa, e a catira passa a ser o foco de uma análise construída na interdisciplinaridade dos saberes, no qual supõe-se métodos e categorias de análise das ciências sociais, mas também das artes. As performances culturais emergem como eixo interpretativo da pesquisa, desde que em relação com outros conceitos que também se estabelecem na perspectiva multidisciplinar – a saber: tradição, socialização, memória, corpo e dança. Tendo em vista esses conceitos, chega-se à análise dos dados obtidos a partir do trabalho de campo realizado na pesquisa. A narração analítica é construída a partir de entrevistas, observação e participação, relações teóricas e registros audiovisuais, sobretudo as fotografias produzidas em campo. Primeiramente, se analisa a dança da catira inserida no ritual da folia da Companhia de Reis da Bandeira Vermelha, na Cidade de Goiás/GO e, posteriormente, o foco se desloca para a cidade de Itaguari/GO e sua imensa Folia de Reis, onde se encontram os grupos Irmãos Oliveira e Orgulho Caipira. Finalmente, tendo ainda como referencial a experiência vivenciada com os grupos, o estudo é aprofundado focando as identidades, as relações de poder e negociações empreendidas pelos grupos de catira. Entende-se que as identidades buscadas e vividas se relacionam com os lugares e territórios nos quais são produzidos esse patrimônio performático da cultura caipira e que a resistência é característica desses corpos que se movimentam, harmonizados e em duplas, desde tempos imemoriais, nas conjunturas da atualidade e – se for permitido indicar um caminho de antemão – em um futuro a perder de vista.
Abstract: This research aims at proposing a widening of the understanding of catira, a traditional dance of the Brazilian popular culture. The dance territorializes itself in the region of the caipira culture and has its structure founded in the clapping of hands and on step dancing of the dancers under the rhythm of the moda de viola and of the recortado. The viola is therefore the essential instrument for the dance. Catira is a dance but also music and poetry, which find identification with the rural world of the southern center of Brazil. Although the practice is considered contemporary of the country´s colonization – and the catira groups are many – there are few records and studies that go about it. Therefore, initially to introduce the dance, its forms and elements were presented and there has been an attempt to analyze them bearing in mind its insertion in the studies concerning popular culture and folklore in Brazil. Following that the theoretical and methodological approach of the research is outlined. Catira becomes then the focus of an analysis built within interdisciplinary knowledge. Focus in which, a method and categories of analyses of social sciences and also of the arts, are supposed. Cultural performances rise as the interpretative axis of the research, as long as in relationship with other concepts that also establish themselves in the multidisciplinary perspective – i.e. tradition, socialization, memory, body and dance. Bearing in mind these concepts, we reach the analysis of the records gained from the field research of the work. The analytical narrative is built from the interviews, observation and participation, theoretical relationships and audiovisual records, mainly the photographs taken in the fieldwork. Firstly the dance of the catira within the ritual of folia of Companhia de Reis Bandeira Vermelha, in the town of Goiás/GO, is analyzed. After that the focus is turned to the town of Itaguari/GO and its enormous Folia de Reis, where the groups Irmãos Oliveira e Orgulho Caipira are to be found. Finally having the experience lived with the groups as a referential, the analysis is deepened with focus on the identities, the power relationships and the negotiating carried by the groups of catira. The understanding is that the identities sought and lived are related to the places and territories in which this performing heritage of the caipira culture takes place. The endurance is characteristic of these bodies that move harmonized and in pairs since immemorial times, in the conjunctures of nowadays – if permitted indicating a path beforehand – in a future not envisioned.
Palavras-chave: Catira
Performances culturais
Tradição
Cultura caipira
Catira
Cultural performances
Tradition
Caipira culture
Área(s) do CNPq: ARTES::DANCA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Escola de Música e Artes Cênicas - EMAC (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Performance Cultural (EMAC)
Citação: MARRA, Juliana Ribeiro. Catira: performance e tradição na dança caipira. 2016. 157 f. Dissertação (Mestrado Performance Cultural) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/7293
Data de defesa: 27-Out-2016
Aparece nas coleções:Mestrado em Performances Culturais (EMAC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Juliana Ribeiro Marra - 2016.pdf13,8 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons