Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/7908
Tipo do documento: Dissertação
Título: Análise da vegetação e variáveis ambientais nos municípios de Aporé e itajá, na mesoregião Sul Goiano
Autor: Carneiro, Steffan Eduardo Silva
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/5321888852525590
Primeiro orientador: Guilherme, Frederico Augusto Guimarães
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/6514433986706275
Primeiro membro da banca: Guilherme, Frederico Augusto Guimarães
Segundo membro da banca: Martins, Alécio Perini
Terceiro membro da banca: Ferreira, Wendy Carniello
Resumo: Este trabalho teve como objetivo caracterizar as alterações ambientais, por meio de variáveis do meio físico, em um intervalo de 30 anos, apresentando os resultados em mapas de uso, ocupação e cobertura vegetal, nos municípios de Aporé e Itajá, na mesorregião Sul Goiano. As classes foram predefinidas em agricultura, pastagem, vegetação remanescente, solo exposto/área urbana e água.Pastagem foi a classe com maior percentual de cobertura de área tanto em 1985 quanto em 2015, e apresentou um aumento de 12,9% nesse intervalo. A vegetação remanescente foi a classe com maior decréscimo de área, com uma perda de 13,1% das áreas, no mesmo período. A pesquisa foi direcionada para estes dois municípios, pela proposta de criação de uma Unidade de Conservação (UC) no limite entre os municípios de Aporé e Itajá. Os resultados obtidos pelo mapeamento aliado à alta vulnerabilidade ambiental da área indicada para provável UC, ressaltam a importância da caracterização temporal do meio físico, por meio de imagens de satélite, gerando conhecimento e subsidio para implantação de políticas públicas relacionadas a técnicas sustentáveis para produção e conservação dos recursos naturais. Ainda como objetivo deste trabalho foi realizado o levantamento fitossociológico, como forma de conhecer os padrões da vegetação arbórea em duas áreas de Florestas Estacional (Decidual e Semidecidual). Os resultados obtidos, apontaram alta diversidade de espécies, com ocorrência de espécies ameaçadas de extinção e protegidas por lei, inseridas em um fragmento de vegetação remanescente, composto por mosaico de fitofisionomias, que variam de formações savânicas a florestais, do Bioma Cerrado, reforçando a importância da criação de uma UC nesta região, garantindo assim, a conservação dos recursos naturais.
Abstract: (Sem resumo)
Palavras-chave: Geoprocessamento
Uso da terra
Cobertura vegetal
Unidade de conservação
Remanescentes vegetacionais
Conservação dos recursos florestais
Área(s) do CNPq: CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Regional Jataí (RJ)
Programa: Programa de Pós-graduação em Geografia (RJ)
Citação: CARNEIRO, Steffan Eduardo Silva. Análise da vegetação e variáveis ambientais nos municípios de Aporé e itajá, na mesoregião Sul Goiano. 2017. 66 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Goiás, Jataí, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/7908
Data de defesa: 18-Set-2017
Aparece nas coleções:Mestrado em Geografia (RJ)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Steffan Eduardo Silva Carneiro - 2017.pdf5,05 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons