Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/9129
Tipo do documento: Tese
Título: Análise quali-quantitativa das águas, solos e sedimentos da bacia hidrográfica Ribeirão Santo Antônio-GO
Título(s) alternativo(s): Quali-quantitative analysis of the waters, soils and sediments of the Ribeirão Santo Antônio-GO hydrographic bowl
Autor: Batista, Daiane Ferreira
Currículo Lattes do Autor: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4307928P6
Primeiro orientador: Cabral, João Batista Pereira
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4705960A1
Primeiro membro da banca: Cabral, João Batista Pereira
Segundo membro da banca: Sousa, Flávio Alves de
Terceiro membro da banca: Costa, Francisco da Silva
Quarto membro da banca: Becegato, Valter Antonio
Quinto membro da banca: Martins, Alécio Perini
Resumo: A qualidade ambiental de uma bacia hidrográfica pode ser diagnosticada pela avaliação dos elementos naturais. A evolução das atividades antrópicas e o modelo de uso das terras, possibilitam a modificação da estrutura e características naturais de uma bacia. A presente pesquisa foi realizada na bacia hidrográfica do ribeirão Santo Antônio, localizada no estado de Goiás, afluente do rio Caiapó e consequentenmente do rio Araguaia-Tocantins. Este ribeirão apresenta significativa importância para a cidade de Iporá, pois abastece a população urbana e contribui com as atividades agropastoris da região. Com isso, o presente estudo visa avaliar a qualidade das águas, sedimentos e solos da bacia hidrográfica do ribeirão Santo Antônio – GO, em face ao modelo de uso das terras e as características físicas da bacia. Os procedimentos metodológicos partiram da análise e evolução temporal do uso da terra, análise morfométrica, qualidade das águas, solos e sedimentos a partir da legislação CONAMA nº 357/2005, 445/2012 e 420/2009. Conforme os dados avaliados o uso e ocupação das terras da bacia em questão apresentou um declínio significativo da vegetação natural nos últimos 40 anos, face relacionar-se diretamente com a crescente atividade agropecuária. O relevo em mais de 50% da área classifca-se como plano/suavemente ondulado, favorecendo a prática de atividades agropastoris, e consequentemente favorece o assoreamento e contaminação dos corpos hídricos quando desprovido de cobertura vegetal e práticas conservacionistas. A classificação pela resolução CONAMA 357/2005 que trata da qualidade das águas, demostrou elevada degradação ambiental resultante das atividades agropecuárias da bacia, sendo que 10 de 15 variáveis analisadas enquadram-se nsa classes III e IV. A análise multivariada possibilitou agrupar o conjunto de variáveis iniciais a um novo conjunto de componentes principais e fatores. Dos 10 pontos coletados, 4 apresentam-se mais comprometidos, destacando a interferência agropecuária e índices pluviométricos, face as elevadas concentrações de metais pesados como o manganês e o alumínio, e aos parâmetros como fósforo, coliformes termotolerantes e transporte de resíduos. A classificação do sedimento demonstrou que os valores de cobre, cádmio e níquel sobressaíram ao permitido pela referida resolução, já nos solos apenas o cádmio apresentou alterações significativas; mas os cálculos do Índice de Geoacumulação e Fator de Contaminação demostra que todos os metais avaliados comprometem a qualidade dos sedimentos e dos solos da bacia. Desta forma, conclui-se que o avanço das atividades agropecuárias sem a utilização de práticas preservacionistas e o lançamento de efluentes urbanos no curso d’água propriciam risco à qualidade ambiental e forte degradação das propriedades naturais das águas, sedimentos e solos.
Abstract: The environmental quality of a watershed can be diagnosed through evaluations of natural phenomena. The evolution of anthropic activities and the model of land use, enable the modification of the structure and natural characteristics of a watershed. This research was accomplished in the watershed of Ribeirão Santo Antônio (Riverside), located in the state of Goiás, affluent of Caiapó River and consequently Araguaia-Tocantins River. This Riverside presents significative importance to the city of Iporá, because it supplies the urban population and contributes to the agropastoral activities of the region. Therefore, the current study aims to evaluate the quality of the waters, sediments and soils of the watershed of Ribeirão Santo Antônio – GO, in face of the model of land sue and physical characteristics of the watershed. The methodological procedures started from the analysis and time Evolution of land use, morphometric analysis, water quality, soils and sediments from CONAMA 357/2005, 445/2012 and 420/2009 legislations. According to the evaluated data the use and occupation of the lands of the studied watershed presented a meaningful decline of the natural vegetation over the last 40 years, which is related directly to the farming activity increase. The relief in more than 50% of the area is classified as plan/lightly wavy relief, favoring the practice of agropastoral activities, enabling silting and contamination of water bodies when devoid of vegetation coverage and conservationist practices. The classification by the current resolution over the quality of the waters, showed a high environmental degradation result of agropastoral activities of the watershed, whereas 10 to 15 variables analyzed fit in classes III and IV. The multivariate analysis enables to group the set of initial variables to a new set of components and factors, in these last ones they claim that, from 10 collect points, 4 present themselves more engaged, highlighting the farming interference and rainfall indexes, due to the high concentrations of heavy metals such as manganese and aluminum, and the parameters such as phosphorus, thermotolerant coliforms and waste transportation. The classification of the sediment showed that values of copper, cadmium and nickel stood out to the one allowed by the current resolution, however regarding the soils only cadmium presented significative alterations; but the calculations of the Geoaccumulation Index and Contamination Factor show that all the metals evaluated compromise the quality of the sediments and soils of the watershed. Therefore, it’s possible to conclude that, the advance of agropastoral activities without the use of preservationist practices and the dumping of urban effluents in the water course offer a risk to the environmental quality and strong degradation of natural properties of the waters, sediments and soils.
Palavras-chave: Água
Qualidade ambiental
Uso e ocupação das terras
Metais pesados
Water
Environmental quality
Land use and occupation
Heavy metals
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Regional Jataí (RJ)
Programa: Programa de Pós-graduação em Geografia (RJ)
Citação: BATISTA, Daiane Ferreira. Análise quali-quantitativa das águas, solos e sedimentos da bacia hidrográfica Ribeirão Santo Antônio-GO. 2018. 242 f. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Federal de Goiás, Jataí, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/9129
Data de defesa: 12-Nov-2018
Aparece nas coleções:Doutorado em Geografia (RJ)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese- Daiane Ferreira Batista - 2018.pdf10,49 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons