Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13544
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorSantana, Eliete Souza-
dc.creatorMendes, Fernanda Rodrigues-
dc.creatorBarnabé, Ana Caroline de Souza-
dc.creatorOliveira, Fábio Henrique de-
dc.creatorAndrade, Maria Auxiliadora-
dc.date.accessioned2018-01-30T10:19:52Z-
dc.date.available2018-01-30T10:19:52Z-
dc.date.issued2011-11-
dc.identifier.citationSANTANA, Eliete Souza; MENDES, Fernanda Rodrigues; BARNABÉ, Ana Caroline de Souza; OLIVEIRA, Fábio Henrique de; ANDRADE, Maria Auxiliadora. Uso de produtos alternativos aos antimicrobianos na avicultura. Enciclopédia Biosfera, v. 7, n. 13, p. 985-1009, nov. 2011.pt_BR
dc.identifier.issn1809-0583-
dc.identifier.issne- 2317-2606-
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13544-
dc.description.abstractThe integrity of the intestinal birds have a direct impact on the efficiency of its production. Requiring the adoption of measures to increase the longevity of enterocytes.Because the bird spends about 20% of gross energy consumed for maintenance of the intestinal epithelium, which means a high energy cost. So when injuries occur in this tissue, while reducing the amount of substrate digested and absorbed, there is a higher energy demand for cell renewal. The energy that could have been used for the production is directed to the cell turnover, resulting in a lower weight gain and a high feed conversion (FRANCO, 2010). Thus, the profitability of the poultry is directly affected when the intestinal integrity is impaired. To reduce this impact is important to adopt preventive measures throughout the production cycle, among which stand out the use of food additives, designed to keep the gut healthy. However, the European Union banned the use of various antimicrobial agents that were used as additives in animal feed, which could promote intestinal health and performance (AARESTRUP et al., 2010). Thus, the search for alternatives to antimicrobial agents has become the subject of study companies and researchers. This modulation of intestinal microbiota by these alternative products is because they act as food for beneficial intestinal bacteria, stimulating its growth, whose metabolites act by reducing the pH by increasing the amount of organic acids present in the cecum, immobilizing and also reducing the capacity of attachment of pathogenic bacteria in the intestinal mucosa. It is also speculated that these products may act by stimulating the immune system by reducing indirect intestinal translocation of pathogens, certain infections after reaching the bloodstream (KIM et al. 2011). Another effect of dietary supplementation with these products is the development of the gut, increasing the height of villi in different intestinal segments of the birds, causing increased weight gain (SANTIN, 2001). Considering all these aspects, we attempted to conduct a review of the main alternatives to antimicrobials used in poultry production.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectAnimaispt_BR
dc.subjectAntimicrobianospt_BR
dc.subjectDesempenhopt_BR
dc.subjectSaúdept_BR
dc.subjectAnimalspt_BR
dc.subjectAntimicrobialspt_BR
dc.subjectPerformancept_BR
dc.subjectHealthpt_BR
dc.titleUso de produtos alternativos aos antimicrobianos na aviculturapt_BR
dc.title.alternativeUse of alternative to antimicrobial products in poultrypt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.description.resumoA integridade intestinal das aves tem um impacto direto na eficiência de sua produção. Sendo necessária a adoção de medidas visando aumentar a longevidade dos enterócitos. Pois a ave gasta cerca de 20% da energia bruta consumida para manutenção do epitélio intestinal, o que significa um elevado custo energético. Assim, quando ocorrem lesões nesse tecido, além da redução do volume de substrato digerido e absorvido, há ainda uma maior demanda energética para a renovação celular. A energia que poderia estar sendo utilizada para a produção é direcionada para o turnover celular, resultando em um menor ganho de peso e em uma alta conversão alimentar (FRANCO, 2010). Dessa forma, a rentabilidade da atividade avícola é diretamente afetada quando a integridade intestinal está prejudicada. Para reduzirmos esse impacto é importante adotarmos medidas preventivas durante todo o ciclo produtivo, dentre elas se destacam o uso de aditivos alimentares, que visam manter o intestino íntegro. Porém, a União Européia proibiu o uso de vários agentes antimicrobianos que antes eram utilizados na alimentação animal como aditivos, capazes de promoverem a saúde intestinal e melhor desempenho (AARESTRUP et al., 2010). Desse modo, a busca por produtos alternativos aos agentes antimicrobianos tornou-se tema de estudo de empresas e pesquisadores. Essa modulação da microbiota intestinal por estes produtos alternativos ocorre devido os mesmos funcionarem como alimento às bactérias intestinais benéficas, estimulando seu crescimento, cujos metabólitos atuam reduzindo o pH através do aumento da quantidade de ácidos orgânicos presentes nos cecos, imobilizando e também reduzindo a capacidade de fixação de bactérias patogênicas na mucosa intestinal. Especula-se também, que estes produtos possam atuar, estimulando o sistema imune, através da redução indireta da translocação intestinal por patógenos, que determinariam infecções após atingir a corrente sanguínea (KIM et al. 2011). Outro efeito da suplementação alimentar com estes produtos é o desenvolvimento do intestino, aumentando a altura dos vilos nos diferentes segmentos intestinais das aves, determinando aumento do ganho de peso (SANTIN, 2001). Considerando todos estes aspectos, buscou-se realizar uma revisão sobre os principais produtos alternativos aos antimicrobianos utilizados na produção avícola.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)pt_BR
Aparece nas coleções:EVZ - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Eliete Souza Santana - 2011.pdf277,62 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons