Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14664
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorBraggio, Silvia Lucia Bigonjal-
dc.creatorSousa Filho, Sinval Martins de-
dc.date.accessioned2018-04-25T15:28:15Z-
dc.date.available2018-04-25T15:28:15Z-
dc.date.issued2006-12-
dc.identifier.citationBRAGGIO, Silvia Lucia Bigonjal; SOUSA FILHO, Sinval Martins de. Questionamentos diante do desafio da inclusão dos povos indígenas brasileiros no atual cenário: os Xerente. Signótica, Goiânia, v. 18, n. 2, p. 215-230, jul./dez. 2006. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/sig/article/view/2780/2776>.pt_BR
dc.identifier.issn0103-7250-
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/14664-
dc.description.abstractAlthough the 1988 Magna Carta of Brazil recognized some significant rights of the Brazilian Indigenous Peoples, the authors of this article bring to light some questions we consider very important to assure the real inclusion of these peoples into the benefits of the Brazilian society as a whole. It is not our intent to explore extensively the subject matter, but to pinpoint some aspects considered extremely relevant in order to at least start a discussion which, eventually, may become actual actions. The Xerente people are taken as an example to our discussion. We do hope that our words “will not be gone with the wind”.pt_BR
dc.description.sponsorshipUFGpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherMaria Zaíra Turchipt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectPovos indígenas brasileirospt_BR
dc.subjectLíngua e terrapt_BR
dc.subjectEducação escolarpt_BR
dc.subjectBrazilian indigenous peoplespt_BR
dc.subjectLanguage and landpt_BR
dc.subjectSchool educationpt_BR
dc.titleQuestionamentos diante do desafio da inclusão dos povos indígenas brasileiros no atual cenário: os Xerentept_BR
dc.title.alternativeQuestioning the inclusion challenge of the brazilian indigenous peoples in the current scene: the Xerentept_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.description.resumoEmbora a Constituição do Brasil de 1988 reconheça importantes conquistas para os povos indígenas brasileiros (artigo 231, Capítulo VIII, e artigo 210, Capítulo III), os autores levantam alguns problemas que, quase 20 anos após a promulgação da Constituição, ainda não estão resolvidos, tomando como exemplo o povo indígena Xerente. Essas questões dizem respeito à demarcação e proteção das terras e à compreensão adequada do que significa “processos próprios de aprendizagem” na educação escolar indígena. O artigo tem o intuito de alertar para essas questões, contribuindo para ações efetivas esperadas por todos os que trabalham em consonância com os povos indígenas brasileiros.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFGpt_BR
dc.identifier.doi10.5216/sig.v18i2.2780-
dc.publisher.departmentFaculdade de Letras - FL (RG)pt_BR
Aparece nas coleções:FL - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Silvia Lucia Bigonjal Braggio - 2006.pdf138,38 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons