Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15128
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.advisor1Conti, Gustavo de-
dc.creatorMarques, Matheus Henrique da Silva-
dc.date.accessioned2018-05-29T14:50:47Z-
dc.date.available2018-05-29T14:50:47Z-
dc.date.issued2017-12-
dc.identifier.citationMARQUES, Matheus Henrique da Silva. A concepção dos treinadores de futebol acerca da formação de atletas. 2017. 86 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Faculdade de Educação Física e Dança, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15128-
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Goiáspt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectTreinadorespt_BR
dc.subjectProcesso de formaçãopt_BR
dc.subjectFutebolpt_BR
dc.titleA concepção dos treinadores de futebol acerca da formação de atletaspt_BR
dc.typeTCCpt_BR
dc.description.resumoO presente estudo objetivou investigar a concepção dos treinadores acerca do processo de formação de jogadores do futebol brasileiro. A amostra foi composta por quatro treinadores das categorias de base de clubes de futebol, que disputam os Campeonatos Goianos, Copa Mané Garrincha e Copa do Brasil de categoria de base e treinaram na cidade de Goiânia. O presente estudo foi realizado a partir dos pressupostos da pesquisa qualitativa, por meio de entrevistas semiestruturadas e Análise de Conteúdo dos dados. Em discordância com a literatura os resultados indicaram que os treinadores vislumbraram a necessidade do aprendizado técnico e subsequente aprendizado tático, além de defenderem a especialização a partir dos 10 anos de idade, fato que pode acarretar problemas na formação do jogador de futebol. Por outro lado, em concordância com a literatura, os treinadores afirmaram que no processo de formação é fulcral o desenvolvimento da inteligência tática para a ascensão do atleta no esporte e da capacidade de tomar decisões de forma contextualizada. Com isso, conclui-se que a formação de jogadores de futebol é multifatorial e que os modelos atuais de ensino e aprendizagem precisam evoluir e convergir com as tendências apontadas nas investigações contemporâneas sobre o ensino dos esportes coletivos. Além disso, torna-se imprescindível que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) oriente o modelo de jogo pretendido nas Seleções Brasileiras de Base para facilitar a formação no intuito de uma futura convocação para a Seleção de Base.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFGpt_BR
dc.contributor.referee1Conti, Gustavo de-
dc.publisher.departmentFaculdade de Educação Física e Dança - FEFD (RG)pt_BR
dc.publisher.courseEducação Física (RG)pt_BR
Aparece nas coleções:FEFD - Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCCG - Educação Física - Matheus Henrique da Silva Marques - 2017.pdf562,92 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons