Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15615
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorCarvalho, Amanda Évelin Silva de-
dc.creatorMorais, Camila Oliveira Barbosa de-
dc.creatorPfrimer, Irmtraut Araci Hoffmann-
dc.creatorFonseca, Simone Gonçalves da-
dc.date.accessioned2018-08-16T12:19:46Z-
dc.date.available2018-08-16T12:19:46Z-
dc.date.issued2015-
dc.identifier.citationCARVALHO, Amandda Évelin Silva de; MORAIS, Camila Oliveira Barbosa de; PFRIMER, Irmtraut Araci Hoffmann; FONSECA, Simone Gonçalve. Análise das subpopulações de monócitos em pacientes HIV-1 positivos em uso ou não de antirretrovirais. Revista Panamericana de Infectología, Ciudad Panama, v. 17, n. 3, p. 132-138, 2015.pt_BR
dc.identifier.issn1679-7140-
dc.identifier.issne- 1807-3352-
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/15615-
dc.description.abstractIntroduction: monocytes may be divided into subsets based on the levels of CD14 and CD16 expression: classical (CD14highCD16-), intermediate (CD14highCD16+) and non-classical (CD14lowCD16+). Objective: to evaluate the monocyte subsets in patients infected with HIV-1 in use or not of Antiretroviral Therapy (ART). Methods: we analyzed four study groups, made up of: individuals not infected with HIV- 1; individuals infected with HIV-1 without the use of ART; individuals infected with HIV-1 whose ART consisted of two Reverse Transcriptase Inhibitors Nucleoside (T1) and individuals infected with HIV-1 whose ART consisted of two Reverse Transcriptase Nucleoside Inhibitors associated with one Reverse Transcriptase not Nucleoside Inhibitor (T2 ). Monocyte subsets were determined by flow cytometry and the statistical analyzes performed with the GraphPad Prism 6. Results: the CD14highCD16 subset presented low percentage in T1 and T2. In CD14lowCD16+ subset, as well as reduced in the mentioned groups, there was also a reduction in the patients who did not use ART. In CD14highCD16- monocytes, we see a low percentage of the control group. Conclusion: monocytes are also important targets of ART, contributing to the control of HIV-1 infection, since they act as a reservoir and virus spreading through the tissues.pt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectSubpopulação de monócitospt_BR
dc.subjectHIV-1pt_BR
dc.subjectTerapia antirretroviralpt_BR
dc.subjectInibidores da transcriptase reversapt_BR
dc.subjectMonocyte subsetspt_BR
dc.subjectAntiretroviral therapy (ART)pt_BR
dc.subjectHIV-1pt_BR
dc.subjectReverse transcriptase inhibitorspt_BR
dc.titleAnálise das subpopulações de monócitos em pacientes HIV-1 positivos em uso ou não de antirretroviraispt_BR
dc.title.alternativeAnalysis of monocyte subsets in HIV-1 positive patients using or not antiretroviralspt_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.description.resumoIntrodução: os monócitos podem ser divididos em subpopulações baseado nos níveis de expressão de CD14 e CD16: os clássi- cos (CD14highCD16-), intermediários (CD14highCD16+) e não clássicos (CD14lowCD16+). Objetivo: avaliar as subpopulações de monócitos em pacientes infectados pelo HIV-1 em uso ou não de Terapia Antirretroviral (TARV). Materiais e métodos: analisamos 4 grupos de estudo, compostos por: indivíduos não infectados pelo HIV-1; indivíduos infectados pelo HIV-1 sem uso de TARV; indiví- duos infectados pelo HIV-1 cuja TARV era composta por dois Ini- bidores da Transcriptase Reversa Nucleosídeos (T1) e indivíduos infectados pelo HIV-1, cuja TARV era composta por dois inibido- res da Transcriptase Reversa Nucleosídeos associados a um inibi- dor da Transcriptase Reversa Não Nucleosídeo (T2). As subpopu- lações de monócitos foram determinadas por citometria de fluxo e as análises estatísticas realizadas com o programa GraphPad Prism 6. Resultados: a supopulação CD14highCD16 apresentou baixo percentual em T1 e T2. Na subpopulação CD14lowCD16+ além de redução nos grupos citados, também houve redução nos pacientes que não faziam uso de TARV. Nos monócitos CD14hi- ghCD16- verificamos um baixo percentual do grupo controle. Conclusão: os monócitos também são importantes alvos da TARV, contribuindo para o controle da infecção pelo HIV-1, uma que funcionam como reservatório e veículo de disseminação do vírus pelos tecidos.pt_BR
dc.publisher.countryOutrospt_BR
dc.publisher.departmentInstituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)pt_BR
Aparece nas coleções:IPTSP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Amanda Évelin Silva de Carvalho - 2015.pdf348,44 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons