Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17988
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorRabelo, Danilo-
dc.date.accessioned2019-08-23T13:53:53Z-
dc.date.available2019-08-23T13:53:53Z-
dc.date.issued2008-
dc.identifier.citationRABELO, Danilo. Abordagens complexas: algumas premissas educacionais no Cepae. Revista Solta a Voz, Goiânia, v. 19, n. 2, p. 151-163, 2008. Disponível em: https://www.revistas.ufg.br/sv/article/view/5903/4607.pt_BR
dc.identifier.issn2236-0514-
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/17988-
dc.description.abstractThe impact of the cyberculture and some theories on the knowledge in the information society, at the last decades, has leaded the educators to rethink their theoretical and methodological presuppositions in the learning and teaching process. In this context, a cognitive ecology (Lévy) rethinks and criticizes the rationalism and the traditional ways of apprehending and understanding the knowledge and human relationships with the real and virtual ambient. Thus, a rhizomatic and complex web of theories, promoting a transversal or transdisciplinar dialogue (Morin) and of retroactivity or reversibility was established in the academic milieu and, many times, has mobilized the public opinion. New conceptions about intelligence (Gardner), mind (Minsky), leisure (De Masi) etc. have over passed the dual and essentialist vision of opposite poles, the fragmentation of knowledge and the reductionism. Applied to education, these humanist approaches are aimed not only to the formation of citizens, but also to the symbolic representations of new ways of life – inner life – as social necessities. These are some premises that guide some educational experiences at Cepae.pt_BR
dc.description.sponsorshipUFGpt_BR
dc.language.isoporpt_BR
dc.publisherMaria de Fátima Cruvinelpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectSociedade de informaçãopt_BR
dc.subjectHumanismopt_BR
dc.subjectTransdisciplinaridadept_BR
dc.subjectReversibilidadept_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.subjectInformation societypt_BR
dc.subjectHumanismpt_BR
dc.subjectTransdisciplinar knowledgept_BR
dc.subjectReversibilitypt_BR
dc.titleAbordagens complexas: algumas premissas educacionais no Cepaept_BR
dc.title.alternativeComplex approaches: some educational premises in Cepaept_BR
dc.typeArtigopt_BR
dc.description.resumoO impacto da cybercultura e de certas teorias sobre o conhecimento na sociedade de informação, nas últimas décadas, tem levado os educadores a repensarem seus pressupostos teóricos e metodológicos nos processos de ensino-aprendizagem. Nesse contexto, uma ecologia cognitiva (Levy) repensa e critica o racionalismo e as formas tradicionais de apreender e compreender o conhecimento e as relações humanas com os ambientes reais e virtuais. Assim, uma rizomática e complexa rede de teorias, fomentando um diálogo transversal ou transdiciplinar (Morin) e de retroatividade ou reversibilidade, se estabeleceu no meio acadêmico e, muitas vezes, tem mobilizado a opinião pública. Novas concepções sobre inteligência (Gardner), mente (Minsky), lazer (De Masi) etc. têm ultrapassado a visão dualista e essencialista de pólos opostos, a fragmentação do conhecimento e o reducionismo. Aplicadas à educação, essas abordagens humanistas estão voltadas não apenas à formação de cidadãos, mas também para as representações simbólicas de novos modos de vida – vida interior – como necessidades sociais. Estas são as premissas que orientam algumas experiências educacionais no Cepae.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFGpt_BR
dc.identifier.doi10.5216/rp.v19i2.5903-
dc.publisher.departmentCentro de Ensino e Pesquisa Aplicada à Educação (CEPAE) - RGpt_BR
Aparece nas coleções:CEPAE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Danilo Rabelo - 2008.pdf258,94 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.