Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tde/2416
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorOLIVEIRA, Gustavo Ponciano Cunha de-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/8347942422845132por
dc.contributor.advisor1CAMARGO, Goiandira de Fatima Ortiz de-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/3029764057965151por
dc.date.accessioned2014-07-29T16:19:06Z-
dc.date.available2012-11-27-
dc.date.issued2011-02-18-
dc.identifier.citationOLIVEIRA, Gustavo Ponciano Cunha de. The in-between in Broges: fragments of a poetics. 2011. 133 f. Dissertação (Mestrado em Lingüística, Letras e Artes) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2011.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tde/2416-
dc.description.resumoEste estudo, apresentado na forma de ensaio, parte da indeterminância de sentido enquanto pressuposto crítico na tentativa de apreender possíveis fragmentos de uma poética na obra de Jorge Luis Borges. Assim, seu resultado é uma possível leitura crítica, não a definição do poeta e de sua criação. O estudo toma específicos fragmentos da obra de Borges e os relaciona a textos de apoio diversos, críticos e filosóficos, de Joseph Hillis Miller, Antoine Compagnon, Jacques Derrida, Paul de Man, Gilles Deleuze. Este encontro possibilita a percepção da insatisfação do autor diante de algumas oposições binárias ou polares (herança de paradigmas metafísicos), e com a consequente imposição de ordem que privilegia um dos termos: literatura/crítica, escrita/leitura, poética/antipoética, eu mesmo/um outro, totalidade/sugestão. Esta insatisfação é expressa na criação borgiana por meio de uma metáfora que chamo de entrelugar. Sua característica fundamental é a refutação de discursos que se apresentam como portadores da verdade, fixa e inabalável, por meio de uma reversão da hierarquia que os institui. Borges é, portanto, entendido aqui como um questionador que emprega a linguagem, testando seus limites e potências. O caráter investigativo atribuído aos seus textos, sua inflexão, reflete-se neste ensaio. Partindo de uma citação de El Aleph e da leitura fendida deste fragmento, sempre destacando a parcialidade do estudo que aqui se realiza, apresento a defesa de que Borges situa-se em um entrelugar ao discutir questões fundamentais como autoria, texto, autenticidade e eu.por
dc.description.abstractThis study, presented as an essay, starts from the indeterminacy of meaning as a critical assumption in an attempt to seize possible fragments of a poetics in the work of Jorge Luis Borges. Thus, its outcome is not the definition of the poet and his creation, but a possible critical reading. The study connects specific fragments of Borges work with different support texts, critical and philosophical ones, by Joseph Hillis Miller, Antoine Compagnon, Jacques Derrida, Paul de Man, Gilles Deleuze. This contact enables the perception of the author s dissatisfaction before a couple of binary or polar oppositions (metaphysical paradigms inheritance), and consequent imposition of order favoring one of the words: literature/criticism, reading/writing, poetic/antipoetic, self/ one another, totality/suggestion. Such dissatisfaction is expressed in the borgesian creation through a metaphor which I call in-between. Its fundamental characteristic is the refutation of discourses that present themselves as having a fixed and unshakable truth through a reversion of the hierarchy which establishes them. Borges is, therefore, understood here as an inquirer who employs the language, testing its limits and strength. The inquiring feature assigned to his texts, his inflection, is reflected in this essay. Starting from a quotation from El Aleph and from the fissured reading of such fragment, always highlighting the partiality of the study accomplished here, this essay presents the defense that Borges lies in an in-between when discussing fundamental questions like authorship, text, authenticity and self.eng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2014-07-29T16:19:06Z (GMT). No. of bitstreams: 1 GUSTAVO PONCIANO CUNHA DE OLIVEIRA.pdf: 871527 bytes, checksum: 5c06bb6674b686683e468c73b394ea6e (MD5) Previous issue date: 2011-02-18eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.thumbnail.urlhttp://repositorio.bc.ufg.br/TEDE/retrieve/5227/GUSTAVO%20PONCIANO%20CUNHA%20DE%20OLIVEIRA.pdf.jpg*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Goiáspor
dc.publisher.departmentLingüística, Letras e Artespor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFGpor
dc.publisher.programMestrado em Letras e Linguísticapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectBorgespor
dc.subjectcrítica literáriapor
dc.subjectleiturapor
dc.subjectmetáforapor
dc.subjectentrelugar.por
dc.subjectBorgeseng
dc.subjectliterary criticismeng
dc.subjectreadingeng
dc.subjectmetaphoreng
dc.subjectin-between.eng
dc.subject.cnpqCNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRASpor
dc.titleO Entrelugar em Borges: fragmentos de uma poéticapor
dc.title.alternativeThe in-between in Broges: fragments of a poeticseng
dc.typeDissertaçãopor
Aparece nas coleções:Mestrado em Letras e Linguística (FL)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
GUSTAVO PONCIANO CUNHA DE OLIVEIRA.pdf851,1 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.