Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tde/2454
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorOLIVEIRA, Bruna Maria da Cunha-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/2296125373111944por
dc.contributor.advisor1SOUSA, Kátia Menezes de-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/1920351654350013por
dc.date.accessioned2014-07-29T16:19:14Z-
dc.date.available2010-08-20-
dc.date.issued2007-03-30-
dc.identifier.citationOLIVEIRA, Bruna Maria da Cunha. Indications of authorship in writings of vestibular/UFG. 2007. 117 f. Dissertação (Mestrado em Lingüística, Letras e Artes) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2007.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tde/2454-
dc.description.resumoEsta pesquisa tem como objetivo principal analisar as redações do vestibular da Universidade Federal de Goiás/2005. Como pressuposto inicial para esta investigação científica, temos a autoria no gênero redação do vestibular. Para que pudéssemos encontrar indícios autorais nesses textos, partimos das seguintes questões: quem são esses sujeitos que produzem esses textos? Quais as particularidades dessa produção discursiva? Podemos entender esses textos como um gênero discursivo específico, gênero redação do vestibular? A partir de então, iniciamos uma análise que se propõe discursiva, seguindo os pressupostos teóricos da Análise do Discurso de linha francesa. As concepções de linguagem, discurso e texto, disseminados por essa vertente dos estudos lingüísticos, nos levaram a buscar em Mikhail Bakhtin e Michel Foucault concepções de produção discursiva, chegando aos seus trabalhos sobre autoria, que apresentamos nos dois primeiros capítulos deste trabalho. Os dados que analisamos nos sugerem uma reflexão sobre o discurso e suas práticas cotidianas, pois a partir desse estudo de textos não consagrados encontramos redações que mostram, por meio de seus enunciados, uma tentativa profícua de construção do novo. Do ponto de vista da nossa teoria isso não só é aceitável com também demonstra uma responsabilidade interlocutiva dos jovens candidatos ao ingresso no ensino superior. Sabemos que a linguagem, na perspectiva da Análise do Discurso, parte da idéia de que a interação é fundamental para qualquer tipo de produção discursiva. Sendo assim, os sujeitos envolvidos nesse processo de produção de discursos precisam ser considerados em qualquer análise que se pretenda fazer. Tratamos, portanto, de sujeitos que, ao ocuparem o lugar de candidatos-autores, são direcionados, por questões históricas e sociais, a discursivisarem certos enunciados em detrimento de outros. Isso implica numa série de questões pensadas pela teoria do discurso, que nos levou a estudar Michel Pêcheux, teórico francês, e seu conceito de condições de produção dos discursos. Esse trabalho de Pêcheux nos indicou para uma reflexão acerca das formações imaginárias que, ao serem acionadas por intermédio de uma memória discursiva, auxiliam os locutores a alcançarem os efeitos de sentido pretendidos em suas investidas interlocutivas, sejam orais ou escritas. Portanto, esses e outros conceitos provenientes dessa teoria do discurso foram estudados e acionados por nós no momento da análise dos indícios autorais, último capítulo desta pesquisa.por
dc.description.abstractThis research has as main objective to analyze the essays requested as part of the university entrance exam (vestibular) of the Federal University of Goiás. As an initial assumption for this scientific inquiry, we took aspects of the authorship related to the genres requested in the vestibular exam under consideration. So that we could find authorial indicators in such texts, we asked the following questions: who are the citizens that produce these texts? Which are the particularities of this discoursive production? We can understand these texts as a specific discursive genre, genre used and created for the vestibular exam? From these questions we initiated a discoursive analysis, based on the notions elaborated by the theoreticians of the Discourse Analysis French school. Conceptions such as language, speech and text, led us to search in Mikhail Bakhtin and Michel Foucault conceptions of discoursive production, which allowed us to look through their works on authorship, debated in the two first chapters of this research. The data analyzed indicates a reflection on the discourse and the practices originated from it, considering that this study of non-consecrated texts suggests an attempt of introducing something new. From this theory point of view, this is not only acceptable but also an demonstration of the literature responsibility of the young candidates to an opportunity in superior education. We know that the language, in the perspective of the Discourse Analysis French school, is followed by the idea that interaction is basic for any type of discoursive production. Therefore, the aspects related to the life of the citizens in the process of production of these texts need to be taken under consideration in any analysis. This work, therefore, takes citizens that, when occupying the place of candidate-authors, are directed, based on historical and social matters, to use language to enfasized statements in detriment of others. This implies in a series of questions thought from the prospective of a theory of discourse, which led us to study Michel Pêcheux, French theoretician, and his conception of conditions of production of discourses. Pêcheux s work indicates a reflection about the imaginary formations that, acessed through a discoursive memory, assist the speakers to reach the intended sense in their production, verbal or written. Therefore, these and other concepts proceeding from this theory of discourse had been studied and used by us on the analysis of the authorial indicators in the last chapter of this research.eng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2014-07-29T16:19:14Z (GMT). No. of bitstreams: 1 BRUNA MARIA DA CUNHA OLIVEIRA.pdf: 1307099 bytes, checksum: 743cad3d01159e342a81bd93efb02895 (MD5) Previous issue date: 2007-03-30eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.thumbnail.urlhttp://repositorio.bc.ufg.br/TEDE/retrieve/5256/BRUNA%20MARIA%20DA%20CUNHA%20OLIVEIRA.pdf.jpg*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Goiáspor
dc.publisher.departmentLingüística, Letras e Artespor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsUFGpor
dc.publisher.programMestrado em Letras e Linguísticapor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectAutoriapor
dc.subjectGêneros Discursivospor
dc.subjectAnálise do Discursopor
dc.subjectAuthorshipeng
dc.subjectDiscursive Genreeng
dc.subjectDiscourse Analysiseng
dc.subject.cnpqCNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICApor
dc.titleIndícios de Autoria em Redações do Vestibular/UFGpor
dc.title.alternativeIndications of authorship in writings of vestibular/UFGeng
dc.typeDissertaçãopor
Aparece nas coleções:Mestrado em Letras e Linguística (FL)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
BRUNA MARIA DA CUNHA OLIVEIRA.pdf1,28 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.