Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/10253
Tipo do documento: Dissertação
Título: Trabalho e regulação: sociabilidade e empreendedorismo no ramo de higiene e beleza
Título(s) alternativo(s): Work and regulation: sociability and entrepreneurship in the hygiene and beauty branch
Autor: Bufaiçal, Lígia Carvalho de Sillos
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/9144303484587248
Primeiro orientador: Nunes, Jordão Horta
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/0257540968113535
Primeiro membro da banca: Nunes, Jordão Horta
Segundo membro da banca: Tosta, Tania Ludmila Dias
Terceiro membro da banca: Souza, Tatiele Pereira de
Resumo: O trabalho passou por grandes transformações desde a revolução industrial. A produção de bens não emprega tantas pessoas como costumava empregar antes e os sistemas de produção foram racionalizados e incrementados tecnologicamente, mecanizando vários processos que agora dispensam a mão de obra humana. Atualmente, o setor de serviços é responsável por empregar grande parte da população brasileira, contudo, é possível identificar um movimento que busca flexibilizar a legislação trabalhista e transferir, cada vez mais, a responsabilidade e os riscos do negócio para os trabalhadores, de modo que a própria figura do trabalhador e da trabalhadora parecem ameaçadas. Este estudo busca, portanto, analisar o serviço no setor de serviços, utilizando como objeto o ramo de higiene e beleza, trabalhando principalmente as seguintes questões: o discurso empreendedor e a regulamentação brasileira, as condições de trabalho nesse ramo, os programas sociais voltados para a capacitação de profissionais do ramo e a profissionalização dessa atividade laboral, as regulamentações legais que regulam as relações de trabalho presentes nesse ramo e as trajetórias dos/as trabalhadores/as que estão nesse ramo. Esta pesquisa justifica-se, pois no Brasil encontramos poucos estudos sobre o trabalho no setor de serviços, especialmente, sobre os trabalhadores do ramo de higiene e beleza. Nesse sentido, o presente estudo busca contribuir com o debate sobre as transformações no mundo do trabalho e as transformações na regulação que versa sobre o trabalho no Brasil, assim como o debate sobre o estudo das trajetórias profissionais e a formação da identidade laboral. A metodologia que orienta a pesquisa é a triangulação, que contempla as técnicas de pesquisa qualitativa e quantitativa. Alguns dados foram produzidos a partir de banco de dados de instituições de pesquisa nacionais, além disso, foi realizado trabalho de campo realizando entrevistas semiestruturadas com trabalhadores e trabalhadoras do ramo de higiene e beleza. O presente trabalho foi realizado com apoio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior -Brasil (CAPES) - Código de Financiamento 001.
Abstract: Work has undergone great transformations since the industrial revolution. Asset management does not employ as many people as it used to employ before, and production systems have been rationalized and technologically enhanced, mechanizing various processes that now dispense human labor. Nowadays, the service sector is responsible for employing a large part of the Brazilian population, however it is possible to identify a movement that seeks to make labor legislation more flexible and to transfer, more and more, the responsibility and risks of the business to the workers, so that the very figure of the worker seems threatened. Therefore this study seeks to analyze the service in the service sector, using the hygiene and beauty branch as object, focusing on the following questions: the entrepreneurial discourse and the Brazilian regulation, the conditions of work in this field, social programs aimed at the training of professionals in the field and the professionalization of this labor activity, the legal regulations that regulate the labor relations present in this branch and the trajectories of the workers who are in this field. This research is justified, because in Brazil we find few studies about the work in the service sector, especially, on the hygiene and beauty workers. In this sense, the present study seeks to contribute to the debate on the transformations in the world of work and the transformations in the regulation that deals with the work in Brazil as well as the debate on the study of the professional trajectories and the formation of the labor identity. The methodology that guides the research is the triangulation, that contemplates the techniques of qualitative and quantitative research. Some data were produced from a database of national research institutions. In addition, fieldwork was carried out by semi-structured interviews with workers in the hygiene and beauty sector. This study was financed in part by the Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Brasil (CAPES) - Finance Code 001.
Palavras-chave: Sociologia do trabalho
Higiene e beleza
Regulação
Empreendedorismo
Sociology of work
Hygiene and beauty
Regulation
Entrepreneurship
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Ciências Sociais - FCS (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Sociologia (FCS)
Citação: BUFAIÇAL, Lígia Carvalho de Sillos. Trabalho e regulação: sociabilidade e empreendedorismo no ramo de higiene e beleza. 2019.96 f. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/10253
Data de defesa: 4-Dez-2019
Aparece nas coleções:Mestrado em Sociologia (FCS)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Lígia Carvalho de Sillos Bufaiçal - 2019.pdf1,72 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons