Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/11475
Tipo do documento: Dissertação
Título: Reservas de caixa e ameaças biológicas: um estudo das políticas de cash holding frente ao choque exógeno causado pela pandemia da COVID-19
Título(s) alternativo(s): Cash holdings and biological threats: a study of cash holding policies facing the exogenous shock caused by the COVID-19 pandemic
Autor: Gomes, Poliana Carine Silva
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/7253854857832883
Primeiro orientador: Cruz, Alethéia Ferreira da
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/4696821747588199
Primeiro membro da banca: Cruz, Alethéia Ferreira da
Segundo membro da banca: Cruz, Moisés Ferreira da
Terceiro membro da banca: Tavares, Marcelo
Resumo: O objetivo desta pesquisa é analisar se as empresas brasileiras de capital aberto gerenciam suas reservas de caixa quando expostas a um choque exógeno, por meio de um experimento quase natural, provocado pela pandemia da COVID-19. A amostra do estudo contemplou 273 empresas brasileiras, listadas na B³ e utilizou o método de Regressão OLS com estimativa de difference-in-differences. Os resultados da pesquisa são que a pandemia de COVID-19 impactou positivamente as reservas de caixa das empresas analisadas, tanto utilizando o ano de 2019 quanto o ano de 2018 como período pré choque exógeno. Foi identificado também que variáveis macroeconômicas como PIB, Taxa de juros e inflação exercem influência na retenção de caixa em período de crises sanitárias. Entende-se que esse crescimento das reservas de caixa pós choque exógeno deve-se principalmente a presença de incertezas na geração dos fluxos de caixa futuros, incentivando o aumento dos níveis de reservas de caixa para gerenciamento dos custos fixos e de manutenção do negócio e evitando a necessidade de recorrer ao capital de terceiros, dado a preferência pela liquidez. Foi identificado também que as empresas restritas financeiramente retiveram caixa em menor proporção do que as empresas irrestritas.
Abstract: The objective of this research is to analyze whether Brazilian publicly traded companies manage their cash reserves when exposed to an exogenous shock, through an almost natural experiment, caused by the pandemic of COVID-19. The study sample included 273 Brazilian companies, listed on B³ and used the OLS Regression method with an estimate of difference-in-differences. The survey results are that the COVID-19 pandemic positively impacted the cash reserves of the companies analyzed, both using the year 2019 and the year 2018 as an exogenous pre-shock period. It was also identified that macroeconomic variables such as GDP, interest rates and inflation have an influence on cash retention in times of health crises. It is understood that this growth in cash reserves after exogenous shock is mainly due to the presence of uncertainties in the generation of future cash flows, encouraging an increase in the levels of cash reserves to manage fixed costs and business maintenance and avoiding the need to use third party capital, given the preference for liquidity. It was also identified that financially restricted companies retained cash to a lesser ext ent than unrestricted companies.
Palavras-chave: Retenção de caixa
Cash holding
Finanças corporativas
Choque exógeno
Quase experimento
COVID-19
Cash holding
Corporate finance
Exogenous shock
COVID-19
Almost-experiment
Área(s) do CNPq: CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::CIENCIAS CONTABEIS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas - FACE (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Ciências Contábeis (FACE)
Citação: GOMES, P. C. S. Reservas de caixa e ameaças biológicas: um estudo das políticas de cash holding frente ao choque exógeno causado pela pandemia da COVID-19. 2021. 79 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Contábeis) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2021.
Tipo de acesso: Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/11475
Data de defesa: 14-Mai-2021
Aparece nas coleções:Mestrado em Ciências Contábeis (FACE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Poliana Carine Silva Gomes - 2021.pdf1,99 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons