Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/11677
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorCarvalho, Rita de Cássia-
dc.creator.Latteslattes.cnpq.br/7837548407040373pt_BR
dc.contributor.advisor1Barbosa, Ivone Garcia-
dc.contributor.advisor1Latteslattes.cnpq.br/8032275045906128pt_BR
dc.contributor.referee1Barbosa, Ivone Garcia-
dc.contributor.referee2Suanno, Marilza Vanessa Rosa-
dc.contributor.referee3Silveira, Telma Aparecida Teles Martins-
dc.contributor.referee4Silva, Altina Abadia da-
dc.contributor.referee5Teixeira, Ricardo Antônio Gonçalves-
dc.date.accessioned2021-10-05T12:26:11Z-
dc.date.available2021-10-05T12:26:11Z-
dc.date.issued2021-08-16-
dc.identifier.citationCARVALHO, R. C. Sexualidade e gênero na educação infantil: o que as teses e dissertações dos programas de pós-graduação em Educação contam e silenciam. 2021. 247 f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2021.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/11677-
dc.description.resumoA presente pesquisa de doutorado compõe um dos vários subprojetos em desenvolvimento do projeto Políticas Públicas e Educação da Infância em Goiás: história, concepções, projetos e práticas, do Grupo de Estudos e Pesquisas da Infância e sua Educação, ligado à linha de pesquisa Formação, Profissionalização Docente e Práticas Educativas do Programa de Pós-Graduação em Educação da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Goiás. Consideramos que discutir e trabalhar sexualidade e gênero com as crianças na/da Educação Infantil constitui uma tarefa importante e necessária, em função de que as identidades sexual e de gênero estão sendo construídas nessa faixa etária, desde o nascimento, a partir de processos de interação e mediação com sujeitos mais experientes e com elementos da cultura, que auxiliam na apropriação de significados por parte dessas crianças sobre o mundo em que vivem e, de forma particular, sobre a sexualidade e o gênero, por meio de brincadeiras, observações, questionamentos, transgressões e resistências. Diante disso, inspiradas na metodologia do estado do conhecimento e na análise de conteúdo, nos propomos a investigar o que as teses e as dissertações dos programas de Pós Graduação em Educação, indexadas no banco de dados da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e na Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações (BDTD), contam e silenciam sobre sexualidade e gênero na/para/com a Educação Infantil? Para tal, utilizamos operadores booleanos que auxiliaram no levantamento de pesquisas em nossa temática, possibilitando a catalogação quanto: à modalidade de pesquisa, ano de defesa, gênero de pesquisadoras/es, regiões do Brasil, Instituições de Ensino Superior e grupos de pesquisa. Com o objetivo de verificar a produção de artigos na temática, realizamos levantamento bibliográfico no Grupo de Trabalho sobre Educação de Crianças de 0 a 6 anos (GT07) e Grupo de Trabalho sobre Gênero, sexualidade e educação (GT23) da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (Anped), no SciELO e no portal de periódicos da Capes. Para análise das pesquisas eleitas foram realizadas leituras de: título, resumo, palavras chave, sumário e introdução, verificando se atendiam aos critérios estabelecidos por nós e, observamos que dos 91 estudos eleitos, 43 atendiam ao nosso interesse. A partir da leitura e análise dos trabalhos eleitos e, pautadas no materialismo histórico dialético, dialogamos com os objetos, observando suas proposições, realidades e contradições e, deles emergiram como categorias de análise: educação/disciplinarização dos corpos das crianças, o cotidiano da instituição educativa e suas práticas pedagógicas, o uso de brinquedos e brincadeiras na educação da sexualidade e do gênero, bem como na construção das identidades das crianças e a transgressão/resistência das crianças na/da educação infantil frente às normas e regras impostas a elas. A análise das categorias nos contou como a sexualidade e o gênero são trabalhados na Educação Infantil, influenciando nas construções das identidades sexual e de gênero, bem como o que tem sido silenciado pelas instituições educativas no tange à sexualidade e gênero ‒ os traços de transgeneridade explicitados por algumas crianças de zero a seis anos.pt_BR
dc.description.abstractThis doctorate research is composed by several sub-projects under development in the project Public Policy and Children’s Education in Goiás: history, concepts, projects and practices, of a group that studies childhood and its education, linked to the research line Training, Teachers’ Professionalization and Educational Practices of the Postgraduate Program in Education of the Faculty of Education of Federal University of Goiás. We believe that discussing and working with sexuality and gender with children in Early Childhood Education is an important and necessary task, since sexual and gender identities are under development in this age group, since birth, based on interaction and mediation processes with more experienced subjects and with cultural elements, which help these children appropriate meaning about the world they live in and, in particular, about sexuality and gender, through games, observations, questions, transgressions and resistance. Therefore, inspired by the state of knowledge methodology and content analysis, we propose to investigate what the theses and dissertations of the Graduate Programs in Education, indexed in the database of the Coordination for the Improvement of Higher Education Personnel ( Capes) and the Brazilian Digital Library of Theses and Dissertations (BDTD), disclose and withhold about sexuality and gender in / for / with Early Childhood Education. To this end, we used Boolean operators which assisted in surveying research on our theme, enabling cataloging as to: the type of research, year of defense, gender of researchers / regions, regions of Brazil, Higher Education Institutions and research groups. In order to verify the production of articles on the theme, we carried out a bibliographic survey in a Children's Education Work Group dealing with children 0 to 6 years of age (GT07) and a Gender, Sexuality and Education (GT23) Work Group from the National Association of Graduation and Research in Education (Anped), in SciELO and in the CAPES (a Brazilian federal government agency under the Ministry of Education, responsible for quality assurance in undergraduate and postgraduate institutions in Brazil) periodical portal. For analysis of the chosen researches, readings of: title, summary, keywords, summary and introduction were carried out, checking if they met the criteria established by us and, we observed that of the 91 elected studies, 43 met our purposes. From reading and analyzing the chosen works and, based on historical dialectical materialism, we dialogued with the objects, observing their propositions, realities and contradictions, and extracted from them the following categories for analysis: education / disciplinarization of children's bodies, the institution's daily education routine and its pedagogical practices, the use of toys and games in sexuality and gender education, as well as in the construction of children's identities and the transgression / resistance of children in / of early childhood education in the face of the norms and rules imposed on them. The analysis of the categories showed us how sexuality and gender are explored in Early Childhood Education, influencing the construction of sexual and gender identities, as well as what has been suppressed by educational institutions in terms of sexuality and gender - the transgender traits exhibited by some children between zero and six years of age.eng
dc.description.provenanceSubmitted by Franciele Moreira (francielemoreyra@gmail.com) on 2021-10-04T16:42:48Z No. of bitstreams: 2 Tese - Rita de Cássia Carvalho - 2021.pdf: 3036212 bytes, checksum: dcef14d67ba27f49c0cb1dc431c08e19 (MD5) license_rdf: 805 bytes, checksum: 4460e5956bc1d1639be9ae6146a50347 (MD5)en
dc.description.provenanceApproved for entry into archive by Luciana Ferreira (lucgeral@gmail.com) on 2021-10-05T12:26:11Z (GMT) No. of bitstreams: 2 Tese - Rita de Cássia Carvalho - 2021.pdf: 3036212 bytes, checksum: dcef14d67ba27f49c0cb1dc431c08e19 (MD5) license_rdf: 805 bytes, checksum: 4460e5956bc1d1639be9ae6146a50347 (MD5)en
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2021-10-05T12:26:11Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Tese - Rita de Cássia Carvalho - 2021.pdf: 3036212 bytes, checksum: dcef14d67ba27f49c0cb1dc431c08e19 (MD5) license_rdf: 805 bytes, checksum: 4460e5956bc1d1639be9ae6146a50347 (MD5) Previous issue date: 2021-08-16en
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Goiáspt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade de Educação - FE (RG)pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUFGpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Educação (FE)pt_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/*
dc.subjectSexualidadepor
dc.subjectGêneropor
dc.subjectCriançaspor
dc.subjectEducação infantilpor
dc.subjectTransgeneridadepor
dc.subjectSexualityeng
dc.subjectGendereng
dc.subjectChildreneng
dc.subjectEarly childhood educationeng
dc.subjectTransgenerityeng
dc.subject.cnpqCIENCIAS HUMANAS::EDUCACAOpt_BR
dc.titleSexualidade e gênero na educação infantil: o que as teses e dissertações dos programas de pós-graduação em Educação contam e silenciampt_BR
dc.title.alternativeSexuality and gender in early childhood education: What the theses and dissertations of the graduate programs in Education disclose and withholdeng
dc.typeTesept_BR
Aparece nas coleções:Doutorado em Educação (FE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese - Rita de Cássia Carvalho - 2021.pdf2,97 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons