Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/11680
Tipo do documento: Dissertação
Título: Cursos presenciais e carga horária a distância em seus currículos: o papel do estado, a trajetória da política e as implicações no IF Goiano
Título(s) alternativo(s): Presential courses and distance education hours in its curriculums: the role of the state, the path of policy and the implications in the IF Goiano
Autor: Rodrigues, Marina Campos Nori
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/0146098087708675
Primeiro orientador: Lima, Daniela da Costa Britto Pereira
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/2278807353455371
Primeiro membro da banca: Lima, Daniela da Costa Britto Pereira
Segundo membro da banca: Oliveira, João Ferreira de
Terceiro membro da banca: Alonso, Kátia Morosov
Quarto membro da banca: Toschi, Mirza Seabra
Resumo: O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano (IF Goiano) atua desde 2015 na oferta de carga horária a distância em cursos presenciais, e em 2019 cerca de 80% deles já contavam com a inserção desta oferta. A prática é regulada por meio de portarias do Ministério da Educação (MEC), tendo a primeira delas sido publicada em 2001, e a mais recente, em 2019. O presente estudo tem como objeto de investigação a análise da política que regula oferta de carga horária a distância em cursos presenciais, considerando como estratégia de pesquisa o caso IF Goiano. O objetivo geral é compreender e contextualizar a política pública que regulamenta a inserção da carga horária a distância em cursos presenciais no Brasil, com especial análise de sua implementação no IF Goiano, a fim de identificar as implicações da construção da política em uma instituição pública de educação. A pesquisa, de abordagem qualitativa, tem como base o materialismo histórico-dialético. De cunho bibliográfico e documental, a pesquisa utilizou as categorias trabalho, relações sociais de produção, tecnologia e dependência econômica e tecnológica, para a análise crítica e contextualizada do processo de elaboração dos instrumentos que regulam a oferta de carga horária a distância nos cursos presenciais, e das implicações dessa construção regulamentar na política institucional do IF Goiano. De posse dos resultados da investigação, a pesquisa traz como principais constatações a influência que as instituições privadas assumem na regulação dessa oferta e a tendência de flexibilização e desregulação de processos de acompanhamento e avaliação a partir de 2016. Essa concepção de regulação consolida a oferta de carga horária a distância em cursos presenciais como uma estratégia de uso mercadológico da modalidade EaD, extensivo a toda a educação superior, independente da modalidade. No que tange às políticas institucionais do IF Goiano, essa ausência de orientações relativas à organização do processo educativo e o apagamento das ações de avaliação e acompanhamento dessa oferta nos cursos presenciais na política macro trazem impactos também para as ações da instituição, que atualmente se encontram no estágio de incentivo ao uso da EaD, sem um efetivo acompanhamento e definição de ações formativas para a comunidade acadêmica.
Abstract: The Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano (IF Goiano) has been operating since 2015 in offering distance education face-to-face courses, and in 2019 about 80% of them already had this offer. The practice is regulated through ordinances of the Ministry of Education (MEC), the first of which was published in 2001, and the most recent, in 2019. The present study has as its object of investigation the analysis of the policy that regulates cargo supply distance learning in face-to-face courses, considering the IF Goiano case as a research strategy. The general objective is to understand and contextualize the public policy that regulates the insertion of the distance education in face-to-face courses in Brazil, with special analysis of its implementation in the IF Goiano, to identify the implications of the construction policy in a public institution of education. The research, with a qualitative approach, is based on historical-dialectical materialism. Bibliographic and documentary, the research used the categories work, social relations of production, technology, economic and technological dependence, for the critical and contextualized analysis of the elaboration process of the instruments that regulate the supply of distance education in the face to-face courses, and the implications of this regulatory construction in the institutional policy of IF Goiano. With the results of the investigation in mind, the research brings as main findings the influence that private institutions assume in the regulation of this offer and the tendency for flexibility and deregulation of monitoring and evaluation processes from 2016 onwards. This concept of regulation consolidates the offer of distance education in-classroom courses as a mercantilist strategy for use of distance education, extended to all higher education, regardless of the modality. Concerning the institutional policies of IF Goiano, this absence of guidelines related to the organization of the educational process and the erasure of the evaluation and monitoring actions of this offer in the face-to-face courses in macro policy also have an impact on the institution's actions, which are currently found in the stage of encouraging the use of distance education, without effective monitoring and definition of training actions for the academic community.
Palavras-chave: Carga horária a distância
Política pública
Tecnologia
Estado dependente
IF Goiano
Distance education in face-to-face courses
Public policy
Technology
Dependent state
IF Goiano
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Educação - FE (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Educação (FE)
Citação: RODRIGUES, M. C. N. Cursos presenciais e carga horária a distância em seus currículos: o papel do estado, a trajetória da política e as implicações no IF Goiano. 2021. 251 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2021.
Tipo de acesso: Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/11680
Data de defesa: 11-Mai-2021
Aparece nas coleções:Mestrado em Educação (FE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Marina Campos Nori Rodrigues - 2021.pdf3,55 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons