Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/12163
Tipo do documento: Dissertação
Título: Dinâmica da paisagem da microbacia hidrográfica Barreira Bela, Goiás: uma abordagem espaço-temporal
Título(s) alternativo(s): Landscape dynamics of the Barreira Bela microbasin, Goiás: a spatio-temporal approach
Autor: Batista, Jaqueline Gomes
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/3413857110420959
Primeiro orientador: Faria, Karla Maria Silva de
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/2186337194534589
Primeiro membro da banca: Faria, Karla Maria Silva de
Segundo membro da banca: Oliveira, Ivanilton José de
Terceiro membro da banca: Silva, Edson Vicente da
Resumo: As Bacias Hidrográficas constituem importantes unidades territoriais de análise e são utilizadas para aplicação de medidas de planejamento e gestão. Neste sentido, situada na planície fluvial da Bacia Hidrográfica do rio Araguaia, está inserida a Microbacia Hidrográfica Barreira Bela, no município de Montes Claros de Goiás. Embora esteja inserida em uma área em que a vulnerabilidade é considerada muito forte, e apresente grande relevância ecológica, por conter áreas sensíveis e ricas em biodiversidade, como zonas úmidas e campos de murundu, a microbacia tem sido alvo de um intenso processo de ocupação, para desenvolvimento de práticas agropecuárias e inserção de loteamentos rurais, que abrigam segundas residências. Estas atividades podem promover degradação, principalmente em ambientes com o meio físico vulnerável e que apresentem ocupações complexas, como as segundas residências, que não têm amparos legais específicos. Além disso, não há presença de unidades de conservação no entorno da microbacia, e tem aumentado a pressão exercida pela expansão da fronteira agrícola em áreas de Cerrado, portanto o presente estudo surge com o objetivo geral de compreender o contexto físico-natural e o histórico de ocupação da microbacia, para avaliar sua dinâmica da paisagem entre o período de 1990 e 2020. A metodologia envolveu levantamento bibliográfico, coleta, organização e refinamento de dados, mapeamento de uso e cobertura vegetal do solo para os últimos trinta anos, pesquisas de campo, com realização de entrevistas, determinação da vulnerabilidade à perda de solos, compartimentação geoecológica, análise integrada e planejamento, com base nos preceitos da Geoecologia das Paisagens. Os resultados indicam que predominam os remanescentes de vegetação do Cerrado na microbacia, mas que houve um decréscimo de 31,1% desta classe nos últimos 30 anos, que foram convertidos para uso antrópico. Também foi possível a identificação de diversos impactos ambientais, sendo um dos principais a ocorrência de processos erosivos na área de estudo, e que os loteamentos correspondem ao principal fator de influência na região, portanto o presente estudo propõe a instituição de uma unidade de conservação de uso sustentável, como forma de planejamento e gestão para a Microbacia Hidrográfica Barreira Bela, aproveitando as tendências de ocupação da área para promover o turismo sustentável e práticas agropecuárias conservacionistas.
Abstract: The Hydrographic Basins constitute important territorial unities of analysis and they are utilized to develop actions of planning and management. In this way, sited on the fluvial plain of the Hydrographic Basin of Araguaia River, the Barreira Bela Microbasin is located in the municipality of Montes Claros of Goiás. Though it is sited in an area of very high vulnerability and it presents high ecological relevance, due to the sensitive and biodiverse areas, like wetlands and Murundu fields, this microbasin has been a target of an intense process of occupancy to the development of agriculture and pasture and the insertion of rural allotments as second residences. These activities can promote degradation, mainly in vulnerable physical environments with complex occupancy, like the second residences that don’t present specific legal supports. Furthermore, the presence of conservation unities around the microbasin is null and the pressure in Cerrado areas due to agricultural frontier expansion has increased. Therefore, this study arises with the general objective of comprehending the physical-natural context and the occupancy history of the Barreira Bela Microbasin, as a way to evaluate its landscape dynamic between 1990 and 2020. The methodology involved bibliographic survey, data collection, organization and refinement, mapping of land use and land cover to the last 30 years, research interviews, measurement of vulnerability to soil loss, geoecological compartmentation, integrated analysis, and planning, based on the precepts of Landscape Geoecology. The results indicate that the remaining Cerrado vegetation is predominant in the microbasin, although the decrease of 31,1% of this class in the last 30 years, converted to anthropic use. Also, it was possible to identify diverse environmental impacts, but one of the main is the occurrence of erosive processes in the study area, and the allotments correspond to the principal factor of influence in this region. Therefore, this study proposes the institution of a conservation unity of sustainable use as a way of plan and manage the Barreira Bela Microbasin, utilizing occupancy tendencies to promote sustainable tourism and conservationist practices of agriculture and pasture.
Palavras-chave: Rio Araguaia
Segundas residências
Loteamentos rurais
Geoecologia das paisagens
Avaliação geoecológica
Impactos ambientais
Araguaia river
Second residences
Rural allotment
Landscape geoecology
Geoecological evaluation
Environmental impacts
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Instituto de Estudos Socioambientais - IESA (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Geografia (IESA)
Citação: BATISTA, J. G. Dinâmica da paisagem da microbacia hidrográfica Barreira Bela, Goiás: uma abordagem espaço-temporal. 2021. 125 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2021.
Tipo de acesso: Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/12163
Data de defesa: 10-Mar-2021
Aparece nas coleções:Mestrado em Geografia (IESA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Jaqueline Gomes Batista - 2021.pdf6,73 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons