Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/3329
Tipo do documento: Dissertação
Título: Indicadores de processo para a prevenção da infecção do sítio cirúrgico em um hospital universitário do centro-oeste brasileiro
Título(s) alternativo(s): Process indicators for the prevention of surgical site infections in a teaching hospital in central-western Brazil.
Autor: Gebrim, Cyanéa Ferreira Lima
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/6381118150257039
Primeiro orientador: Palos, Marinésia Aparecida Prado
Primeiro coorientador: Barreto, Regiane Aparecida dos santos Soares
Primeiro membro da banca: Palos, Marinésia Aparecida Prado
Segundo membro da banca: Mrué, Mrué
Terceiro membro da banca: Bezerra, Ana Lúcia Queiroz Bezerra
Quarto membro da banca: Brandão, Marcelo Luiz
Quinto membro da banca: Sousa, Adenícia Custódia Silva e
Resumo: INTRODUÇÃO: Evidências apontam que, de cada dez pessoas no mundo, uma tem sido vítima de erros ou eventos adversos evitáveis. As estatísticas reforçam que, dos 234 milhões de pacientes submetidos a procedimentos cirúrgicos, sete milhões sofrem complicações pós-operatórias, elevando as taxas de mortalidade em torno de 0,4 a 10%. A infecção do sítio cirúrgico é considerada como o segundo incidente de maior impacto para a morbimortalidade dos pacientes, podendo gerar prejuízos físicos e emocionais irreparáveis, além de onerar os custos com a terapêutica para as instituições. Essa realidade impulsionou o programa Cirurgias Seguras Salvam Vidas, o qual representa o segundo Desafio Global da Aliança Mundial para a Segurança do Paciente, lançado pela Organização Mundial da Saúde, em 2004. Estudo organizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária do Brasil, proveniente dessa campanha, catalogou nove indicadores de processo para prevenção dessas infecções, os quais foram objeto dessa investigação. OBJETIVO: analisar os indicadores de processo para a prevenção da infecção do sítio cirúrgico no perioperatório de pacientes submetidos à cirurgia limpa em um hospital universitário do Centro-Oeste brasileiro. MÉTODO: Estudo de coorte retrospectiva do tipo analítico, realizado por meio de 700 prontuários de pacientes, maiores ou igual a 18 anos, submetidos a procedimento cirúrgico limpo, de janeiro de 2008 a dezembro de 2010. Foi utilizado um formulário estruturado e previamente avaliado segundo as diretrizes nacionais. Os dados foram inseridos no Statistical Package For The Social Science versão 15 for Windows. A análise foi descritiva e multivariada, com testes qui-quadrado, Fisher e OR (odds ratio) como medidas de associação em variáveis com p<0,10. Foram consideradas estatisticamente significantes as associações com p<0,05. RESULTADOS: Quanto ao perfil sociodemográfico dos pacientes, 57,1% eram do sexo feminino, com idade entre 18 e 101 anos; 39,3% apresentavam comorbidades; 74,5%, com ASA ≤II. Quanto à especialidade cirúrgica, 29,9% ortopédica e 19,9% vascular. Inconformidades nos indicadores foram encontradas em 64,6%. Aspectos como o tempo de internação pré-operatória, o método usado para tricotomia, a duração da profilaxia antimicrobiana, o controle glicêmico em diabéticos, o controle térmico e o registro de inspeção das caixas cirúrgicas foram considerados não adequados. Os preditores para infecção do sítio cirúrgico pela análise univariada foram: sexo masculino, portador de doença crônica, etilismo e tabagismo, infecção à distância, tempo de internação pré-operatória > 5 dias, ASA ≥ III, tricotomia e a profilaxia antimicrobiana; os fatores independentes foram: ser portador de doença crônica, infecção à distância e tricotomia com lâmina de barbear. A taxa de infecção foi de 10%. A especialidade cirúrgica que apresentou maior índice de infecção foi a vascular, com 25,9%. O Staphylococcus aureus resistente à meticilina foi o agente etiológico de maior evidência. CONCLUSÃO: Concluiu-se que o serviço atende, parcialmente, os indicadores de processo para a prevenção da infecção do sítio cirúrgico no perioperatório de cirurgias limpas, em conformidade com os princípios do programa Cirurgias Seguras Salvam Vidas.
Abstract: INTRODUCTION: Evidence shows that out of every ten people in the world, one has been the victim of medical errors or preventable adverse events. These statistics are further evidence that of the 234 million patients undergoing surgeries, seven million suffer postoperative complications, increasing mortality rates by around 0.4 to 10%. A surgical site infection is considered the second highest incidence of major impact to the morbidity and mortality of patients, and may cause irreparable physical and emotional harm, as well as increase the cost of therapy for institutions. This reality drove the Safe Surgery Saves Lives program, which is the second Global Challenge for the World Alliance for Patient Safety program, launched by the World Health Organization in 2004. Studies organized by the National Health Surveillance Agency of Brazil, derived from these campaigns, cataloged nine process indicators to prevent these infections, which were the subject of this investigation. OBJECTIVE: To examine the process indicators for the prevention of surgical site infection in the perioperative period in patients undergoing clean surgery in a teaching hospital in central-western Brazil. METHODS: Retrospective analytical cohort study, conducted in 700 records of patients aged 18 years or older undergoing clean surgical procedures from January 2008 to December 2010. We used a structured form, previously evaluated according to national guidelines. Data were entered into SPSS version 15 for Windows. The analysis was descriptive and multivariate, and used chi-square tests, Fisher, and odds ratio (OR) as measures of association for variables with p <0.10. Statistically significant associations with p <0.05 were considered. RESULTS: Regarding the socio-demographic profile of the patients, 57.1% were female, aged between 18 and 101 years, 39.3% had comorbidities, 74.5% with ASA ≤ II. Regarding surgical specialty, 29.9% were orthopedic and 19.9% were vascular. Nonconforming indicators were found in 64.6%. Aspects such as the time of preoperative hospitalization, the method used for hair removal, the duration of antimicrobial prophylaxis, glycemic control in diabetics, as well as the thermal controls and inspection records of the surgical cases were not considered appropriate. The predictors for surgical site infection in the univariate analysis were male gender, carriers of chronic disease, alcoholism and smoking, infections already present on admission, a length of preoperative hospital stay of greater than 5 days, ASA ≥ III, shaving and antimicrobial prophylaxis; the independent factors were: being a carrier of a chronic disease, infections already present on admission and shaving with a razor blade. The estimated rate of infection was 10%. The surgical specialty with the highest rate of infection was vascular, with 25.9%. The methicillin-resistant Staphylococcus aureus was the most evident causative agent. CONCLUSION: We conclude that the service partially meets the process indicators for the prevention of surgical site infection in the perioperative period of clean surgeries, incongruent with the principles of the Safe Surgery Saves Lives program.
Palavras-chave: Indicadores de qualidade em qssistência à saúde (processos e resultados)
Segurança do paciente
cirurgia
Infecção da ferida operatória
Enfermagem perioperatória
Quality indicators
Health care
Patient safety
Surgery
Surgical wound infection
Perioperative nursing
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Enfermagem - FEN (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Enfermagem (FEN)
Citação: GEBRIM, Cyanéa Ferreira Lima. Indicadores de processo para a prevenção da infecção do sítio cirúrgico em um hospital universitário do centro-oeste brasileiro. 2013. 170 f. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/3329
Data de defesa: 26-Mar-2013
Aparece nas coleções:Mestrado em Enfermagem (FEN)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Cyanéa Ferreira Lima Gebrim - 2013.pdf3,76 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons