Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/3606
Tipo do documento: Dissertação
Título: Trabalhadores migrantes: no eito da cana à escravidão contemporânea em Goiás
Título(s) alternativo(s): Migrant workers: in the realm of sugarcane to contemporany slavery in Goiás
Autor: Silva, Cristiane Passos Melo e
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/0390355529017085
Primeiro orientador: Alvarez, Gabriel Omar
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/1246783304706348
Primeiro membro da banca: Alvarez, Gabriel Omar
Segundo membro da banca: Figueira, Ricardo Rezende
Terceiro membro da banca: Lima, Roberto Cunha Alves de
Resumo: A proposta dessa dissertação é analisar o ponto de vista dos trabalhadores rurais escravizados na contemporaneidade, as relações sociais estabelecidas nesses espaços de usurpação da liberdade e de direitos, bem como nos demais espaços de trabalho ocupados, como os canaviais brasileiros. Faz-se, portanto, necessário a análise de conceitos pertinentes ao desenvolvimento da pesquisa, como campesinato, campesinidade, escravidão contemporânea, entre outros. Dentro desse contexto, busco analisar o histórico de dominação empreendido no mundo rural através dos anos, e o código moral camponês que atravessou o tempo e se manteve no imaginário dos povos do campo, animando o seu processo de resistência, de forma a manter uma prática social e produtiva tradicionalmente estabelecida. Categorias como raça e gênero também serão abordadas no desenrolar desse estudo, bem como outras que se mostraram pertinentes às análises aqui apresentadas. As relações de trabalho e os direitos desses trabalhadores, da mesma forma, foram analisados no texto, bem como a presença dos sindicatos de trabalhadores rurais e demais organizações representativas, no cotidiano de trabalho destes. A pesquisa trará, ainda, análises referentes à manutenção da segmentação hierárquica no espaço de trabalho, e os elementos que a motivam, bem como ações de violência exercidas sobre os trabalhadores através dos anos
Abstract: The proposal of this dissertation is to analyze the point of view of rural workers enslaved in contemporary times, the social relations established in these spaces of usurpation of freedoms and rights, as well as in other occupied workspaces, such as the Brazilian sugarcane fields. Hence the necessity of analyzing concepts pertinent to the development of the study, such as: peasants, identitary elements of peasantry, and contemporary slavery, among others. Within this context, I seek to analyze the history of domination undertaken in rural areas through the years, and the peasant moral code that persisted through time in the collective imaginary of rural populations, sustaining their process of resistance, in order to maintain a traditionally established and productive social practice. Categories such as race and gender will also be addressed in the course of this study, as well as others that proved relevant to the analyses presented here. Labor relations and the rights of these workers, likewise, were analyzed in the text, and the presence of rural labor unions and other representative organizations, in the daily work of these categories. The study will also include analyses which refer to the maintenance of the hierarchical segmentation in the workspace, the elements that motivate it, as well as the acts of violence practiced on workers over the years.
Palavras-chave: Campesinato
Escravidão contemporânea
Violência
Dominação
Subjetividade
Trabalho
Peasantry
Contemporary slavery
Violence
Domination
Subjectivity
Work
Área(s) do CNPq: ANTROPOLOGIA::ANTROPOLOGIA URBANA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Ciências Sociais - FCS (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Antropologia Social (FCS)
Citação: SILVA, Cristiane Passos Melo e. Trabalhadores migrantes: no eito da cana à escravidão contemporânea em Goiás. 2014 . 166 f. Dissertação (Mestrado em Antropologia Social) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/3606
Data de defesa: 4-Abr-2014
Aparece nas coleções:Mestrado em Antropologia Social (FCS)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Cristiane Passos Melo e Silva - 2014.pdf2,31 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons