Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/3774
Tipo do documento: Tese
Título: Protease e butirato de sódio nas dietas pré-inicial e inicial de suínos
Título(s) alternativo(s): Protease and sodium butyrate diets in pre-initial and initial swines
Autor: Silva, Juliana Luis e
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/6453883884313073
Primeiro orientador: Nunes, Romão da Cunha
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/4335133347523404
Primeiro coorientador: Okada, Eliane Sayury Myagi
Segundo Coorientador: Stringhini, José Henrique
Primeiro membro da banca: Nunes, Romão da Cunha
Segundo membro da banca: Farias, Leonardo Atta
Terceiro membro da banca: Roner, Marcia Nunes Bandeira
Quarto membro da banca: Paula, Fernanda Gomes de
Quinto membro da banca: Carvalho, Fabyola Barros
Resumo: Objetivou-se avaliar o desempenho zootécnico, parâmetros digestíveis, frequência de diarreia, parâmetros sanguíneos, peso de órgãos, ph do conteúdo do trato digestivo e histomorfologia intestinal de suínos em fase de creche alimentados com ração contendo protease e butirato de sódio. No ensaio de desempenho foram utilizados 80 leitões híbridos comerciais, machos castrados, com 21 dias de idade e peso médio inicial de 5,11 ± 0,4645 kg, distribuídos em delineamento experimental de blocos ao acaso, com quatro tratamentos, cinco repetições e quatro animais por repetição. O experimento de desempenho foi dividido em três fases, sendo fase pré-inicial de 5,5 a 9 kg, inicial 1 de 9,3 a 15 kg e inicial 2 de 15 a 30 kg. Os tratamentos consistiram de ração basal, ração basal com 200ppm de inclusão de protease, ração basal com 0,3% de inclusão de butirato de sódio e ração basal com protease (200ppm) e butirato de sódio (0,3%). Foi determinado o ganho de peso diário, consumo diário de ração, conversão alimentar; frequência de diarreia; perfil hematológico e bioquímico; pH dos conteúdos do estômago, duodeno, jejuno, íleo, cólon, ceco e reto; pesagem de órgãos e parâmetros histomorfométricos nos segmentos de duodeno, jejuno e íleo. O experimento de digestibilidade com suínos em fase de creche foi dividido em duas fases, sendo fase I com animais de peso médio de 11,770 ± 0,730 kg e fase II em que os animais pesavam em média 23,070 ± 1,280 kg. Em cada experimento de digestibilidade, foram utilizados 16 leitões híbridos comerciais, machos castrados, o delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, com quatro tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos consistiram de ração basal, ração basal com 200ppp de inclusão de protease, ração basal com 0,3% de inclusão de butirato de sódio e ração basal com protease (200ppm) e butirato de sódio (0,3%). Foi determinado a digestibilidade da energia e os coeficientes de digestibilidade e de metabolizabilidade da matéria seca, energia bruta, proteína bruta e matéria mineral. Protease e butirato de sódio não influenciaram os parâmetros de ganho de peso diário, consumo diário de ração e conversão alimentar. A protease diminui a incidência de diarreia na fase inicial 2. Butirato de sódio e protease isolados e sua associação melhoraram o coeficiente de metabolizabilidade da proteína; a protease aumentou a absorção de minerais. Butirato de sódio diminuiu o número de plaquetas no sangue. Não houve diferenças nos valores de pH dos conteúdos intestinais do estômago, duodeno, jejuno, íleo, cólon, ceco, reto. Butirato de sódio apresentou menores valores de peso relativo do intestino delgado e do pâncreas, protease diminuiu o peso do intestino delgado e do fígado, a associação de protease e butirato de sódio diminuiu o peso do pâncreas. Butirato de sódio aumentou a base da vilosidade do duodeno e a protease diminuiu a altura da vilosidade no íleo. A produção e atividade enzimática da protease não foi limitar no desempenho pós desmame. O melhor aproveitamento de nutrientes causado pela protease e butirato de sódio, diminiui a carga funcional dos órgãos do trato digestivo, refletindo em menores pesos de intestino delgado, fígado e pâncreas. Butirato de sódio contribui para o desenvolvimento da mucosa intestinal de leitões.
Abstract: It was aimed to evaluate the zootechnical performance, digestible parameters, diarrhea frequency, blood parameters, organs weight, ph content of the digestive tract and intestinal histomorphology of pigs in the nursery stage fed with feed containing protease and sodium butyrate. In the performance test 80 commercial crossbreed castrated male piglets, 21 days old and initial average weight of 5.11 ± 0.4645 kg, allotted in an experimental lineation randomized block, with four treatments, five repetitions and four animals by repetition. The experiment performance was divided into three phases, being the pre-initial from 5.5 to 9 kg, initial 1 from 9.3 to 15 kg, and initial 2 from 15 to30 kg. Treatments consisted of basal diet, containing 200ppm inclusion of protease, basal diet with 0.3% addition of sodium butyrate and basal diet with protease (200ppm) and sodium butyrate (0.3 %). It was determined the daily weight gain, daily feed intake, nourish conversion, diarrhea frequency; hematological and biochemical profile; pH of the contents of the stomach, duodenum, jejunum, ileum, colon, cecum and rectum; weighing of organs and histomorphometry parameters was determined in the segment of duodenum, jejunum and ileum . The digestibility experiments with pigs from nursery stage has been divided into two stages, with stage I to animals with an average weight of 11.770 ± 0.730 kg and stage II in which animals weighed on average 1.280 kg ± 23,070. In each digestibility experiment, 16 commercial crossbred castrated male piglets were used, the experimental lineation was randomized blocks with four treatments and four repetitions. Treatments consisted of basal diet, basal diet with 200ppp inclusion of protease, basal diet with 0.3% addition of sodium butyrate and basal diet with protease (200ppm) and sodium butyrate (0.3 %). It was determined the digestible energy and coefficient of digestibility and metabolizabilety dry material, gross energy, crude protein and mineral material. Protease and sodium butyrate did not influence the parameters of daily weight gain, daily feed intake and feed conversion. The protease decreases the xii incidence of diarrhea in the initial phase 2. Sodium butyrate and protease isolated and its association improved metabolisability coefficient of the protein, the protease increased mineral absorption. Sodium butyrate decreased the number of blood platelets. There were no differences in pH values of the intestinal contents of the stomach, duodenum, jejunum, ileum, colon, cecum, and rectum. Sodium butyrate showed lower relative weight value of the small intestine and pancreas, protease decreased the weight of the small intestine and the liver, the association of protease and sodium butyrate decreased by the pancreatic weigh. Sodium butyrate increased the base of the duodenal villi protease and villus height decreased in the ileum. The production and enzymatic activity of the protease was not limiting in post weaning performance. The better utilization of nutrients caused by protease and sodium butyrate decreased the functional load of the organs of the digestive tract, reflecting lower weight of the small intestine, liver and pancreas. Sodium butyrate contributes to the development of intestinal mucosa of piglets.
Palavras-chave: Ácido orgânico
Desempenho
Digestibilidade
Enzima
Histomorfometria
Leitões
Digestibility
Enzyme
Histomorphometry
Organic acid
Performance
Piglets
Área(s) do CNPq: PRODUCAO ANIMAL::CRIACAO DE ANIMAIS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Ciência Animal (EVZ)
Citação: SILVA, Juliana Luis e. Protease e butirato de sódio nas dietas pré-inicial e inicial de suínos. 2013. 90 f. Tese (Doutorado em Ciência Animal) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/3774
Data de defesa: 12-Dez-2013
Aparece nas coleções:Doutorado em Ciência Animal (EVZ)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese - Juliana Luis e Silva - 2013.pdf903,72 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons