Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4219
Tipo do documento: Tese
Título: Endoscopia em cães: aspectos macroscópicos e microscópicos da mucosa gástrica após intoxicação por tetracloreto de carbono e técnicas para detecção de helicobacter spp
Título(s) alternativo(s): Endoscopia em cães: aspectos macroscópicos e microscópicos da mucosa gástrica após intoxicação por tetracloreto de carbono e técnicas para detecção de helicobacter spp
Autor: Santos, Brunno Medeiros dos
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/9874330208106564
Primeiro orientador: Borges, Naida Cristina
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/9181279951885005
Primeiro coorientador: Fioravanti, Maria Clorinda Soares
Segundo Coorientador: Moura, Veridiana Maria Brianezi Dignani de
Primeiro membro da banca: Borges, Naida Cristina
Segundo membro da banca: Amaral, Andréa Vitor Couto do
Terceiro membro da banca: Gama Filho, Belarmino da
Quarto membro da banca: Damasceno, Adilson Donizeti
Quinto membro da banca: Carvalho, Rosângela de Oliveira Alves
Resumo: A mucosa é a camada gástrica mais vulnerável a lesões, pois representa a interface entre o meio externo e o organismo. Por esse motivo, apresenta mecanismos específicos que visam a manutenção da integridade, entretanto, quando o agente desencadeante persiste ou é muito agressivo, os mecanismos de defesa são suplantados e ocorrem as lesões na mucosa. O exame de endoscopia é a principal técnica para a identificação dessas lesões e apresenta a vantagem de facilitar a colheita de material para confirmações bacteriológicas e histológicas do agente agressor. O presente estudo teve por objetivos avaliar os aspectos gastroscópicos e histológicos da mucosa gástrica de cães intoxicados experimentalmente com tetracloreto de carbono e identificar a técnica mais eficiente em detectar bactérias do gênero Helicobacter no estômago de animais desta espécie, por meio da comparação das técnicas de citologia, teste rápido de urease e cortes histológicos corados por HE, Giemsa e Warthin-Starry (WS). Nos cães intoxicados verificou-se à gastroscopia hiperemia e hemorragia e à histologia edema, hiperemia e hemorragia. A prevalência em detectar helicobactérias foi maior no exame de citologia e a sensibilidade mais elevada nos cortes histológicos corados por WS. Conclui-se que a administração de CCl4 por via oral aos cães causa alterações circulatórias difusas na mucosa gástrica e que a técnica mais eficiente para a pesquisa de bactérias do gênero Helicobacter é a citologia, sendo o fundo gástrico a região mais apropriada para colheita das amostras.
Abstract: The mucosa is the most vulnerable gastric layer to damage, as it is the interface between the external environment and the body. For this reason, it presents specific mechanisms to maintain the integrity, but, when the triggering agent persists or is very aggressive, the defense mechanisms are overcome and mucosal injuries manifest. The endoscopy is the main technique for identifying this type of injury and it has the advantage of facilitating the material collection for the bacteriological and histological confirmation of the causing agent. The present study aimed to evaluate the gastroscopic and histological aspects of the gastric mucosa of dogs experimentally intoxicated with carbon tetrachloride and to identify the most efficient technique for detecting the bacteria of the genus Helicobacter in the stomach of this animals species by comparing the techniques of cytology, fast urease test and histological sections stained with HE, Giemsa and Warthin-Starry (WS). In poisoned dogs there were hyperemia and hemorrhage by gastroscopy and histology edema, hyperemia and hemorrhage. The Helicobacter detecting prevalence was higher in the cytology exam and the sensitivity was higher in histological sections stained with WS. It was concluded that orally administration of CCl4 to dogs cause diffuse circulatory changes in gastric mucosa and the most efficient technique to Helicobacter spp research is the cytology, being gastric fundus the most suitable region for sampling.
Palavras-chave: Endoscopia
Hepatite
Helicobacter
Endoscopy
Hepatitis
Helicobacter
Área(s) do CNPq: CLINICA E CIRURGIA ANIMAL::CLINICA VETERINARIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Escola de Veterinária e Zootecnia - EVZ (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Ciência Animal (EVZ)
Citação: SANTOS, B. M. Endoscopia em cães: aspectos macroscópicos e microscópicos da mucosa gástrica após intoxicação por tetracloreto de carbono e técnicas para detecção de helicobacter spp. 2012. 90 f. Tese (Doutorado em Ciência Animal)–Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4219
Data de defesa: 30-Nov-2012
Aparece nas coleções:Doutorado em Ciência Animal (EVZ)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese - Brunno Medeiros dos Santos - 2012.pdf3,03 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons