Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4423
Tipo do documento: Dissertação
Título: Categorias lexicais na língua brasileira de sinais: nomes e verbos
Título(s) alternativo(s): Lexical categories in brazilian sign language: nouns and verbs
Autor: Lima, Hildomar José de
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/9511424542659405
Primeiro orientador: Oliveira, Christiane Cunha de
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/5065865711171171
Resumo: Este trabalho objetiva analisar algumas propriedades ‘mórficas’ e sintático-semânticas que nos permitam definir as categorias lexicais Nome e Verbo na Língua de Sinais Brasileira (LSB). Fundamenta-se em uma abordagem contemporânea de análise linguística denominada Cognitivo-funcional (Croft e Cruse, 2004; Fauconnier e Turnner, 1998, 2008; Givón, 2001; Langacker, 1987, 1990, 1991, 2008 e Taylor, 2002). Nessa perspectiva, uma análise linguística implica que se considere o código como dinâmico e passível de mudanças advindas da relação entre comunidade falante e o universo, jamais como uma entidade imutável. Dessa forma, esta pesquisa parte do pressuposto de que na LSB os processos de natureza cognitiva e de natureza pragmático-discursiva motivam a distribuição do código linguístico em estudo em termos de categorias. Este trabalho envolveu pesquisa de campo, com dados coletados especialmente para esta investigação, através de narrativas de surdos adultos usuários de LSB. A análise dos dados se dá em dois momentos distintos. Primeiramente, explicitamos observações de análise sobre aqueles sinais em LSB que se correlacionam com Nome e os que se correlacionam com Verbo no Português do Brasil (PB), ou seja, trabalhamos com noções nominais e noções verbais com base nas características semânticas prototípicas propostas por Givón (2001). Nesta etapa foi possível traçar as características semânticas prototípicas daqueles sinais que se correlacionam com Verbos e Nomes no PB. Em seguida, analisamos critérios gramaticais internos à língua em estudo a partir de construções maiores. Nesta análise verificou-se que um primeiro critério para a identificação de um contraste entre noções verbais e nominais, na LSB, foi o traço semântico de dinamicidade, que separa eventos/ações, dinâmicos, de entidades/estados, mais estáveis no tempo.
Abstract: The objective of this paper is to analyze some ‘morphic’ and semantic-syntactic properties that allow us to define Noun and Verb in Brazilian Sign Language (BSL). It is based on a contemporary approach of linguistic analysis named functional-cognitive (Croft e Cruse, 2004; Fauconnier e Turnner, 1998, 2008; Givón, 2001; Langacker, 1987, 1990, 1991, 2008 e Taylor, 2002). In this perspective, a linguistic analysis asserts that the code should be regarded as dynamic and likely to suffer changes that come from the speaking community and the universe, never as an immutable entity. In this way, this research bases itself on the fact that in BSL, the processes of cognitive nature and discursive-pragmatic nature motivate the distribution of such linguistic code in terms of categories. The data analysis is done in two distinct moments. First, we showed analysis observations concerning those signs in BSL that are related to Nouns and Verbs in Brazilian Portuguese (BP), that is, we worked with nominal notions and verbal notions based on the prototypical semantic characteristics proposed by Givón (2001). At this stage, it was possible to link the prototypical semantic characteristics that are correlated to Verbs and Nouns in BP. Afterwards, we analyzed the grammatical criteria that are typical of the language being studied based on bigger constructions. In such analyses, we verified that a first criterion to identifying a contrast between verbal and nominal notions, in BSL, was semantic feature dynamicity, which separates dynamic events/activities from entities/states more stable in time.
Palavras-chave: Modalidade linguística
LSB
Nome
Verbo
Propriedades semânticas
Linguistic modality
Brazilian Sign Language
Noun
Verb
Semantic properties
Área(s) do CNPq: LINGUISTICA::LINGUISTICA APLICADA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Letras - FL (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Letras e Linguística (FL)
Citação: LIMA, H. J. Categorias lexicais na língua brasileira de sinais: nomes e verbos. 2012. 139 f. Dissertação (Mestrado em Letras e Linguística) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4423
Data de defesa: 9-Nov-2012
Aparece nas coleções:Mestrado em Letras e Linguística (FL)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Hildomar José de Lima - 2012 - parte 01.pdfParte 01/0317,22 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir
Dissertação - Hildomar José de Lima - 2012 - parte 02.pdfParte 02/0317,25 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir
Dissertação - Hildomar José de Lima - 2012 - parte 03.pdfParte 03/036,09 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons