Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4547
Tipo do documento: Tese
Título: Saber médico e poder: as relações entre Arnaldo de Vilanova e a Coroa Aragonesa (séculos XIII-XIV)
Título(s) alternativo(s): Medical knowledge and power: the relations among Arnau de Vilanova and the Aragonese Crown (13th to 14th century)
Autor: Fagundes, Maria Dailza da Conceição
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/2541657916945480
Primeiro orientador: Santos, Dulce Oliveira Amarante dos
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/2317207486041256
Primeiro membro da banca: Santos, Dulce Oliveira Amarante dos
Segundo membro da banca: Vidotte, Adriana
Terceiro membro da banca: Gonçalves, Ana Teresa Marques
Quarto membro da banca: Ribeiro, Maria Eurydice de Barros
Quinto membro da banca: Oliveira, Terezinha
Resumo: Esta tese tem como proposta analisar as relações entre o saber médico e o poder, por intermédio da trajetória de Arnaldo de Vilanova (1240 – 1311) e de sua atuação médica nos cuidados com a saúde do rei Jaime II de Aragão (1291 – 1327) e com a de sua família e como embaixador da corte aragonesa. Ele foi exemplo de físico, mestre e intelectual do período. Trata-se, portanto, de personagem que não somente acompanhou de perto as transformações pelas quais passava a sociedade, como também influenciou sua época por meio de escritos médicos e religiosos. Reuniu-se um corpus documental variado, composto por: obras médicas arnaldianas, a correspondência oficial da Coroa de Aragão, seu testamento (1305), o inventário (1312) de livros e de bens de sua biblioteca pessoal e um livro de culinária coevo. Discute-se o processo de construção de sua autoridade como intelectual, nos anos dedicados ao ensino na Faculdade de Medicina, em Montpellier, os quais lhe concederam a valorização profissional e privilégios, o que permitiu que ele circulasse pelas cortes régias e pontifícias no exercício da Medicina. Além de fornecer o acervo de um físico e mestre, o inventário de sua biblioteca permite-nos identificar as matrizes antigas e árabes da dietética arnaldiana: Hipócrates, Galeno, Razis e Avicena. Destarte, Arnaldo de Vilanova compôs o Regimen para a conservação da saúde do rei, buscando adequar os saberes dessas auctoritates com a individualidade de seu paciente. Nesse escrito, os preceitos preventivos e terapêuticos destinados aos cuidados com a enfermidade crônica do monarca centram-se na dieta alimentar, com orientações não somente acerca dos alimentos que ele poderia consumir, mas também do modo de prepará-los. Seu outro escrito dietético, o Regimen Castra Sequentium, ligado à Medicina preventiva militar, é destinado à saúde do rei e de seu exército que, no verão de 1309, sitiou a cidade muçulmana de Almeria, na cruzada aragonesa contra o reino nazari de Granada.
Abstract: This thesis proposes an analysis of the relations among medical knowledge and power via Arnau de Vilanova (1240 – 1311) path and his medical performance taking care of king James II of Aragon's (1291 – 1327) health and of his family's as well as his role as an aragonese court Ambassador. He was an example of physician, master and intellectual of the period. Therefore, he was a character that did not only follow closely the transformations by which society was passing trough, but influenced his time by his medical and religious writings. It was brought together a diversified documentary corpus composed by: medical works written by Arnau de Vilanova, the official Aragon Crown correspondence, his testament (1305), the inventory (1312) of books and goods from his personal library and a contemporary culinary book. It is debated the process of construction of his authority as an intellectual, in the years dedicated to teaching at the Medicine Faculty in Montpelier, which granted him the professional appreciation and privileges, that allowed him to circulate around the Royal and Pontifical Court while exercising medicine. Besides offering a collection of a physician and a master, the inventory of his library allow us to identify the ancient and Arabian matrices of the Arnau de Vilanova dietetics: Hippocrates, Galen, Rhazes and Avicenna. Thus, Arnau de Vilanova composed the Regimen to the conservation of the king's health, seeking to adapt these auctoritates' knowledge with the individuality of his patient. On this writing the preventive and therapeutic precepts destined to heal the monarch's chronic diseases center itself on a diet, with orientations not only concerning the food that he could consume, but also how to prepare them. His other dietetic writing, the Regimen Castra Sequentium, connected with military preventive medicine, it's destined to the kings' and its army health, which, on 1309's summer, besieged the Muslim city of Almeria on the Aragonese crusade opposite to nazari kingdom of Granada.
Palavras-chave: Dietética
Saber médico
Saúde do rei
Arnaldo de Vilanova
Dietetics
Medical Knowledge
Kings' health
Arnau de Vilanova
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de História - FH (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Historia (FH)
Citação: FAGUNDES, Maria Dailza da Conceição. Saber médico e poder: as relações entre Arnaldo de Vilanova e a Coroa Aragonesa (séculos XIII-XIV). 2014. 205 f. Tese (Doutorado em Historia) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4547
Data de defesa: 11-Dez-2014
Aparece nas coleções:Doutorado em História (FH)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese - Maria Dailza da Conceição Fagundes - 2014.pdf2,76 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons