Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4752
Tipo do documento: Dissertação
Título: Ensinar geografia pela pesquisa: possibilidades de construção do pensamento espacial pelos alunos
Título(s) alternativo(s): Teaching geography from research: building possibilities of spatial thinking by students
Autor: Santos, Leovan Alves dos
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/4419799115373100
Primeiro orientador: Souza, Vanilton Camilo de
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/1374656969635983
Primeiro membro da banca: Souza, Vanilton Camilo de
Segundo membro da banca: Miranda, Marilia Gouvea de
Terceiro membro da banca: Cavalcanti, Lana de Souza
Resumo: presente investigação analisa, por meio de uma experiência pedagógica, o ensino de Geografia pela pesquisa com o objetivo de construção de um pensamento espacial pelos alunos. Para isso, tem-se como objeto de investigação uma Sequência Didática (SD) em ensino de Geografia para o ensino fundamental, planejada, aplicada e avaliada por dois professores, com a finalidade de compreender de que forma o ensino de Geografia pela pesquisa pode colaborar para que o aluno possa conhecer suas práticas espaciais cotidianas, tendo seu local de vivência como referência para analisar o espaço geográfico. Para tornar viável o que fora proposto, metodologicamente, esta pesquisa foi baseada nos pressupostos da pesquisa-ação, com elementos da pesquisa etnográfica. Muitos questionamentos perpassam a intenção e o desenvolvimento desta investigação, como: a pesquisa pode compor uma abordagem metodológica para o ensino da Geografia escolar? De que forma o ensino de Geografia pela pesquisa pode contribuir para o desenvolvimento de noções espaciais pelos alunos? Em que medida o local do aluno pode contribuir para ser uma escala de análise do ensino de Geografia pela pesquisa? Assim, buscou-se inicialmente realizar um levantamento bibliográfico das bases teóricas para o ensino de Geografia pela pesqusia nos trabalhos apresentados nos Encontros Nacionais de Práticas de Ensino de Geografia (Enpeg) e nos fóruns do Núcleo de Ensino e Pesquisa em Educação Geográfica (Nepeg). Analisaram-se, em seguida, teses e dissertações da última década que tratam a temática da pesquisa na educação geográfica escolar. Posteriormente, foi feita uma entrevista semiestruturada com o professor I e observaram-se suas práticas. Examinou-se também a expressão das percepções do professor II a partir das perguntas feitas ao professor I, tais percepções foram registradas logo após a entrevista com este professor. Ao final, procedeu-se à análise de alguns documentos, tais como os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN), as Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN), os projetos pedagógicos dos principais cursos que formam professores de Geografia em Goiás e o Projeto Político Pedagógico (PPP) da escola-campo da pesquisa. A Sequência Didática partiu de uma concepção dialética de ensino, tendo como foco a problematização, sistematização e síntese do conhecimento. As atividades estiveram voltadas para que os alunos, ao pesquisarem seus temas, pudessem problematizar o conteúdo a partir de sua prática social inicial e pudessem contar com o professor na mediação dos conteúdos geográficos e também na orientação de suas pesquisas. Por fim, as atividades desenvolvidas buscaram promover um retorno à prática social inicial desses estudantes, em que a noção inicial deles estivesse transformada e já encaminhada para a formação de um pensamento espacial e de um olhar geográfico. Houve a intencionalidade, por parte dos professores I e II, de que os alunos pudessem construir suas noções espaciais de acordo com os conteúdos específicos da Geografia, ao apresentarem uma proposta significativa aos discentes e atuarem em suas respectivas salas de aula no sentido de desenvolver e criar potencialidades, e não somente se limitar a esperar que as capacidades necessárias à compreensão de um determinado conceito algum dia se desenvolvessem.
Abstract: This research analyzes, through a teaching experience, teaching Geography in the survey with the aim of building a spatial thinking by students. For this, it has been an object of research a Didactic sequence (SD) in Geography teaching for elementary school, planned, implemented and evaluated by two teachers, in order to understand how the teaching of Geography from the research can collaborate for the student to meet their everyday spatial practices, and their place of experience as a reference to analyze the geographic space. To make feasible what was proposed, methodologically, this research was based on action research assumptions, with elements of ethnographic research. Many questions permeate the intention and the development of this research, such as research can make a methodological approach to the teaching of school geography? How the teaching of Geography from research can contribute to the development of spatial concepts by students? To what extent the local student can contribute to be an analysis of the scale of the research Geography teaching? Thus, we sought to initially conduct a literature review of the theoretical basis for teaching Geography from pesqusia the papers presented at the National Meeting of Geography Teaching Practice (Enpeg) and Core forums Teaching and Research in Geographical Education (Nepeg) . Were analyzed, then theses and dissertations of the last decade that address the theme of research in school geographical education. Later, it was made a semi-structured interview with the teacher and I were observed their practices. Was also examined the expression of perceptions of teacher II from the questions asked Professor I. At the end, we proceeded to the analysis of some documents, such as the National Curriculum Parameters (PCN), the National Curricular Guidelines (DCN) the pedagogical projects of the main courses that form Geography teachers in Goiás and the Pedagogical Political Project (PPP) of schooling field of research. Teaching Sequence started from a dialectical conception of education, focusing on the questioning, organization and synthesis of knowledge. The activities were aimed at students, while researching his subjects, could question the content from its initial social practice and could count on the teacher in mediating the geographic content and the orientation of their research. Finally, the activities sought to promote a return to the initial social practice of these students, in which the initial notion of them were already processed and forwarded to the formation of a spatial thinking and a geographic look. There was the intention on the part of teachers I and II, that students could build their spatial concepts according to the specific contents of Geography, when making a significant offer to students and act in their classrooms to develop and create potential, not just limited to expect the capabilities necessary for the understanding of a particular concept ever to develop.
Palavras-chave: Ensino pela pesquisa
Geografia escolar
Pensamento espacial
Teaching by research
School geography
Spatial thinking
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Instituto de Estudos Socioambientais - IESA (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Geografia (IESA)
Citação: SANTOS, L. A. Ensinar geografia pela pesquisa: possibilidades de construção do pensamento espacial pelos alunos. 2015. 95 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/4752
Data de defesa: 16-Abr-2015
Aparece nas coleções:Mestrado em Geografia (IESA)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Leovan Alves dos Santos - 2015.pdf827,26 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons