Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/5272
Tipo do documento: Dissertação
Título: Cidadania que liberta, assistencialismo que aprisiona: representações sociais, celebridades e práticas assistencialistas na mídia
Título(s) alternativo(s): Citizenship releases, welfarism that imprisons: social representations, celebrities and welfare practices in the media
Autor: Mendonça, Rhayssa Fernandes
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/5521302523939908
Primeiro orientador: Braga, Claudomilson Fernandes
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/1812629763554762
Resumo: A dissertação aborda a correlação entre celebridades e cidadania. Embora pareçam campos distantes, o trabalho procurou compreender a representação das ações de assistencialismo praticadas por celebridades na mídia. Para isso, perpassou por uma construção interdisciplinar que recorreu aos estudos da Comunicação Social e da Psicologia Social. O pressuposto era situado na percepção de que na relação entre celebridades, mídia e assistencialismo há a efervescência de fatores importantes que apontam como se dá a construção da cidadania no Brasil. Logo, o trabalho buscou pensar sobre as representações destas celebridades, por entender que estas possuem um papel social que permeia o encantamento e desperta sentimentos. O objetivo geral da foi identificar e analisar as representações sociais das ações de assistencialismo midiático promovidas por celebridades. Especificamente, objetivou-se descobrir se as celebridades constroem um processo de esperança social, identificar a representação das pessoas sobre a cidadania, o assistencialismo e a assistência e aferir se há uma ocupação do papel do Estado, por parte da mídia. Metodologicamente foram realizadas duas pesquisa, uma Pesquisa de Evocações e uma Pesquisa com Escala de Likert. A aplicação foi realizada na cidade de Goiânia, com amostra de 96 participantes. Os resultados apontam que as pessoas tem uma visão crítica sobre estas celebridades, a mídia, mas desconhecem o significado dos conceitos de cidadania, assistência e assistencialismo.
Abstract: The research talks about the correlation between celebrities and citizenship. Although they seem distant areas, the study try to understand the social representation of social assistance actions, taken by these celebrities. For this, the paper permeates an interdisciplinary construction that uses the studies of Social Psychology and Social Communication. The assumption was located on the perception that the relation between celebrities, media and welfare for the effervescence of important factors that indicate how is the construction of citizenship in Brazil. Thus, the study tried to think about the representations of these celebrities, understanding that they have a social role that permeates the spell and awakens feelings. The objective of the research was to identify and analyze the social representations of the media welfare actions promoted by celebrities. Specifically aimed to find out whether celebrities build a social process hope to identify the representation of people about citizenship, welfare and assistance and assess if there is an occupation of the state's role, by the media. Methodologically there were two researches a Evocations research and research with Likert Scale. The application was carried out in Goiânia, with 96 participants. The results show that people have a critical view of these celebrities, the media, but don’t know the meaning of the concepts of citizenship, assistance and welfare.
Palavras-chave: Mídia
Cidadania
Representações sociais
Celebridades
Media
Social representations
Citizenship
Celebrities
Área(s) do CNPq: CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Informação e Comunicação - FIC (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Comunicação (FIC)
Citação: MENDONÇA, R. F. Cidadania que liberta, assistencialismo que aprisiona: representações sociais, celebridades e práticas assistencialistas na mídia. 2015. 192 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/5272
Data de defesa: 14-Dez-2015
Aparece nas coleções:Mestrado em Comunicação (FIC)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Rhayssa Fernandes Mendonça - 2015.pdf1,53 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons