Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/5965
Tipo do documento: Dissertação
Título: Goiás, patrimônio da humanidade: aproveitamento socialmente compartilhado ou exclusão social?
Título(s) alternativo(s): Goiás, world heritage site: socially shared harnessing or social exclusion?
Autor: Fraga, Ademar Duarte
Currículo Lattes do Autor: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4746872Z6
Primeiro orientador: Nunes, Jordão Horta
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4708025H2
Primeiro membro da banca: Nunes, Jordão Horta Nunes
Segundo membro da banca: Rabelo, Francisco Chagas Evangelista
Terceiro membro da banca: Woortmann, Ellen Fensterseifer
Resumo: O presente estudo tem por objetivo examinar como o processo de inserção do sítio histórico da Cidade de Goiás no quadro de referência de Patrimônio Mundial, pela Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco) e, percebido comouma modalidade de capital simbólico socialmente compartilhado, o patrimônio histórico demarca um campo em que seus agentes sociais assumem posições e redefinem a vida cultural e os destinos desta cidade. A escolha do tema resulta de nossas indagações exploratórias acerca o cotidiano da Cidade de Goiás que indicaram que o reordenamento do urbano, em razão desse processo, atualiza, naquele campo do patrimônio, as estruturas simbólicas da ordem social e política que remontam à ordem colonial. São princípios inconscientes, ancorados nos modos de vida antigos, que legitimam uma distribuição desigual do capital social inerente ao patrimônio coletivo e estabelecem novas expressões de poder fundamentadas no tradicionalismo. A análise compreende a constituição e demarcação do campo do patrimônio, bem como sua relação com o Ethos do tradicionalismo e, ainda, na base empírica, por meio de entrevistas e aplicações de questionários, como as percepções das pessoas correlacionam privações materiais e simbólicas com as formas de distribuição das modalidades de capital representadas pelo patrimônio histórico e pelo próprio título de Patrimônio da Humanidade.
Abstract: This study aims to consider how insertion’s process of the historic site of the City of Goiás in the World Heritage reference framework, by United Nations Educational, Scientific and Cultural Organization (UNESCO) and, perceived as a symbolic capital of socially shared mode, the historic heritage delimits an area in which its social agents take positions and redefines cultural life and the destiny of this city. The theme’s choice results of our exploratory inquiries about City of Goiás’ daily that indicated the reordering of urban, due this process, updates, in that heritage’s area, the symbolic structures of social and political order dating back to the colonial order. Are unconscious principles, anchored in the old ways of life, which legitimize unequal distribution of social capital inherent in the collective heritage and establish new expressions of power based on traditionalism. The analysis includes the conformation and demarcation of the heritage's area, as well as its relationship with the Ethos of traditionalism and, also, the empirical basis, through interviews and questionnaires applications, such as people's perceptions correlate material and symbolic deprivations with distribution's form of modalities of capital represented by the historic heritage and the very title of World Heritage.
Palavras-chave: Exclusão social
Patrimônio mundial
Capital simbólico
Tradicionalismo
Social exclusion
World heritage
Symbolic capital
Traditionalism
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Ciências Sociais - FCS (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Sociologia (FCS)
Citação: FRAGA, Ademar Duarte. Goiás, patrimônio da humanidade: aproveitamento socialmente compartilhado ou exclusão social? 2005. 107 f. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/5965
Data de defesa: 30-Abr-2005
Aparece nas coleções:Mestrado em Sociologia (FCS)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Ademar Duarte Fraga - 2005.pdf1,44 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons