Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6034
Tipo do documento: Dissertação
Título: Redes de atenção à saúde: atenção básica no cuidado à saúde da mulher
Título(s) alternativo(s): Care networks health care: primary care in the women's health
Autor: Melo, Emily Nayana Nasmar de
Currículo Lattes do Autor: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4465142U0
Primeiro orientador: Souza, Marta Rovery de
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4783833P0
Primeiro membro da banca: Souza, Marta Rovery de
Segundo membro da banca: Almeida, Nilza Alves Marques
Terceiro membro da banca: Freitas Junior, Ruffo de
Resumo: Os cânceres de mama e de colo do útero são os mais incidentes entre as mulheres brasileiras e por isso políticas públicas tem sido implementadas com vistas à redução da morbimortalidade por essas neoplasias, com políticas assistências na área de saúde da mulher. Há evidências mundiais e brasileiras de que a melhor forma de conquistar a integralidade é através das Redes de Atenção à Saúde em que a Atenção Básica coordena e organiza o cuidado e, assim, deve ter seu desempenho avaliado. Objetivo: Analisar estrutura e processo da Atenção Básica à Saúde na Rede de Atenção aos Cânceres do colo do útero e da mama no Estado de Goiás. Método: Trata-se de um estudo descritivo, analítico, de corte transversal. As informações foram obtidas a partir do banco de dados de base nacional da avaliação externa do Programa de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB), segundo ciclo, para o Estado de Goiás. Participaram do estudo 975 Unidades Básicas de Saúde dos 246 municípios do Estado de Goiás que responderam ao módulo I e 1179 profissionais que responderam as entrevistas do módulo II da terceira fase da pesquisa, que compõe a avaliação externa vinculada ao PMAQ-AB. Para análise dos dados, as Regiões de Saúde do Estado de Goiás foram divididas em cinco categorias. Resultados: Na disposição de mesa ginecológica e foco de luz para exame todas as categorias apresentaram resultados satisfatórios. No componente registro das mulheres com requisitos para a realização do exame colpocitológico do colo do útero, 80,3% das Equipes de Atenção Básica do Estado de Goiás afirmaram realizar esta ação, 51,4% das equipes utilizam protocolos de estratificação de risco para o câncer de colo do útero apresentando uma variação muito alta da categoria 1 (28,4%) para a categoria 4 (71,1%). Todas as categorias apresentaram bons resultados para a coleta do exame de Papanicolaou. A categoria 1 apresentou o menor indicador com 24,6% das equipes realizando registro das mulheres elegíveis para o exame de mamografia e utilização de protocolos de estratificação de risco. A categoria 5 apresentou resultados mais satisfatórios nos componentes, solicitação de exame de mamografia (97,7%), registro de usuárias encaminhadas para outros pontos de atenção (49,1%) e realização de busca ativa de mulheres com câncer de mama (80,8%) quando comparadas as demais categorias. A Atenção Básica se mostra frágil na coordenação do cuidado aos cânceres do colo do útero e da mama e, consequentemente, a ordenação da assistência nos outros pontos de atenção fica prejudicada. É necessário o investimento dos gestores na implantação e implementação de políticas de saúde mais efetivas que visem o fortalecimento da Atenção Básica e a mudança de comportamento das Equipes de Atenção Básica para melhor desempenho de sua assistência à saúde da mulher.
Abstract: Breast cancers and the cervix are the most incidents among women brazilian and why public policy has been implemented with a view to reducing morbidity and mortality from these neoplasms, with policies assists in health of women. There are global and Brazilian evidence that the best way to win comprehensiveness is through the Health Care Networks in the Primary Care coordinates and organizes the care and thus should have its rated performance. Objective: To analyze the structure and process of primary care to health in care network to cancers of the cervix and breast in the State of Goiás. Method: This is a descriptive, analytical study, cross-sectional. At information was obtained from the evaluation of the national basic database External Access Improvement Programme and Quality of Primary Care (PMAQ-AB), second cycle, for the state of Goiás. The study included 975 Basic Health Units of the 246 municipalities in the state of Goiás that answered the module and 1179 professionals who answered the interviews module II of the third phase of the research, which makes up the linked external evaluation the PMAQ-AB. For data analysis, the Health Regions of the State of Goiás were divided into five categories. Results: In the table layout gynecological and focus light for examination all categories results satisfactory. In the women's record component requirements for undertaking the Pap smear of the cervix, 80.3% of Primary Care Teams State of Goias said perform this action, 51.4% of the teams use risk stratification protocols for cervical cancer presenting a very high variation of category 1 (28.4%) for category 4 (71.1%). All categories showed good results for the collection of examination Papanicolaou. Category 1 had the lowest indicator with 24.6% of the teams performing registration of eligible women for a mammogram and use risk stratification protocols. The category 5, more results satisfactory in components, mammography examination request (97.7%), record of users referred to other points of care (49.1%) and conducting an active search for women with breast cancer (80.8%) when compared to other categories. The Primary Care shown in fragile coordination of care for cervical cancer of the uterus and breast and, consequently, the ordination of assistance in other points of attention is impaired. Investment is required of managers in the implementation and implement more effective health policies to strengthen Primary Care and the change of behavior of primary care teams for better performance of its assistance to women's health.
Palavras-chave: Atenção básica à saúde
Redes de atenção à saúde
Avaliação de serviços em saúde
Câncer de colo do útero
Câncer de mama
Primary health care
Care networks health
Health services evaluation
Cervical cancer
Breast cancer
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::SAUDE COLETIVA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Saúde Coletiva (PRPG)
Citação: MELO, E. N. N. Redes de atenção à saúde: atenção básica no cuidado à saúde da mulher. 2016. 92 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6034
Data de defesa: 31-Mar-2016
Aparece nas coleções:Mestrado Profissional em Saúde Coletiva (PRPG)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Emily Nayana Nasmar de Melo.pdf - 2016.pdf2,19 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons