Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6225
Tipo do documento: Dissertação
Título: Direitos humanos da pessoa com deficiência: percepção de mães e pais cuidadores
Título(s) alternativo(s): Human rights of a person with disability: perception of mothers and fathers caregivers
Autor: Spini, Marta Rezende
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/5873017228029624
Primeiro orientador: Campos, Cerise de Castro
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/9109822142576433
Primeiro coorientador: Dias, Luciana de Oliveira
Currículo Lattes do primeiro coorientador: http://lattes.cnpq.br/9317426815646934
Primeiro membro da banca: Dalla Déa, Vanessa Helena Santana
Segundo membro da banca: Pereira, Márcio Florentino
Terceiro membro da banca: Silva, Maria Alves G. Santos
Quarto membro da banca: Prado, Mauro Machado do
Resumo: A temática dos direitos humanos da pessoa com deficiência tem sido interesse em diversos estudos. Esta pesquisa tem como tópico principal o cuidador da criança com deficiência. Sob essa ótica, o objetivo do presente estudo foi descrever e analisar o conhecimento dos direitos da criança com deficiência a partir de seus pais e mães cuidadores e se esse conhecimento propicia o seu empoderamento, fortalecendo-o no cuidado diário com sua criança. A análise foi fundamentada numa perspectiva qualitativa de cunho construcionista social e foi organizada a partir de três categorias: a) Invisibilidade na visibilidade; b) Meu, seu, nosso direito; c) Direito coletivo. O construcionismo social proporciona um convite ao diálogo legitimando e privilegiando o entendimento daquele que está sendo entrevistado. O referencial metodológico foi guiado a partir da abordagem qualitativa e pressupostos do construcionismo. Os participantes foram pais e mães de crianças com deficiência de 0 a 6 anos de idade que frequentam três instituições em Itumbiara, Goiás: APAE, AMA e NAPEO. A escolha do período de 0 a 6 anos de idade foi devido às mudanças e aquisições que ocorrem nesse período do desenvolvimento global da criança. Os cuidadores participaram de uma entrevista semiestruturada e um grupo focal, em que foram abordados direitos humanos, criança com deficiência e cuidados. A análise dos dados foi guiada pela proposta construcionista social respaldada pela leitura ampla do material transcrito e na análise dos temas levantados a partir da leitura. As categorias propiciadas pelas formas como as relações do cuidador com seu núcleo familiar,as várias instituições que frequenta e a sociedade como um todo permitiram demonstrar uma conscientização a respeito dos cuidados e mudanças necessárias a partir da compreensão dos direitos humanos. A necessidade de se criar mecanismos e estratégias nas quais a família participe como voz ativa e mobilizadora de mudanças surgiram enquanto necessidade de uma contextualização de formas de cuidado que envolva equipe multiprofissional e interdisciplinar e redes ampliadas. Dado o exposto, surge o questionamento de qual lugar o cuidador possa falar a partir de sua vivência na busca de soluções conjuntas com a sociedade.
Abstract: The issue of human rights of people with disabilities has been the interest of many current studies. This research has as main topic the caregiver of children with disabilities. In this point of view, this study aims to describe and analyze the knowledge of parents about the rights of children with disabilities and if this knowledge provides their empowerment and strengthening it in the daily care of their child. The analysis was based on a qualitative perspective into social constructionism and was organized from three categories: a) Invisibility in visible; b) My, yours, our right; c) collective rights. The social constructionism provides an invitation to dialogue, legitimizing and encouraging the understanding of the interviewed. The methodological reference was guided into the qualitative approach and the constructionist assumptions. The participants are parents of disabled children of 0-6 years old, attending three institutions in Itumbiara, Goiás: APAE, AMA and NAPEO. The choice of the period 0-6 years old was due to changes and acquisitions that occur in children overall development period. The caregivers participated in a semistructured interview and a focus group, in which were discussed the human rights, about children with disabilities and care. The data analysis was guided by social constructionist proposal supported by extensive reading of the transcribed interviews and analysis of issues raised from this material. The categories afforded by the caregiver's relationship with their family, the various institutions attending the children and society as a whole allowed to demonstrate an awareness about the care and necessary changes from the understanding of human rights. The need to create mechanisms and strategies in which the family participates as an active voice and able to mobilize changes emerged as need for contextualized care forms involving multidisciplinary and interdisciplinary teams and extended networks. In view of this, arises the question about from which place the caregiver can speak from his experiences in seeking joint solutions with the society.
Palavras-chave: Direitos humanos
Crianças com deficiência
Pais
Cuidadores
Human rights
Disabled children
Parents
Caregivers
Área(s) do CNPq: DIREITO::DIREITOS ESPECIAIS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Pró-Reitoria de Pós-graduação (PRPG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Direitos Humanos (PRPG)
Citação: SPINI, Marta Rezende. Direitos humanos da pessoa com deficiência: percepção de mães e pais cuidadores. 2016. 83 f. Dissertação (Mestrado em Direitos Humanos) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6225
Data de defesa: 5-Ago-2016
Aparece nas coleções:Mestrado em Direitos Humanos (PRPG)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Marta Rezende Spini - 2016.pdf1,15 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons