Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6307
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorLucas, Edinardo Rodrigues-
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4416857J6por
dc.contributor.advisor1Caixeta, Eline Maria Moura Pereira-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4793942T7por
dc.contributor.referee1Caixeta, Eline Maria Moura Pereira-
dc.contributor.referee2Moraes, Lúcia Maria de-
dc.contributor.referee3Barreira, Celene Cunha Monteiro Antunes-
dc.date.accessioned2016-09-30T12:58:03Z-
dc.date.issued2016-01-29-
dc.identifier.citationLUcas, E. R. Cidades na cidade: habitação social e produção do espaço urbano em Goiânia. 2016. 172 f. Dissertação (Mestrado em Projeto e Cidade) - Universidade Federal de Goiás,Goiânia, 2016.por
dc.identifier.urihttp://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/6307-
dc.description.resumoBoa parte do território das cidades brasileiras poderia apresentar qualidade urbanística de excelência se o Estado — financiador e/ou promotor de intervenções urbanas como a construção de conjuntos habitacionais — valorizasse o projeto. Goiânia, capital de Goiás, planejada na década de 1930 para abrigar 50 mil pessoas, abriga na atualidade mais de 1,4 milhão de habitantes. Além do plano original — de Attílio Corrêa Lima e Armando de Godoy —, parte significativa do seu tecido urbano teve participação efetiva do Estado em sua construção, em especial na condução e implementação de conjuntos habitacionais de interesse social. A pesquisa apresentada visa refletir sobre a produção do espaço urbano em Goiânia resultante de empreendimentos habitacionais realizados pelo poder público com ênfase na arquitetura e no urbanismo, partindo do princípio de que um plano de habitação social necessita de entendimento claro dos processos passados e das cicatrizes deixadas no território. Para compreender os processos atuais e do passado foi necessário buscar referenciais teóricos que conceituassem habitação e cidade também em suas dimensões subjetivas ampliando as possibilidades de análise. Em um segundo momento foi necessário estabelecer uma metodologia de pesquisa que possibilitasse a análise em diferentes escalas (municipal e do empreendimento) chegando a resultados satisfatórios baseados em parâmetros de qualidade formatados a partir de diversos autores. Concluído a metodologia, a pesquisa traz uma periodização da questão da habitação em Goiânia analisando aspectos relativos a produção do espaço urbano na escala municipal e destacando empreendimentos que são analisados de forma mais detalhada. O mapeamento e a análise da produção do espaço urbano detalhada em dois principais estudos de caso (Conjunto vera Cruz e Residencial Jardim Cerrado) permite refletir sobre as premissas projetuais que colaboram para a criação de espaços qualificados para o pleno desenvolvimento humano. A análise crítica nos leva a crer que um projeto de habitação social tem de estar conectado a um projeto de cidade. Assim, a promoção do direito à habitação passa a ser instrumento para que a capital que nasceu planejada retome o controle de sua expansão, produzindo e gerindo o espaço urbano de forma a garantir boas condições de vida à toda a população.por
dc.description.abstractGreat deal of Brazilian cities’ territory could show urban quality of excellence if the state as a funding entity and a promoter of urban interventions such as the construction of housing projects put value on the project. Goiânia, capital of Goiás state, is a city that was planned in the early 1930s to house 50,000 inhabitants. In 2015, its population exceeds 1.4 million people. In addition to the original city plan — made by architects Attilio Corrêa Lima and, later, Armando de Godoy —, a significant part of its urban fabric had an effective participation of the State in its building by conducting and implementing housing projects of social interest. This study aimed to think of Goiânia’s urban space production that was a result from housing developments undertaken by local government, since the early days of territory occupation to the present day. It focuses on architecture and urbanism based on the idea that a social housing plan needs a clear understanding of past processes and of scars left in the territory. To understand the current and past processes was necessary to seek theoretical frameworks that conceptualize housing and city also in its subjective dimensions expanding the possibilities of analysis. In a second step it was necessary to establish a research methodology that would enable the analysis at different scales (municipal and enterprise) reaching satisfactory results formatted based on quality parameters from different authors. Done methodology, research brings a periodization of the issue of housing in Goiania analyzing aspects of the production of urban space in the municipal scale and highlighting projects that are analyzed in more detail. The mapping and analysis of the production of detailed urban space in two main case studies (Conjunto Vera Cruz and Residencial Jardim Cerrado) allows reflect on the projective premises that contribute to the creation of qualified spaces for full human development. Research results lead to the understanding that a social housing project must be connected to a city project. Thus, promoting the right to housing becomes a tool for a city that was born as planned one to regain control of its expansion by producing and managing urban space to ensure good living conditions for the whole of the population.eng
dc.description.provenanceSubmitted by Marlene Santos (marlene.bc.ufg@gmail.com) on 2016-09-28T21:13:38Z No. of bitstreams: 2 Dissertacão - Edinardo Rodrigues Lucas - 2016.pdf: 19077249 bytes, checksum: c49a9650b8e12ca3bb256286e7ea6d5b (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5)eng
dc.description.provenanceApproved for entry into archive by Luciana Ferreira (lucgeral@gmail.com) on 2016-09-30T12:58:03Z (GMT) No. of bitstreams: 2 Dissertacão - Edinardo Rodrigues Lucas - 2016.pdf: 19077249 bytes, checksum: c49a9650b8e12ca3bb256286e7ea6d5b (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5)eng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2016-09-30T12:58:03Z (GMT). No. of bitstreams: 2 Dissertacão - Edinardo Rodrigues Lucas - 2016.pdf: 19077249 bytes, checksum: c49a9650b8e12ca3bb256286e7ea6d5b (MD5) license_rdf: 0 bytes, checksum: d41d8cd98f00b204e9800998ecf8427e (MD5) Previous issue date: 2016-01-29eng
dc.formatapplication/pdf*
dc.languageporpor
dc.publisherUniversidade Federal de Goiáspor
dc.publisher.departmentFaculdade de Artes Visuais - FAV (RG)por
dc.publisher.countryBrasilpor
dc.publisher.initialsUFGpor
dc.publisher.programPrograma de Pós-graduação em Projeto e Cidade (FAV)por
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/-
dc.subjectConjuntos habitacionaispor
dc.subjectProjetopor
dc.subjectQualidade urbanísticapor
dc.subjectGoiâniapor
dc.subjectProdução do espaço urbanopor
dc.subjectStateeng
dc.subjectUrban fabriceng
dc.subjectHousing estateseng
dc.subjectProjecteng
dc.subjectUurban qualityeng
dc.subject.cnpqARQUITETURA E URBANISMO::PROJETO DE ARQUITETUTA E URBANISMOpor
dc.titleCidades na cidade: habitação social e produção do espaço urbano em Goiâniapor
dc.title.alternativeCities within a city: social housing and the making of urban spaceeng
dc.typeDissertaçãopor
Aparece nas coleções:Mestrado em Projeto e Cidade (FAV)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacão - Edinardo Rodrigues Lucas - 2016.pdf18,63 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons