Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/7083
Tipo do documento: Dissertação
Título: Alimentação escolar no discurso de manipuladores de alimentos de escolas brasileiras
Título(s) alternativo(s): School feeding in the discourse of food handlers of brazilian schools
Autor: Oliveira, Ingryd Garcia de
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/3098449668033931
Primeiro orientador: Martins, Karine Anusca
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/8697079749159115
Primeiro coorientador: Monego , Estelamaris Tronco
Currículo Lattes do primeiro coorientador: http://lattes.cnpq.br/0917323812776538
Primeiro membro da banca: Martins, Karine Anusca
Segundo membro da banca: Mortoza, Andrea Sugai
Terceiro membro da banca: Campos, Maria Raquel Hidalgo
Resumo: O presente trabalho tem por objetivo compreender o discurso de manipuladores de alimentos de escolas brasileiras acerca da Alimentação Escolar e da Educação Alimentar e Nutricional neste ambiente. Pesquisa qualitativa, na qual utilizou-se a análise do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC), composto por expressões chave - as principais ideias contidas na fala dos sujeitos individuais sendo posteriormente expressas em uma dimensão coletiva por meio do agrupamento de expressões chaves semelhantes, compondo o DSC. Fizeram parte da amostra 57 escolas públicas das diferentes regiões brasileiras, incluindo-se as capitais e municípios do interior. O levantamento das falas se deu por meio de entrevistas presenciais, no ano de 2013 em visitas às escolas, com auxílio de roteiro semiestruturado, o qual permitiu levantar compreensões de manipuladores e assimilações sobre o conceito de alimentação escolar e seu papel no processo educativo; suas atribuições; quais orientações recebidas sobre alimentação escolar e atividades que realizavam em conjunto com o nutricionista. Observou-se que para os manipuladores, a alimentação escolar é saudável e adequada, e visa contribuir com a aprendizagem e o desenvolvimento dos escolares. Em relação às suas atribuições, a maioria percebe seu papel destinado à manipulação e boas práticas de higiene com os alimentos. O mesmo foi observado nas orientações que recebem da gestão, e nas atividades desenvolvidas com o nutricionista, predominando expressões que enfatizam o cunho técnico operacional da profissão. Os resultados mostraram potenciais inerentes à prática do manipulador de alimentos na escola, como a percepção sobre a necessidade do fornecimento de alimentos saudáveis e de práticas que incentivem bons hábitos alimentares entre os escolares. Contudo, sua rotina impede seu envolvimento com ações de educação em saúde, além de outros entraves, como as atividades de formação centradas no aspecto sanitário e na transmissão vertical de conhecimento.
Abstract: The main objective of this study is comprehend the speech of food handlers from Brazilian schools about school feeding and food and nutrition education. A qualitative research in which the analysis of Collective Subject Discourse (CSD) was used, that allows the rescue of social representations. It is composed by key expressions – the main ideas contained in the speech of individual subjects being subsequently expressed in a collective dimension through the grouping of similar key expressions, that comprise the CSD. The sample consisted of 57 public schools from different Brazilian regions, including capitals and municipalities within the states. The lifting of the speeches took place through face-to-face interviews, carried out in 2013 on visits to schools, with the aid of a semi-structured script, which allowed to raise understandings of manipulators and assimilations about the concept of school feeding and its role in the educational process, their assignments; what guidance about school feeding they receive; what activities they accomplish in conjunction with the professional nutritionist. It was observed that for the handlers, school feeding is healthy and appropriate, and seeks to contribute to the learning and development of students. Regarding to its attributions in the school environment, most realize their role for the handling and good hygiene practices with food. A similar result was observed in the guidance they receive from management, and activities developed in conjunction with the nutritionist, in which there was a predominance of expressions about operational technical nature activities.. The results revealed inherent potentials to the practice of food handler at school, as the perception of the need for providing healthy foods and practices that encourage good eating habits among students. However, their routine prevents their involvement with health education, besides other obstacles, such as training activities centered on the health aspect and vertical transmission of knowledge.
Palavras-chave: Alimentação escolar
Pesquisa qualitativa
Manipulação de alimentos
School feeding
Qualitative research
Food handling
Área(s) do CNPq: CIENCIAS DA SAUDE::NUTRICAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Nutrição - FANUT (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Nutrição e Saúde (FANUT)
Citação: OLIVEIRA, I. G. Alimentação escolar no discurso de manipuladores de alimentos de escolas brasileiras. 2017. 90 f. Dissertação (Mestrado em Nutrição e Saúde) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/7083
Data de defesa: 22-Fev-2017
Aparece nas coleções:Mestrado em Nutrição e Saúde (FANUT)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Ingryd Garcia de Oliveira - 2017.pdf1,2 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons