Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/7149
Tipo do documento: Tese
Título: A extensão em universidades comunitárias Católicas: tensões entre ciência, fé, estado e mercado
Título(s) alternativo(s): The extension in catholic community universities: tensions between science, faith, State and market
Autor: Jesus, Janaína Cristina de
Currículo Lattes do Autor: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4775041P0
Primeiro orientador: Dourado, Luiz Fernandes
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4784049D0
Primeiro membro da banca: Alves, Míriam Fábia
Segundo membro da banca: Oliveira, João Ferreira de
Terceiro membro da banca: Duarte, Aldimar Jacinto
Quarto membro da banca: Siqueira, Romilson Martins
Resumo: Este estudo vincula-se à linha de pesquisa Estado, Políticas e História da Educação e tem como objeto a extensão em Universidades Comunitárias Católicas. Seu objetivo geral foi analisar as múltiplas determinações que têm incidido nas concepções de extensão em Universidades Católicas que, a partir da aprovação da Lei federal no 12.881, de 12 de novembro de 2013, passam a compor um grupo específico no âmbito da educação superior: as Instituições Comunitárias de Educação Superior – ICES. As seguintes questões orientaram a investigação: o que determina as concepções de extensão das Universidades Comunitárias Católicas? De que modo a extensão universitária tem contribuído, ao longo do tempo, para que as ICES mantenham sua identidade diferenciada perante o Estado? Os estudos revelaram que: i) não há apenas uma concepção de extensão vigente nas universidades brasileiras. Tais concepções são forjadas nas concepções de universidade em disputa na sociedade e estão, de um modo ou outro, também referidas às formas de compreensão que se tem da relação de exterioridade entre universidade e sociedade; ii) as ICES possuem uma identidade complexa, marcada por ambiguidades na medida em que convergem, além dos elementos que compõem seu logos e etos como instituição social e as particularidades da universidade no Brasil, o fato de serem IES sem fins lucrativos, majoritariamente filantrópicas, portanto em interface com a Política Nacional de Assistência Social. Além disso, seu reconhecimento pelo Estado como IES comunitárias em razão do trabalho diferenciado que realizam, inclusive por meio da extensão, consolidaram-nas como instituições públicas não-estatais - campo que se interpõe entre as IES públicas e as IES privadas em sentido estrito; iii) no caso das ICES católicas acrescentam-se a essa identidade as orientações emanadas da Igreja Católica. Dos estudos realizados compreende-se que determinam as concepções de extensão dessas Universidades as tensões entre elementos da Ciência, da Fé do Estado e, gradativamente, do Mercado, sendo que esses elementos também conformam a identidade dessas instituições. Isso põe em questão os paradoxos, dilemas e contradições que a demarcam historicamente e fazem da extensão também um campo de disputa de concepções de universidade e, no limite, de sociedade. Como percurso metodológico utilizou-se a análise documental, em sentido lato, fundamentalmente por meio de pesquisa bibliográfica, análise de dissertações e teses e da elaboração de um inventário a partir de informações constantes da rede mundial de computadores para caracterização das ICES e, especialmente, das Universidades Comunitárias Católicas no Brasil e no Mundo. Com o fito de apreender concepções de extensão em uma universidade comunitária católica, tomou-se por referência para análise aspectos da extensão da Pontifícia Universidade Católica de Goiás.
Abstract: This study is linked to the research line State, Policies and History of Education and has as its object the extension in Catholic Community Universities. Its general objective was to analyze the multiple determinations that have influenced the conceptions of extension in Catholic Universities that, since the approval of Federal Law 12.881, on November 12th in 2013, are now part of a specific group in the scope of higher education: Community Institutions of Higher Education - ICES. The following questions guided the investigation: what determines the conceptions of extension of the Catholic Community Universities? In what way has university extension contributed, over time, for the ICES to maintain their differentiated identity before the State? The studies revealed that: i) there is not only a conception of extension in force in Brazilian universities. Such conceptions are forged in the conceptions of a disputed university in society and are, in one way or another, also referred to the forms of understanding that one has of the relation of exteriority between university and society; ii) the ICES have a complex identity, marked by ambiguities insofar as they converge, in addition to the elements that make up their logos and ethos as a social institution and the particularities of the university in Brazil, the fact that they are nonprofit, mostly philanthropic, therefore in interface with the National Policy of Social Assistance. In addition, their recognition by the State as community IES because of their differentiated work, including through extension, have consolidated them as non-state public institutions - a field that is interposed between public IES and private IES in the strict sense; iii) in the case of Catholic ICES, the orientations emanating from the Catholic Church are added to this identity. From the studies carried out, it is understood that the conceptions of the extension of these Universities determine the tensions between elements of Science, Faith, State and, gradually, the Market, and these elements also conform the identity of these institutions. This calls into question the paradoxes, dilemmas and contradictions that historically demarcate it, and also make it a field of dispute for university conceptions and, at the most, society. As a methodological course, documentary analysis was used in a broad sense, mainly through bibliographical research, analysis of dissertations and theses, and the elaboration of an inventory based on information from the worldwide computer network to characterize ICES and, especially, Of Community Catholic Universities in Brazil and in the World. With the purpose of apprehending conceptions of extension in a Catholic community university, aspects of the extension of the Pontifical Catholic University of Goiás were taken by reference for analysis.
Palavras-chave: Extensão universitária
Universidades comunitárias católicas
Público não-estatal
ICES
University extension
Catholic community universities
Non-state public
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Educação - FE (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Educação (FE)
Citação: JESUS, Janaína C. A extensão em universidades comunitárias Católicas: tensões entre ciência, fé, estado e mercado. 2016. 272 f. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/7149
Data de defesa: 30-Nov-2016
Aparece nas coleções:Doutorado em Educação (FE)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese - Janaina Cristina de Jesus - 2016.pdf3,05 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.