Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/8292
Tipo do documento: Dissertação
Título: A leitura freudiana de Norbert Elias sobre o nazismo: civilização como produtora de anticivilização
Título(s) alternativo(s): The freudian reading of Norbert Elias on Nazism: civilization as a producer of anticivilization
Autor: Braga, Sabrina Costa
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/3937621434163282
Primeiro orientador: Carvalho, Eugênio Rezende de
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/6512128178979996
Primeiro membro da banca: Carvalho, Eugênio Rezende de
Segundo membro da banca: Fredrigo, Fabiana de Souza
Terceiro membro da banca: Durães, Telma Ferreira do Nascimento
Resumo: As analogias entre as ideias de Norbert Elias e Sigmund Freud já foram tema de diversos estudos que comprovaram haver relação no modo em que ambos os autores compreendem as sociedades humanas. Para além dos estudos sobre o processo civilizador, Elias se dedicou a busca pela explicação de como foi possível a existência de campos de concentração no corpo de uma sociedade civilizada como a Alemanha do Século XX. O nosso objetivo aqui é, além de apontar a presença da psicanálise na teoria do processo civilizador de Elias, mostrar como a psicanálise está presente também em sua interpretação do fenômeno nazista. Para alcançar tal objetivo, partimos de uma investigação detalhada da obra de Elias, começando por uma abordagem do contexto histórico e cultural em que viveu e das condições de produção de seus escritos, passando por um estudo detalhado dos aspectos mais importantes de sua análise do nazismo, até chegarmos à psicanálise como um eixo de compreensão possível para a teoria eliasina.
Abstract: The comparisons between the ideas of Norbert Elias and Sigmund Freud have been the subject of several studies that stablish that there is a connection in the way both authors understand human societies. In accordance with the studies about the civilizatory process, Elias devoted himself to the search of explanations of how, within a civilized society like the one in 20th Century Germany, the existence of concentration camps was made possible. Our goal here is to beyond pointing out the presence of psychoanalysis in Elias theory of the Civilizatory process, to also show how psychoanalysis is present in its interpretation of the Nazi phenomenon. In order to reach such goal, we start from a detailed investigation of Elias’s work, from his approach to the historical and cultural context in which he lived and the conditions in which his writings were produced. Then moving on to a detailed study of the main aspects of his analysis of Nazism, until we come to the role of psychoanalysis as a possible axis for understanding the Elisian theory.
Palavras-chave: Norbert Elias
Sigmund Freud
Nazismo
Civilização
Nazism
Civilization
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de História - FH (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em História (FH)
Citação: BRAGA, S. C. A leitura freudiana de Norbert Elias sobre o nazismo: civilização como produtora de anticivilização. 2018. 125 f. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/8292
Data de defesa: 27-Fev-2018
Aparece nas coleções:Mestrado em História (FH)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Sabrina Costa Braga - 2018.pdf1,38 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons