Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/8518
Tipo do documento: Dissertação
Título: O discurso de intolerância religiosa no filme O pagador de promessas sob a perspectiva da análise do discurso ecológica
Título(s) alternativo(s): The religious intolerance speech on The promise payer film under the perspective of ecological speech analysis
Autor: Luiz, Michelly Jacinto Lima
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/9352897549436444
Primeiro orientador: Couto, Elza Kioko Nakayama Nenoki do
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/8282195794917233
Primeiro membro da banca: Couto, Elza Kioko Nakayama Nenoki do
Segundo membro da banca: Ribeiro, Renata Rocha
Terceiro membro da banca: Siqueira, Kênia Mara de Freitas
Resumo: O objeto de estudo desta dissertação é o discurso de intolerância religiosa apresentado no filme O Pagador de Promessas (1962). O filme em estudo já foi objeto de investigação de pesquisa na academia, nas áreas de Literatura e Artes. Contudo, após investigação constatamos que esta obra fílmica nunca foi analisada a partir dos pressupostos da Análise do Discurso Ecológica. O filme “O pagador de promessas” retrata a história do embate ideológico entre padre Olavo (representado por Dionísio Azevedo) e o protagonista Zé do Burro (representado por Leonardo Villar). Em síntese, a obra narra a história de Zé do Burro, que faz uma promessa a Santa Bárbara para alcançar a cura de seu burro de estimação e, ao conseguir a graça almejada, inicia sua peregrinação. Na tentativa de pagar sua promessa, narra ao padre que havia feito uma promessa à Santa, em um terreiro de candomblé, na qual prometia que, caso seu burro de estimação se curasse, ele carregaria uma cruz tão pesada quanto a de Cristo até a Igreja de Santa Bárbara, além de dividir suas terras igualmente com os demais lavradores da região. Entretanto, o padre não permite a entrada de Zé do Burro na igreja, por sua promessa ter sido realizada em um terreiro de candomblé, o que vai gerar todo o embate na obra fílmica. A força e a atualidade desse enredo é o que motivou o tema dessa dissertação: o discurso de intolerância religiosa no filme O Pagador de Promessas sob a perspectiva da Análise do Discurso Ecológica. Desse modo, o objetivo geral da presente pesquisa é o de demonstrar como a intolerância religiosa conduz ao sofrimento em seus âmbitos natural, mental e social e como o filme é representativo em relação a isso. Como aporte teórico, utilizamos a Análise do Discurso Ecológica que está inserida no contexto da linguística ecossistêmica, vertente da Ecolinguística praticada no Brasil, a Antropologia do Imaginário, além dos fundamentos da Análise Fílmica. Os procedimentos metodológicos aqui utilizados incluem a análise fílmica, mitocrítica e a ecometodologia aplicada pela ADE. Dessa maneira, foi possível observar da perspectiva da Análise do Discurso Ecológica que o todo o sofrimento que as personagens são expostas no decorrer da narrativa fílmica são motivados pelas disjunções culturais e pela não aceitação da diversidade, decorrentes da intolerância religiosa.
Abstract: The object of study of this dissertation is the discourse of religious intolerance presented in the movie The Payer of Promises (1962). The film under study has already been the object of investigation of research in the academy, in the areas of Literature and Arts. However, after investigation we find that this film work has never been analyzed from the assumptions of the Ecological Discourse Analysis. The film "The Payer of Promises" portrays the story of the ideological clash between Father Olavo (represented by Dionísio Azevedo) and the protagonist Zé do Burro (represented by Leonardo Villar). In summary, the work tells the story of Zé do Burro, who makes a promise to Santa Barbara to reach the cure of his pet donkey and, when he obtains the desired grace, begins his pilgrimage. In an attempt to pay his promise, he tells the priest that he had made a promise to the saint in a candomblé backyard, where he promised that if his pet donkey were cured he would carry a cross as heavy as that of Christ to the Church Of Santa Bárbara, besides dividing its lands equally with the other farmers of the region. However, the priest does not allow Zé do Burro to enter the church, because of his promise to have been held in a candomblé backyard, which will generate the whole clash in the film work. The strength and timeliness of this plot is what motivated the theme of this dissertation: the discourse of religious intolerance in the movie The Payer of Promises from the perspective of the Ecological Discourse Analysis. Thus, the overall objective of this research is to demonstrate how religious intolerance leads to suffering in its natural, mental and social contexts and how the film is representative of it. As a theoretical contribution, we use the Ecological Discourse Analysis, which is inserted in the context of the ecosystemic linguistics, which is part of the Ecolinguistics practiced in Brazil, the Anthropology of the Imaginary as well as the Fundamentals of Film Analysis. The methodological procedures used here include the film analysis, the criticalmyth and the methodology applied by ADE. In this way, it was possible to observe from the perspective of the Ecological Discourse Analysis that all the suffering that the characters are exposed in the course of the film narrative are motivated by the cultural disjunctions and the non acceptance of the diversity, due to the religious intolerance.
Palavras-chave: Intolerância religiosa
Diversidade cultural
Imaginário
Ideologia da vida
Religious intolerance
Cultural diversity
Imaginary
Ideology of life
Área(s) do CNPq: LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Letras - FL (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Letras e Linguística (FL)
Citação: LIMA LUIZ, Michelly Jacinto. O discurso de intolerância religiosa no filme O pagador de promessas sob a perspectiva da análise do discurso ecológica. 2018. 136 f. Dissertação (Mestrado em Letras e Linguística) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/8518
Data de defesa: 15-Mar-2018
Aparece nas coleções:Mestrado em Letras e Linguística (FL)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Michelly Jacinto Lima Luiz - 2018.pdf5,8 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons