Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/8729
Tipo do documento: Tese
Título: A música sertaneja brasileira de raiz: da memória à representação cultural
Título(s) alternativo(s): The brazilian rural music: from memory to cultural representation
Autor: Gonçalves, Meire Lisboa Santos
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/6007464559470717
Primeiro orientador: Santana, Jorge Alves
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/2812435500901945
Primeiro membro da banca: Santana, Jorge Alves
Segundo membro da banca: Camargo, Flávio Pereira
Terceiro membro da banca: Rezende, Tânia Ferreira
Quarto membro da banca: Moura, Elisandra Filetti
Quinto membro da banca: Correia, Paulo Petronílio
Resumo: Esta tese tem como objetivo analisar as representações temáticas presentes na música sertaneja brasileira de raiz, que passou a ser produzida e veiculada a partir da década de 1920, mapeada pelo modo de vida rural, muitas vezes, associada à cultura caipira, ao sertão e à viola. A investigação desenvolvida buscou contextualizar as concepções desse estilo musical a partir da construção histórica da Música Popular Brasileira, suas características e representantes principais, depois um próprio recorte do que é a música sertaneja de raiz no país. Neste intento, fundamentam-se em uma perspectiva dos estudos culturais, com apontamentos que visam perscrutar a identidade e a memória do caipira, além de analisar a construção do imaginário do homem do sertão e da voz representada nas canções que se estabelecem por meio de concepções social e cultural. Com base em pressupostos teóricos, como Andrade (2006, 2015), Bourdieu (1989), Bloch (1995), Caldas (1987), Candido (1977, 2010), Hall (1992, 2003, 2016), Halbwachs (2013), Le Goff (1990, 1992) Mariz (2005), Nepomuceno (1999), Patlagean (1992), Pesavento (2007), Peter Burke (2000, 2010), Ricouer (2007), Romildo Sant’Anna (2000), Tinhorão (2010), Woodward (2000) entre outros, opta-se por uma análise discursivo-literária da música sertaneja brasileira de raiz e suas aproximações temáticas diversas e diferenciadas em um universo amplo e produtivo. Assim, pretende-se, traçar a formação identitária e cultural do homem do campo, bem como apresentar as faces do sertão, do sertanejo pela perspectiva do campo e da cidade, abordando a temática do saudosismo na música caipira. Além desses aspectos será abordada a construção da memória e do imaginário do sertanejo, apontando algumas histórias sertanejas que problematizam o amor e suas variadas concepções, bem como representações discursivas misóginas no gênero em questão. Nesse sentido, serão apresentadas canções, tais como: Chico Mineiro (Tonico e Francisco Ribeiro), Franguinho na Panela (Moacyr dos Santos e Paraíso), O doutor e o caipira (Goiano e Geraldinho), Saudade de minha terra (Goiá), Saco de Ouro (Paraíso e José Caetano Erba) entre outras, em que serão destacados elementos descritos diretamente nas letras das canções de compositores e duplas variadas, sem uma pressuposição ou recorte espaço-temporal, pontuando as transformações e modificações que a música, como forma de comunicação, provoca no contexto sociocultural, bem como os aspectos de identidade, imaginário e memória.
Abstract: This thesis aims to analyze the thematic representations present in Brazilian rural music, which began to be produced and transmitted from the 1920s, mapped by the rural way of life, often associated with a rural culture, the backland and the Brazilian guitar. The research developed sought to contextualize the conceptions of this musical style from the historical construction of Brazilian Popular Music, its characteristics and main representatives, then it has made a proper cut of what is Brazilian rural music in the country. In this attempt, based on a perspective of cultural studies, with notes which aimed at examining the identity and memory of the backland person, as well as analyzing the construction of the imagery of the man from the backland and the voice represented in the songs that are established through social and cultural conceptions. Based on theoretical assumptions, such as Andrade (2006, 2015), Bourdieu (1989), Bloch (1995),Caldas (1987), Candido (1977, 2010), Hall (1992, 2003, 2016), Halbwachs (2013), Le Goff (1990, 1992) Mariz (2005), Nepomuceno (1999), Patlagean (1992), Pesavento (2007), Peter Burke (2000, 2010), Ricouer (2007), Romildo Sant’Anna (2000), Tinhorão (2010), Woodward (2000) among others, it is opted for a discursive-literary analysis of Brazilian rural music from the roots and its different thematic approaches and differentiated in a broad and productive universe. Thus, it is intended to trace the identity and cultural formation of rural man, as well as presenting the faces of the backland, from the backland man by the perspective of the countryside and the city, addressing the theme of nostalgia in rural music. Besides these aspects, it will be approached the construction of memory and imaginary of the backland man, pointing out some rural stories that problematize the love and its varied conceptions, as well as misogynistic discursive representations in the analised genre. In this sense, it will be presented songs such as Chico Mineiro (Tonico e Francisco Ribeiro), Franguinho na Panela (Moacyr dos Santos e Paraíso), O doutor e o caipira (Goiano e Geraldinho), Saudade de minha terra (Goiá), Saco de Ouro (Paraíso e José Caetano Erba) and others that will be highlighted the elements described directly in the lyrics of the songs by composers and diversified pairs without a space-time presupposition or clipping, punctuating the transformations and modifications that music, as a form of communication, causes in the sociocultural context and also the aspects of identity, imaginary and memory.
Palavras-chave: Música sertaneja brasileira de raiz
Sociedade
Cultura
Identidade
Memória
Brazilian rural music
Society
Culture
Identity
Memory
Área(s) do CNPq: LINGUISTICA, LETRAS E ARTES
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Letras - FL (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Letras e Linguística (FL)
Citação: GONÇALVES, M. L. S. A música sertaneja brasileira de raiz: da memória à representação cultural. 2018. 193 f. Tese (Doutorado em Letras e Linguística) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/8729
Data de defesa: 26-Jun-2018
Aparece nas coleções:Doutorado em Letras e Linguística (FL)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tese - Meire Lisboa Santos Gonçalves - 2018.pdf2,89 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons