Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/9053
Tipo do documento: Dissertação
Título: A batalha do apocalipse: a apropriação de mitos bíblicos para a criação de uma narrativa de ficção
Título(s) alternativo(s): A batalha do apocalipse: the appropriation of biblical myths
Autor: Tipple, Rebeca Ferreira
Currículo Lattes do Autor: http://lattes.cnpq.br/0558395476821429
Primeiro orientador: Faria, Zênia de
Currículo Lattes do primeiro orientador: http://lattes.cnpq.br/8316982495500415
Primeiro membro da banca: Faria, Zênia de
Segundo membro da banca: Camargo , Flávio Pereira
Terceiro membro da banca: Sebba, Maria Aparecida Yasbec
Quarto membro da banca: Santana, Jorge Alves
Quinto membro da banca: Sales, Paulo Alberto da Silva
Resumo: A Bíblia é, sem dúvida alguma, uma obra de grande relevância para o nosso imaginário, independentemente do que pensemos ou acreditemos a respeito dela. Uma das provas disso é o fato de artistas de diferentes domínios terem utilizado diferentes aspectos da Bíblia como ponto de partida para suas criações artísticas. Este é o caso de A Batalha do Apocalipse: da queda dos anjos ao crepúsculo do mundo de Eduardo Spohr (2007), que utilizamos como corpus desta Dissertação. O objetivo deste trabalho é abordar a Bíblia como matéria prima para a criação do referido romance. Tendo em vista a extensão da Bíblia em seu todo, optamos por centrar este trabalho nos mitos bíblicos reescritos por Spohr em sua narrativa. Para tanto, por um lado, faremos uma breve revisão do diálogo Bíblia/Literatura. Isto implica uma incursão pelas visões teóricas contemporâneas da questão. Entre os vários estudiosos da Bíblia como literatura e de seu diálogo com obras ficcionais, nos apoiamos sobretudo em Northrop Frye e Robert Alter cujas obras foram fundamentais para o desenvolvimento desta Dissertação. Por outro lado, para examinar o diálogo da obra de Spohr com a Bíblia, nos apoiaremos sobretudo em teorias da intertextualidade, particularmente as transformações quantitativas de Gérard Genette (1982), em Palimpsestes: la littérature au second degré. Além disso, devido ao fato de Eduardo Spohr ser um autor que ficou conhecido inicialmente através da internet, discutiremos as possibilidades — tanto de inspiração quanto de publicação — viabilizadas pela diversidade de fontes do mundo contemporâneo. Ademais, devido à constatação da grande recepção de sua obra junto ao público leitor, faremos uma breve incursão na questão da chamada “literatura de entretenimento”, mais referida pelo mundo acadêmico como “literatura de massas”.
Abstract: The Bible is undoubtedly a work of great relevance to our imagination, regardless of what we think or believe about it. One of the proofs of this is that artists from different backgrounds have used different aspects of the Bible as a starting point for their artistic creations. This is the case of A Batalha do Apocalipse: da queda dos anjos aos crepúsculo do mundo by Eduardo Spohr (2007), which we have used as corpus of this Dissertation. The purpose of this work is to approach the Bible as a raw material for the creation of this novel. In view of the extension of the Bible as a whole, we chose to focus this work on the biblical myths rewritten by Spohr in his narrative. For this purpose, on the one hand, we will make a brief review of the Bible/Literature dialogue. This implies an incursion into the contemporary theoretical views of the question. Among the various scholars of the Bible as Literature and their dialogue with fictional works, we rely mainly on Northrop Frye and Robert Alter whose works were fundamental to the development of this Dissertation. On the other hand, to examine the dialogue of Spohr's work with the Bible, we will rely mainly on theories of intertextuality, particularly the quantitative transformations of Gérard Genette (1982), in Palimpsestes: la littérature au second degré. Furthermore, due to the fact that Eduardo Spohr is an author who, initially became known through the internet, we will discuss the possibilities — both of inspiration and of publication — made possible by the diversity of sources in the contemporary world. In addition, due to the confirmation of the great reception of his work by the readership, we will make a brief foray into the so-called "entertainment literature", more commonly referred to by the academic world as "mass literature".
Palavras-chave: Mito
Bíblia
Intertextualidade
Literatura
A Batalha do Apocalipse
Apropriação
Myth
Bible
Intertextuality
Literature
Área(s) do CNPq: LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Departamento: Faculdade de Letras - FL (RG)
Programa: Programa de Pós-graduação em Letras e Linguística (FL)
Citação: TIPPLE, Rebeca Ferreira. A batalha do apocalipse: a apropriação de mitos bíblicos para a criação de uma narrativa de ficção. 2018. 130 f. Dissertação (Mestrado em Letras e Linguística) - Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2018
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/9053
Data de defesa: 18-Set-2018
Aparece nas coleções:Mestrado em Letras e Linguística (FL)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertação - Rebeca Ferreira Tipple - 2018.pdf1,95 MBAdobe PDFBaixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons