Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11579
Tipo do documento: Artigo
Título: Gastrenterite infantil: análise bacteriológica, 1986-1990, Goiânia-Goiás
Título(s) alternativo(s): Children gastroenteritis: bacteríologycal analysis, 1986 - 1990. "Goiânia - Goiás", Brazil
Autor: Cavalcante, Maria Aparecida Muniz
Coutinho, Anne Lucione de Mello Pereira
Reis, Cleômenes
Resumo: Foram estudadas amostras fecais de 494 crianças de ambos os sexos hospitalizadas com gastrenterite infantil. Os casos eram sintomáticos- Alguns pacientes foram hospitalizados com diarreia, enquanto outros provavelmente desenvolveram a gastrenterite no hospital. A análise bacteriológica revelou 263 casos positivos. Ocorreram 3 casos de infecção mista, ou seja a descoberta de mais de um patógeno na mesma amostra de fezes. A bactéria predominante foi a E. coU enteropatogênica clássica ou EPEC, com 151 casos (57,4%), seguindo-seaf. cofi enteroinvasora ou EIEC, com 52 (19,3%), Shigella sp. 41 (\5,4%)eSalmonelIa typhimurium()4(\,5%), entre as enterobacteriáceas. 11 amostras de Pseudomonas aeruginosa, 3 à&Pseitdotnonas Cepoceae e umadeStaphylacoccus áureas constituíram-se entre as outras bactérias virulentas encontradas. Nos outros 231 casos (amostras negativas para bactérias intestinais patogênicas) foram observadas bactérias da microbiota intestinal normal, Rotavírus, Adenovírus, Protozoários e Helmintos(2). Não foram feitos procedimentos para análise de E. co!i toxigênica LT e ST nem pesquisa de Cryptosporidium.
Abstract: 494 fecal samples originating from children living in "Goiânia - (Goiás)" - Brazil were bacteriologycal analysed. Enteropathogenic Classic E. coli were found in 263 positive cultures for pathogenic bactéria (57,4%); Enteropathogenic invasible E. coli 52 (19,3%); Shigella sp 41 (15,4%); Salmonella typhimurium 4 (1,5%). In 16 cases Pseudomonas sp were detected 224 bactéria! culture were negatives for pathogens, were found members of normal intestinal flora. These numbers are discussed.
Palavras-chave: Gastrenterite
Análise bacteriológica
Infecção gastrintestinal
País: Brasil
Instituição: Ruy de Souza Lino Junior
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)
Citação: CAVALCANTE, Maria Aparecida Muniz; COUTINHO, Anne Lucione de Mello Pereira; REIS,Cleômenes. Gastrenterite infantil: análise bacteriológica, 1986-1990, Goiânia-Goiás. Revista de Patologia Tropical, Goiânia, v. 21, n. 1, p. 21-25, jan./jun. 1992. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/iptsp/article/view/20094/11681>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11579
Data de publicação: Jun-1992
Aparece nas coleções:IPTSP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo- Maria Aparecida Muniz Cavalcante - 1992.pdf1,13 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons