Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11673
Tipo do documento: Artigo
Título: Ação larvicida de extrato bruto etanólico de magonia pubescens st.hil. (tingui-do-cerrado), sobre o Aedes aegypti (Lin.) em laboratório
Título(s) alternativo(s): Larvicid action crude ethanol extract of Magonia pubescens St.Hil. (tingui- do- Cerrado), on the Aedes aegypti (Lin.), dengue's maio vector
Autor: Silva, Ionizete Garcia da
Santos, Adelair Helena dos
Ferri, Pedro Henrique
Alves, Rosa de Belém das Neves
Melo, Raquel Linhares
Peixoto, Luciano
Silva, Heloísa Helena Garcia da
Elias, Carmeci Natalina
Isac, Eliana
Lira, Kênia da Silva
Camargo, Marlene de Fátima
Resumo: Realizaram-se testes biológicos com extraio bruto etanólico (e.b.e.) de Magonia pubescens St.Hil., (tingui-do-cerrado) (Sapindaccae) para verificar a ação larvicida sobre o Aedes aegypti (Lin.). Os extratos foram obtidos a partir de cada parte da planta: casca do caule, envoltório da semente e semente. Após ter sido coletado, o material foi dessecado em estufa de ar forçado a 40"C, moído, percolado em etanol por 10 dias, filtrado em papel filtro qualitativo, concentrado em evaporador rotativo e dessecado em pistola à vácuo. Após a obtenção do e.b.e. de cada parte da planta, este foi dissolvido em água, em diferentes concentrações e testados com larvas de 4° estádio de A.aegypti para determinar a DLjQ, que foi de 35, 55 e 150 mg do e.b.e./lQQ ml de água destilada, repectivamente, para semente, envoltório da semente e casca do caule. Cada experimento foi realizado com 20 frascos descartáveis, com capacidade para 30 ml, com uma larva em cada um deles e observados por 24 horas. As larvas foram criadas em câmara biológica climatizada a 28 ± 1°C, umidade relativa de 80 ± 5% e fotofase de 12 horas. Os testes biológicos com os e.b.e. foram realizados em outra câmara, climatizada similarmente. Entre os experimentos realizados, os e.b.e. da semente e seu envoltório, mostraram-se mais eficientes larvicidas do que os e.b.e. da casca do caule
Abstract: Biological tests were performed with crude ethanol extract of Magonia pubescens St. Hil., (tingui-do-cerrado) (Sapindaceae) to check Aedes aegypti's action larvicid. The extracts were obtained from each part of the plant: wood's skin, seed's cover and seed, after to have been collected, the material was desiccate in air stove at 40°C, crushed, percolate in ethanol for 10 days, fíltrate in qualitative filter paper, concentrate in rotative evaporator and desiccate in vacuum pistol. After obtainment of crude ethanol extract of each part of the plant, it was dissolved in water with differents concentrations and tested with 4° instar of A.aegypti's larval to determinate DL5Q. This was of 35, 55 and 150 mg of crude ethanol extract/100 ml of water distilled, respectively, for seed, seed's cover and wood's skin. Each experiment was accomplished with 20 flask with capacity 30 ml with one larva in each flask and observed for 24 hours. The larvas were created in biological chamber at 28 ± 1°C , 80 ± 5% of relative humidity and photophase of 12 h. The biological tests were performed in another similar chamber. Among the experiments realized, the crude ethanol extract of the seed and seed's cover showed more effícient larvicids than of wood's skin and fruit's capsule.
Palavras-chave: Magonia pubescens
Aedes aegypti
Tingui
Controle
Dengue
Control
País: Brasil
Instituição: Ruy de Souza Lino Junior
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)
Citação: SILVA, Ionizete Garcia da; SANTOS, Adelair Helena dos; FERRI, Pedro Henrique; ALVES, Rosa de Belém das Neves; MELO, Raquel Linhares; PEIXOTO, Luciano; SILVA, Heloísa Helena Garcia da; ELIAS, Carmeci Natalina; ISAC, Eliana; LIRA, Kênia da Silva; CAMARGO, Marlene de Fátima. Ação larvicida de extrato bruto etanólico de magonia pubescens st.hil. (tingui-do-cerrado), sobre o Aedes aegypti (Lin.) em laboratório. Revista de Patologia Tropical, Goiânia, v. 25, n. 1, p. 51-59, jan./jun. 1996. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/iptsp/article/view/18478/10956>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11673
Data de publicação: Jun-1996
Aparece nas coleções:IPTSP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Ionizete Garcia da Silva - 1996.pdf2,01 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons