Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11697
Tipo do documento: Artigo
Título: Diminuição da sobrevivência do dipetalogaster maximus pela infecção da cepa y do trypanosoma cruzi em condições de jejum absoluto
Título(s) alternativo(s): Aspects of biological interaction between dipetalogaster maximus (hemiptera, reduviidae) and the trypanosoma cruzi strain y (kinetoplastida, trypanosomatidae)
Autor: Badauy, Renato Calixto
Silva, Heloísa Helena Garcia da
Silva, Ionizete Garcia da
Resumo: Estudaram-se os aspectos da relação interespecífica entre o Dipetalogaster maximus e a Cepa Y do Trypanosoma cruzi, através do ciclo evolutivo e da resistência do jejum. Os triatomíneos cruzi, foram criados e separados em grupo de 60 insetos para cada experimento. Num grupo, ninfas 􀁋 de 1º estádio de D. maximus foram infectadas no 10º dia após a 􀁌eclosao, com a Cepa Y de T.cruzi com a finalidade de esclarecer a relação interespecífica existente􀁗 entre o inseto hospedeiro e o protozoário parasito.Não houve diferença significativa enter a duração média do ciclo evolutivo de triatomíneos não infectados (201, 1 e 202,6 dias) e infectados pelo T. cruzi (204,8 e 204, 2 dias). A sobrevivência média ao jejum absoluto de D. maximus infectados pelo T. cruzi foi de 79 2, 97,3, 146,5, 155,0 e 124,4 dias, respectivamente, aos 2º, 3º, 4º e 5º estádios e adultos, e de não infectados foi de 91, 2, 117,6, 127,9, 136,4, 198,8 e 127,3 dias, respectivamente, aos 1º, 2º, 3º, 4º e 5º estádios e adultos. Os resultados mostram a diminuição significativa da sobrevivência das ninfas infectadas de 2º, 3º e 5º estádios, o que poderá indicar uma típica relação de parasitismo do T. cruzi na lus do intestino do vetor, utilizando nutrientes ao hospedeiro e diminuindo a sobrevivência quando em estado de jejum absoluto.
Abstract: Aspects of Dipetalogaster maximus biology were studied in Trypanosoma cruzi (strain Y) infected and parasite-free insects in order to understand the interspecific relationship between host insect and the protozoan parasite. Sixty first instar nymphs, infected with T. cruzi ten days after hatch, and sixty parasite free first instar nymphs were reared at 28°± lºC and 70 ± 5% humidity. Medium period of nymphal development including 30 days of egg incubation was 201.1 and 204.8 days for uninfected and infected males and 202.5 and 204.2 days for uninfected and infected females. Medium time survival after starving was 79.2; 97.3; 146.5; 155.0; and 124.2 days for 2"d, 3'd, 41h and 5th instar nymphs and adults and 91.2; 117.6; 127.9; 136.4; 198.8 and 127.3 days for uninfected 1'1, 2"d, 3'd, 4t1', 5th and adults. The results show significant decrease on the survival of infected nymphs of 2º, 3º and 5º instars. This may indicate a typical T. cruzi parasitism relationship in the vector's intestine which may utilize vital nutrients to the host, tbus decreasing survival when in a state of absolute fast.
Palavras-chave: Dipetalogaster maximus
Trypanosoma cruzi
Bilogia
Doença de Chagas
Chagas' disease
País: Brasil
Instituição: Ruy de Souza Lino Júnior
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)
Citação: BADAUY, Renato Calixto; SILVA, Heloisa Helena Garcia da; SILVA, Ionizete Garcia da. Diminuição da sobrevivência do dipetalogaster maximus pela infecção da cepa y do trypanosoma cruzi em condições de jejum absoluto. Revista de Patologia Tropical, Goiânia, v. 28, n. 1, p. 56-63, jan./jun. 1999. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/iptsp/article/view/17138/10328>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11697
Data de publicação: Jun-1999
Aparece nas coleções:IPTSP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Renato Calixto Badauy, - 1999.pdf2,01 MBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons