Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11754
Tipo do documento: Artigo
Título: Avaliação de citocinas em secreção endocervical de mulheres com candidíase, tricomoníase ou vaginite bacteriana
Título(s) alternativo(s): Evaluation of cytokines in endocervical secretions of women with candidiasis, trichomoniasis or bacterial vaginitis
Autor: Campos, Ana Claudia Camargo
Murta, Eddie Fernando Candido
Michelin, Márcia Antoniazi
Paulinelli, Régis Resende
Reis, Cleômenes
Resumo: Os processos infecciosos na vagina devidos a micro-organismos são muito comuns. As vulvovaginites são, em grande parte, causadas por protozoários, leveduras, bactérias e/ou vírus. Sua erradicação ou contenção é normalmente mediada pelas citocinas da mucosa vaginal. O presente estudo teve a intenção de verificar a concentração de citocinas IL-2, IL-6, IL-10, IL-12, IFN-γ, TNF-α e suas relações com alguns dos agentes das infecções. Foram incluídas 173 mulheres sexualmente ativas com idade entre 16 e 48 anos, média de 31,4 ± 6,5 anos, as quais foram divididas nos seguintes grupos: controle, com candidíase, com tricomoníase e com vaginite bacteriana. As amostras foram submetidas ao cultivo e, posteriormente, à identificação do micro-organismo. Em seguida, foi feita a dosagem de citocinas da secreção endocervical por meio do teste ELISA. Os dados foram submetidos à análise estatística, calculando-se a mediana e o intervalo interquartil, e ao teste Mann-Whitney. Os resultados foram considerados significantes com p < 0,05. Verificou-se uma maior concentração de diferentes citocinas no trato genital inferior de mulheres com candidíase, tricomoníase, vaginite bacteriana do que naquelas com microbiota normal. No grupo controle, foram incluídas 60 (34,7%) mulheres; nos outros grupos, 19 (11,0%) apresentavam somente candidíase; 3 (1,7%), somente tricomoníase e 10 (5,8%), vaginite bacteriana; as demais apresentaram outras intercorrências como HPV ou vaginose bacteriana, entretanto não foi realizado o estudo destes casos ou da sua associação com os demais grupos. IL-2 e IL-12 mostraram-se significativamente elevadas na presença de candidíase, quando comparadas ao grupo controle, com p = 0,01 e p = 0,07, respectivamente. As pacientes com vaginite bacteriana também apresentaram níveis expressivamente aumentados com p=0,03 para IL-2 e p=0,04 para IL-12. O TNF-α mostrou-se elevado na presença de tricomoníase, com p = 0,04. Os resultados encontrados permitem sugerir que pacientes com diferentes infecções vaginais apresentam alterações na concentração de algumas citocinas.
Abstract: Infectious processes in the vagina due to infectious micro-organisms are very common. Vulvovaginitis is commonly caused by protozoa, yeasts, bacteria and/or viruses and their eradication or containment are usually mediated by cytokines of the vaginal mucosa. In this study, the intention was to measure the concentration of cytokines IL-2, IL-6, IL-10, IL-12, IFN-γ and TNF-α and their relationship with some of the infections. One-hundred and seventy three women were included, with ages between 16 and 48 years (mean=31.4 ± 6.5 years). They were distributed into four groups: control, candidiasis, trichomoniasis and bacterial vaginitis group. The samples were subsequently submitted to culture and identification of micro-organism, followed by cytokine measurements. The data was submitted to statistical analysis. Median, interquartile range and the Mann-Whitney test was employed and considered significant when p<0.05. The levels of cytokines in the lower genital-tract of women with candidiasis, trichomoniasis, bacterial vaginitis were higher than those with normal flora. Sixty (34.7%) women were in the control group, 19 (11.0%) presented only candidiasis, three (1.7%) presented trichomoniasis, and only ten presented (5.8%) bacterial vaginosis. The remaining participants had comorbidities such as HPV or bacterial vaginosis, although the study of these last two or association with other conditions was not performed. IL-2 and IL-12 were significantly elevated in the presence of candidiasis, compared with the control group p=0.01 and p=0.07, respectively. Patients with bacterial vaginitis also had statistically significant increased levels for IL-2 (p=0.03) and for IL-12 (p=0.04). TNF-α was elevated only in the presence of trichomoniasis p=0.04. We concluded that patients with vaginal infections had an increase in the concentrations of some cytokines.
Palavras-chave: Candidíase
Tricomoníase
Vulvovaginites.
Citocinas
Candidiasis
Trichomoniasis
Vulvovaginitis Cytokines
País: Brasil
Instituição: Ruy de Souza Lino Junior
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública - IPTSP (RG)
Citação: CAMPOS, Ana Claudia Camargo; MURTA, Eddie Fernando Candido; MICHELIN, Márcia Antoniazi; PAULINELLI, Régis Resende; REIS, Cleômenes. Avaliação de citocinas em secreção endocervical de mulheres com candidíase, tricomoníase ou vaginite bacteriana. Revista de Patologia Tropical, Goiânia, v. 40, n. 2, p. 125-136, abr./jun. 2011. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/iptsp/article/view/14938/9291>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11754
Data de publicação: Mai-2011
Aparece nas coleções:IPTSP - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo -Ana Claudia Camargo Campos - 2011.pdf457,47 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons