Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11816
Tipo do documento: Artigo
Título: The study of aquatic macrophytes in Neotropics: a scientometrical view of the main trends and gaps
Título(s) alternativo(s): O estudo de macrófitas aquáticas na região neotropical: uma visão cienciométrica dos principais padrões e lacunas
Autor: Padial, André Andrian
Bini, Luis Mauricio
Thomaz, Sidinei Magela
Resumo: Macrófitas compreendem um diverso grupo de organismos macrofíticos, incluindo angiospermas, samambaias, musgos, hepáticas e algumas macroalgas que ocorrem em ambientes sazonalmente ou permanentemente inundados. Dentre outras implicações, as macrófitas aquáticas são altamente produtivas e com um importante papel na estruturação nos ambientes aquáticos. Estudos ecológicos envolvendo plantas aquáticas cresceram substancialmente nos últimos anos. Entretanto, uma visão precisa das pesquisas sobre macrófitas na região Neotropical é necessária para uma avaliação confiável da produção científica. No presente estudo, uma análise cienciométrica sobre macrófitas Neotropicais foi realizada com o intuito de identificar os principais padrões e lacunas nas pesquisas sobre esse grupo biológico. As publicações sobre macrófitas na região Neotropical cresceu conspicuamente nas últimas duas décadas. Brasil, Argentina, México e Chile foram os mais produtivos dentre os países Neotropicais. As análises mostraram que os estudos enfocaram principalmente as influências das macrófitas nos organismos e nas características abióticas. Estudos com uma abordagem preditiva ou testando hipóteses ecológicas são escassos. Adicionalmente, pesquisas com o objetivo de descrever espécies desconhecidas ainda são necessárias. Isso é essencial para subsidiar esforços de conservação e investigações futuras testando hipóteses ecológicas.
Abstract: Aquatic macrophytes comprises a diverse group of organisms including angiosperms, ferns, mosses, liverworts and some macroalgae that occur in seasonally or permanently wet environments. Among other implications, aquatic macrophytes are highly productive and with an important structuring role on aquatic environments. Ecological studies involving aquatic plants substantially increased in the last years. However, a precise view of researches devoted to aquatic macrophytes in Neotropics is necessary to reach a reliable evaluation of the scientific production. In the current study, we performed a scientometrics analysis of the scientific production devoted to Neotropical macrophytes in an attempt to find the main trends and gaps of researches concerning this group. The publication devoted to macrophytes in Neotropics increased conspicuously in the last two decades. Brazil, Argentina, Mexico and Chile were the most productive among Neotropical countries. Our analyses showed that the studies dealt mostly with the influences of aquatic macrophytes on organisms and abiotic features. Studies with a predictive approach or aiming to test ecological hypothesis are scarce. In addition, researches aiming to describe unknown species are still necessary. This is essential to support conservation efforts and to subsidize further investigations testing ecological hypotheses.
Palavras-chave: Macrófitas aquáticas
Biodiversidade
Ciências da informação
Macrophytes
Neotropics
Scientometrics
Trends
Lacks
País: Brasil
Instituição: Instituto Internacional de Ecologia
Unidade acadêmica: Instituto de Ciências Biológicas - ICB (RG)
Citação: PADIAL, A. A.; BINI, L. M.; THOMAZ, S. M. The study of aquatic macrophytes in Neotropics: a scientometrical view of the main trends and gaps. Brazilian Journal of Biology, São Carlos, v. 68, n. 4, suppl., p. 1051-1059, Nov. 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S1519-69842008000500012
Identificador do documento: 10.1590/S1519-69842008000500012
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11816
Data de publicação: Nov-2008
Aparece nas coleções:ICB - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - André Andrian Padial - 2008.pdf463,49 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons