Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11822
Tipo do documento: Artigo
Título: Food spectrum and trophic structure of the ichthyofauna of Corumbá reservoir, Paraná river Basin, Brazil
Autor: Agostinho, Karla Danielle Gaspar da Luz
Bini, Luis Mauricio
Fugi, Rosemara
Agostinho, Angelo Antonio
Júlio Júnior, Horácio Ferreira
Resumo: Neste estudo avaliamos a plasticidade trófica em peixes. Nós esperamos que amostras obtidas com uma ampla escala temporal e espacial, incluindo mudanças ambientais como represamentos, nos permita cobrir a maior parte desta plasticidade. Foi avaliada também a eficiência do método de ordenação em discriminar os grupos tróficos baseado na dieta das espécies. As amostragens foram realizadas mensalmente de março/96 a fevereiro/99 em 17 estações de coleta na bacia do rio Corumbá antes e após a formação do reservatório de Corumbá. Foram analisados 9177 conteúdos estomacais, pertencentes a 64 espécies. As categorias tróficas foram discriminadas através de uma análise de agrupamento não hierárquica denominada K-means aplicada aos dados de dieta. A maioria das espécies apresentou elevada plasticidade trófica, consumindo uma grande variedade de itens alimentares. A disponibilidade dos recursos alimentares, estimada através de todos os conteúdos estomacais, foi similar entre os ambientes a exceção dos riachos, onde ocorreu maior heterogeneidade e os insetos terrestres tiveram grande importância. A análise K-means revelou resultados satisfatórios, identificando nove grupos tróficos (detritívoros, herbívoro-piscívoros, insetívoro-herbívoros, onívoros, invertívoros, insetívoros aquáticos, piscívoro-insetívoros, piscívoros e herbívoros).
Abstract: In this paper we evaluate plasticity of fish concerning diet. We expect that sampling over a large temporal and spatial scale, including environmental changes such as impoundments, will allow us to cover most of the diet plasticity. We also evaluate the efficacy of ordination method in discriminating trophic groups based on fish species diet. Data were obtained from 17 sampling stations sampled monthly from March/96 to February/99 in the Corumbá river drainage, before and after the formation of the Corumba reservoir. Diet was determined analysing 9,177 stomach contents from 64 fish species. Trophic categories were discriminated by a non-hierarchic grouping analysis named k-means, applied to diet data. Most of the species presented great trophic plasticity, eating a great variety of food items. Resources availability, estimated from all fish stomach contents, was similar among environments, except in creeks, where it varied more with a large importance of terrestrial insects. K-means present satisfactory results, identifying nine trophic groups (detritivores, herbivore-piscivores, insectivore-herbivores, omnivores, invertivores, aquatic insectivores, piscivore-insectivores, piscivores and herbivores).
Palavras-chave: Fish diet
Feeding plasticity
Resources availablility
País: Brasil
Instituição: Sociedade Brasileira de Ictiologia
Unidade acadêmica: Instituto de Ciências Biológicas - ICB (RG)
Citação: AGOSTINHO, Karla D. G. Luz; BINI, Luis Mauricio; FUGI, Rosemara; AGOSTINHO, Angelo A.; JÚLIO JÚNIOR, Horácio F. Food spectrum and trophic structure of the ichthyofauna of Corumbá reservoir, Paraná river Basin, Brazil. Neotropical Ichthyology, Maringá, v. 4, n.1, p. 61-68, Jan./Mar. 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Identificador do documento: 10.1590/S1679-62252006000100005
Identificador do documento: 10.1590/S1679-62252006000100005
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11822
Data de publicação: Mar-2006
Aparece nas coleções:ICB - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Karla Danielle Gaspar da Luz Agostinho - 2006.pdf308,43 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons