Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11930
Tipo do documento: TCC
Título: Formação profissional inclusiva na Faculdade de Educação Física e Dança
Autor: Alves, Jessica Lima
Primeiro orientador: Wachs, Felipe
Primeiro membro da banca: Wachs, Felipe
Resumo: Esse trabalho tem o objetivo de analisar as percepções atuais dos professores da FEFD/UFG sobre a preparação, o planejamento e a execução de suas aulas em uma perspectiva de inclusão na formação profissional em Educação Física e Dança. A metodologia utilizada foi de característica qualitativa e o método escolhido para coleta de dados foi a entrevista semiestruturada. A entrevista foi conduzida a partir de um roteiro de 5 perguntas e foi realizada com 21 professores da FEFD. Percebeu-se pelas entrevistas que os professores demonstraram sensibilidade ao falar sobre inclusão no ensino superior. Grande parte dos professores afirmaram que já tiveram alunos na graduação com deficiência. E poucos professores afirmaram que fizeram adaptações em suas aulas devido as suas disciplinas serem teóricas e a maior parte dos alunos apresentarem deficiência física. Nem todos os professores tiveram na sua formação disciplinas relacionadas a inclusão, os poucos que tiveram, disseram que o que eles aprenderam não forneceu o suporte necessário para conseguir receber um aluno com deficiência em sua disciplina atualmente. Em relação ao investimento e à capacitação dos professores, todos os entrevistados afirmam que é necessário que exista. Porém, na hora de se comprometer a participar de formações para lidar com pessoas com deficiência encontram vários empecilhos. Quanto à possibilidade de uma pessoa com deficiência ser um professor de Educação Física ou Dança, todos os professores afirmam que é possível, porém, alguns professores citam que em alguns casos o professor com deficiência pode não conseguir exercer a profissão, devido à sua deficiência. Nota-se também uma preocupação de alguns professores quanto à diversidade que trabalha com as necessidades de respeitar as diferenças de modo mais amplo. Então, percebe-se os professores sabem o quanto é importante pensar em inclusão na FEFD, e que as entrevistas os levaram a questionar se realmente estão sendo inclusivos em suas aulas, e se serão inclusivos mesmo que ainda não tiveram alunos com deficiência anteriormente.
Palavras-chave: Inclusão
FEFD
Barreiras
Deficiência
País: Brasil
Instituição: Universidade Federal de Goiás
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Faculdade de Educação Física e Dança - FEFD (RG)
Nome do curso: Educação Física (RG)
Citação: ALVES, Jessica Lima. Formação profissional inclusiva na Faculdade de Educação Física e Dança. 2016. 40 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Faculdade de Educação Física e Dança, Universidade Federal de Goiás, Goiânia, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/11930
Data de publicação: 2016
Aparece nas coleções:FEFD - Trabalhos de Conclusão de Curso

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
TCCG - Educação Física - Jessica Lima Alves.pdf700,03 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons