Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/1230
Tipo do documento: Article
Título: O mundo do trabalho e a Educação Física: a formação em questão
Título(s) alternativo(s): The world of work and Physical Education: formation under review
Autor: Onofre, Tiago
Lobo, Pítias Alves
Resumo: Atualmente, o mundo do trabalho na Educação Física se divide em dois mundos: o escolar e o não escolar. Essa divisão reflete não só a necessidade de formações diferentes demandadas pelos campos de intervenção, como também as modificações que o próprio trabalho/trabalhador da área sofre no atual estágio de mudanças nas suas formas de organização. Como consequência, houve também uma divisão na nomenclatura do trabalhador para: licenciado (escolar) e graduado (não escolar) em Educação Física, que, embora tenham formações e currículos diferenciados, seguem o mesmo paradigma, voltados para a construção de competências. Sendo assim, o texto buscou analisar a problemática da formação diante desse cenário fragmentado ao identificar em pesquisas recentes qual a centralidade da preocupação de pesquisadores com a temática da formação de professores. Buscou-se relacionar como o processo de reestruturação produtiva influenciou a divisão do mundo do trabalho da área. Desse modo, após as nossas análises, propomos o resgate da ideia de uma formação ampla para um único mundo do trabalho, tendo o próprio trabalho enquanto princípio educativo, com o objetivo de superar, no processo de formação e intervenção de seus professores, a possível tensão entre mundo do trabalho e Educação Física.
Abstract: The field of work in Physical Education is currently divided into two worlds: school and non-school. This division reflects not only the need for different types of formation demanded by the two different fields, but also the changes that the work/worker in the field suffers during the present phase of changes in their forms of organization. As a result, there has also been a division in the classification of the workers: those with a Licentiate (for schools) and non-school Physical Education graduates. Although they both have distinctive curricula and training, they follow the same paradigm in teacher formation centered on the acquisition of skills. Thus, the text set out to examine the issue of formation in the context of this fragmented scenario of the field by identifying in recent research what is the central concern of researchers when dealing with the theme of physical education teacher formation. It tried to report on how the productive restructuring process has influenced the classification of the world of work in the field. So as a result of our analysis, we propose to salvage the idea of a broad education for a single world of work, having the work itself as an educational principle of formation in Physical Education in order to overcome possible tensions between the workplace and Physical Education in the process of training and intervention of its teachers.
Palavras-chave: Educação Física
Mundo do trabalho
Formação de professores
Instituição: Maria de Fátima Cruvinel
Unidade acadêmica: Centro de Pesquisa Aplicada à Educação - CEPAE (RG)
Citação: ONOFRE, Tiago; LOBO, Pítias Alves. O mundo do trabalho e a Educação Física: a formação em questão. Polyphonía, v. 21, n. 1, jan./jun. 2010. Disponível em: <http://www.revistas.ufg.br/index.php/sv/article/view/16284/9906>.
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/1230
Data de publicação: 30-Jun-2010
Aparece nas coleções:CEPAE - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
O mundo do trabalho e a Educação Física- a formação em questão - Lobo - Polyphonía_Solta a voz.PDF135,81 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.