Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12685
Tipo do documento: Artigo
Título: Estudo clínico nos olhos dos cães, tratados com 2-1 fosfato dissódico de betametasona e fosfato dissódico/acetato de dexametasona, que receberam implantes com córneas de suínos
Título(s) alternativo(s): Eye clinicai study in swine cornea implant dogs treated with 2-1 betamethasone dissodic fosphate and dissodic fosphate/ acetate dexamethasone
Autor: Chaves, Nilo Sérgio Troncoso
Barros, Paulo Sérgio de Moraes
Martins, Apóstolo Ferreira
Araújo, Eugênio Gonçalves de
Araújo, Larissa Franco de
Eurides, Duvaldo
Silva, Luiz Antonio Franco da
Resumo: Foram utilizados 10 cães, sem raça definida, com peso médio de 10kg. examinados e considerados sadios. Cada cão, a seu tempo, teve implantada no olho esquerdo córnea de suíno, e, antes da cirurgia, recebeu 4mg de fosfato dissódico/acetato de dexametasona, por via intramuscular, e uma gota de fosfato dissódico de betametaso­na e sulfato de gentamicina. Conservou-se a medicação ocular 4 vezes/dia e a intrarnuscular semanalmente, até o seu sacrifício. Após os xenoenxertos, cada córnea foi examinada, de sete em sete dias, para se avaliarem a transparência, a neoformação de vasos, a reação dos vasos episclerais e conjuntivais, a espessura da córnea (sobre­relevo ), a profundidade e a presença de depósitos na câmara anterior. Na avaliação clínica do 7º dia, todos os olhos (100%), que receberam xenotransplantes de córnea, perderam a transparência (++,+++), houve reação dos vasos episclerais (P), a profundidade da câmara anterior estava preservada (N), não houve edema (leucoma), bem como depósitos (A) na câmara anterior. No 14 º dia, com a perda de duas córneas por autotraumatismo, os outros cães tiveram suas córneas implantadas (80%), completamente opacificadas (+++), com importante reação ciliar (P), edema com sobre­relevo (A), porém mantiveram a integridade da câmara anterior (N) e sem depósitos nas mesmas (A). Com o sacrificio de mais três cães, no intervalo do 14º ao 21 ºdia, devido a efeitos colaterais dos corticosteróides, os cães restantes (50%) mantiveram seus implantes com as alterações do 14 ºdia até o final do experimento.
Abstract: asone Di&,odic Fosphate and Dissodic Fosphate/ Acetate Dexamethasone Ten mixed beed dogs, with a 10 kg average weight, were selected at Centro de Zoonoses de Goiânia. After being examined and considered healthy the dogs were enumerated from 11 to 20 on their collars. Each animal had swine comea implanted into the left eye. The swine comea was obtained at Casa de Banha Caçula, a slaughterhouse, and conserved in humid charnber for a maximum 6 hour period. Before surgery, each animal received 4 mg dissodic fosphate/acetate dexamethasone IM and was instilled one drop ofbetamethasone dissodic fosphate and one drop of gentamicin sulphate, maintaining the ocular medication once 4 times/day and the intramuscular medication once a week, until enthanasia. After xenografts being realized, each comea was examined every 7 days using direct ophthalmoscope to analyse transparency, vessels new formation, episcleral and conjunctival vessels reation, cornea thickness, depth and presence or absence of deposits into the anterior chamber. On day 7 clinicai evaluation, ali comea xenotransplant eyes (100%) had lost transparency (++,+++), there was episcleral vessels reaction (P), anterior chamber depth was preserved (N), there wasn't edema, as well as deposits (A) on anterior chamber. On day 14, with the loss oftwo corneas by "self-trauma", lhe other dogs had their implanted comeas (80%) completely opaque (+++), with important ciliary reaction (P), edema (A); however, the anterior chamber integrity was preserved (N), without presence of deposits (A). With three more dogs euthaniz.ed between days 14 and 21. due to corticosteroids side-effects. the remaining dogs (50%) preserved their implants with the day 14 alterations until the cnd of this experience.
Palavras-chave: Lesões anatomopatológicas
Xenotransplantes
Córnea
Canino e suíno
Anatomopathological lesions
Corticosteroids
Xenotransplant
canine and swine
País: Brasil
Instituição: Antônio Henrique Garcia
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos - EAEA (RG)
Citação: CHAVES, Nilo Sérgio Troncoso; BARROS, Paulo Sérgio de Moraes; MARTINS, Apóstolo Ferreira; ARAÚJO, Eugênio Gonçalves de; ARAÚJO, Larissa Franco de; EURIDES, Duvaldo; SILVA, Luiz Antonio Franco da. Estudo clínico nos olhos dos cães, tratados com 2-1 fosfato dissódico de betametasona e fosfato dissódico/acetato de dexametasona, que receberam implantes com córneas de suínos. Anais da Escola de Agronomia e Veterinária, Goiânia, v. 26, n. 2, p. 45-50, jul./dez. 1996. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/2936/2983>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/12685
Data de publicação: Dez-1996
Aparece nas coleções:EA - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Nilo Sérgio Troncoso Chaves - 1996.pdf612,8 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons