Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13045
Tipo do documento: Artigo
Título: Relações da produção de massa seca e as quantidades de nutrientes exportados por Brachiaria brizantha em solos sob o manejo pelo sistema "barreirão"
Título(s) alternativo(s): Relations between dry matter yield and the amounts of nutrients exported by Brachiaria brizantha on soils under the "barreirão" cropping system
Autor: Magalhães, Roberto Toledo de
Oliveira, Itamar Pereira de
Kliemann, Huberto José
Resumo: Avaliaram-se as relações da produção de massa seca com a exportação de nutrientes num solo do tipo Latossolo Ver-melho Escuro, distrófico, fase Cerrado, de textura franco-argilo-arenosa, em áreas de pastagem provenientes da abertura do cerrado original. Formou-se o pasto aplicando 1,5 t/ha de calcário calcítico e fazendo semeio direto com Brachiaria decumbens. Após dez anos de uso, renovou-se a pastagem através do “Sis-tema Barreirão”, corrigindo-a com 2,0 t/ha de calcário dolomítico. Numa única operação, semeou-se o arroz e a Brachiara brizantha e procedeu-se à adubação, nas profundi-dades de 3 a 5 cm e de 8 a 10 cm, respectivamente. Monitoraram-se áreas cujo tempo de implantação do sistema variava de um a seis anos, tendo como referências uma área de mata nativa e outra de dezessete anos de pastejo tradicional. Pelos dados ob-tidos conclui-se que, para manter a produtividade no sistema, em função dos nutrientes exportados pela pastagem: a) o nitro-gênio da matéria orgânica do solo e os níveis de cálcio e magnésio e de fósforo e zinco disponíveis pelo extrator Mehlich-1 no solo são insuficientes a partir do quarto ano; b) o cobre, o ferro e o manganês disponíveis são suficientes por prazos mai-ores que seis anos; c) quanto à produção de massa seca e à exportação de potássio, não foi possível estabelecer relações coerentes entre ambas.
Abstract: The relation between dry matter yield and the nutrients exported by Brachiaria brizantha on a dystrophic Oxisol (Goiás, Brazil) was assessed in a pasture established after clearing an original Cerrado area. This pasture was established by applying 1.5 t/ha of calcitic lime and direct sowing of Brachiaria decumbens. After ten years, this pasture was renewed using the “Barreirão System”. In a single operation, rice was sowed at a depth of 3 cm to 5 cm together with B. brizantha, mixed with fertilizers, placed at a depth of 8 cm to10 cm. Areas where the system has been used from one to six years were compared with a native forest and a seventeen years-old traditional pasture as reference areas. Considering the amounts of exported nutrients from the system, the data allow us to conclude that to sustain productivity of the Barreirão System: a) nitrogen from soil organic matter, levels of exchangeable calcium, magnesium and potassium, and available phosphorus and zinc (extracted by Mehlich-1 method) are insufficient after four years of use; b) available iron, copper and manganese are sufficient to keep the system going longer than six years; c) no consistent relationship between potassium exported and dry matter yield was found.
Palavras-chave: Pastagens tropicais
Braquiárias
Macro-nutrientes
Micronutrientes
Sistema Barreirão
Cerrado
Tropical pastures
Macronutrients
Micronutrients
Barreirão system
Savanah soils
País: Brasil
Instituição: João Batista Duarte
Sigla da instituição: UFG
Unidade acadêmica: Escola de Agronomia e Engenharia de Alimentos - EAEA (RG)
Citação: MAGALHÃES, Roberto Toledo de; OLIVEIRA, Itamar Pereira de; KLIEMANN, Huberto José. Relações da produção de massa seca e as quantidades de nutrientes exportados por Brachiaria brizantha em solos sob o manejo pelo sistema "barreirão". Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 32, n. 1, p. 13-20, jan./jun. 2002. Disponível em: <https://www.revistas.ufg.br/pat/article/view/2435>.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://repositorio.bc.ufg.br/handle/ri/13045
Data de publicação: Jun-2002
Aparece nas coleções:EA - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Artigo - Roberto Toledo de Magalhães - 2002.pdf146,47 kBAdobe PDFThumbnail
Baixar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons